Análise gráfica das finanças do Flamengo



O Flamengo publicou recentemente suas demonstrações financeiras de 2015 e os números foram extremamente positivos.

Para ajudar na compreensão dos números publico aqui no blog uma análise gráfica sobre o histórico financeiro do clube. Acredito que a análise por meio de gráficos é a melhor maneira de ter uma clara visualização da melhora dos números, especialmente a partir de 2012.

Os últimos 4 anos foram realmente fundamentais para o futuro saudável para o Flamengo, que naquele ano apresentou dívidas de R$ 805 milhões.

Evolução das receitas do Flamengo – R$ milhões

Receitas Historicas Fla

O clube encerrou o ano passado com uma receita total de R$ 356 milhões, um aumento de 3% na comparação com o ano anterior. Desde 2012 o aumento do faturamento foi de 68%, quando gerou R$ 212 milhões.

Nos últimos anos houve uma incremento substancial dos patrocínios que saltaram de R$ 34 milhões em 2012 para R$ 85 milhões em 2015. Outro grande alavancador das receitas foi o sucesso do Sócio Torcedor que está estabilizado nos R$ 30 milhões e a bilheteria que atingiu R$ 44 milhões no ano passado.

Fontes de Receitas do Flamengo – R$ milhões

Fontes de receitas fla

Um dado interessante é notar que mesmo sendo o clube que mais arrecada com direitos de TV no Brasil, os valores a cada ano caíram em representatividade. O dinheiro da TV caiu de 52% das receitas em 2012 para 33% em 2014. E apresentou uma evolução para 36% em 2015.

Fontes de Receitas do Flamengo – Em %

% Receitas

O balanço do Flamengo chamou a atenção pelo efetivo controle orçamentário do clube, que mesmo sendo o que mais fatura no Brasil, não está com seus custos descontrolados.

Em 2015 os custos com futebol do Flamengo atingiram  R$ 147 milhões, frente aos R$ 170 milhões de 2014. De forma única no Brasil um clube vem conseguindo controlar seus custos, mesmo com aumento de receitas.

Evolução dos custos com futebol do Flamengo – R$ milhões

custos futebol

Evolução das receitas e custos com futebol  do Flamengo – R$ milhões ( Indicador em %)

Custo Futebol

Em toda a história financeira recente do clube os custos com futebol nunca representaram tão pouco das receitas.

Esse controle orçamentário permitiu que nos últimos dois anos o Flamengo encerrasse a temporada com alta lucratividade. Em 2014 o superávit foi de R$ 64 milhões e em 2015 de incríveis R$ 130 milhões.

Evolução dos déficits / superávits do Flamengo – R$ milhões

Deficits superavits

O ótimo resultado de 2015 foi consequência do contorle na finanças e pelo desconto de R$ 67,2 milhões obtido pela adesão ao Profut.

Outro ponto muito positivo foi a redução da dívida do clube, Segundo o balanço do Flamengo sua dívida em 2015 foi de R$ 579 milhões, uma redução de 28% na comparação com 2012 quando em seu pior momento financeiro a dívida alcançou R$ 805 milhões.

O clube considera uma dívida líquida de R$ 481 milhões, já que desconta no cálculo o adiantamento de longo prazo dos contratos com a TV e patrocinadores (luvas). Nesse caso a queda do endividamento chega a 40% na comparação com 2012.

Um indicador muito útil é o que analisa a relação Dívida total /Receita total. A idéia é mostrar quanto anos de faturamento seriam necessários para clube em tese quitar os seus débitos.

Evolução das receitas e dívidas do Flamengo – R$ milhões

Receita X Divida

Indicador Dívida Total / Receita Total

Divida X Receita

O gráfico acima mostra essa melhora incontestável. Em 2012 o índice era de 3,79 e em 2015 atingiu o menor valor da história do clube, chegando a 1,63.

Um fator importante na melhora da dívida do clube foi a redução de suas dívidas fiscais, que  passaram de R$ 400 milhões em 2012 para R$ 265 milhões em 2015, uma queda de 34%.

Dívidas Fiscais do Flamengo- R$ milhões

Fiscais

As dívidas com empréstimos cresceram nos últimos anos e foram utilizadas como parte do processo de pagamentos em dia de décadas de sonegação fiscal.  Ao que parece foi o preço a ser pago para organizar definitivamente o clube.

Os empréstimos atingiram R$ 162 milhões em 2015, 82% superior a 2012.

Dívidas com Empréstimos do Flamengo- R$ milhões

Empréstimos

 

Esses empréstimos geram um peso muito grande para o clube, já que as despesas financeiras são elevadas. Nos últimos quatro anos o Flamengo gastou R$ 231 milhões em despesas financeiras, que incluem encargos dos empréstimos e também dos parcelamentos de impostos.

Despesas Financeiras do Flamengo- R$ milhões

financeiras

Mesmo com todas as dificuldades, o Flamengo pode ser considerado um modelo de gestão financeira para o futebol brasileiro pois mantém firme em sua administração o tripé: Busca de novas receitas, controle efetivo dos custos e redução constante das dívidas.

Por isso é fundamental olharmos a situação financeira do Flamengo atual e seu passado.

O clube é a prova que boa gestão é suficiente para organizar décadas de irresponsabilidade administrativa.



MaisRecentes

Finanças dos clubes brasileiros em 2017



Continue Lendo

São Paulo melhora números financeiros



Continue Lendo

Finanças do Corinthians em 2017



Continue Lendo