Tour; resumo e melhores x piores - Solta o freio

Tour; resumo e melhores x piores



Como sempre após as grandes voltas vale a pena avaliar o que de melhor e pior aconteceu.

Esse Tour vai levar uma nota 8,5. Uma pequena repassada nos melhores momentos e a constatação de que foi muito melhor do que as últimas edições.

 

A performance do Alaphilippe, várias equipes se revezando nas vitórias das etapas, pouca dominação nas montanhas e nos sprints, tudo isso gerou emoção e etapas boas de serem assistidas.

Perde pontos pelo que deveríamos ter visto e infelizmente não conseguimos. Destaco duas coisas para “descontar” da nota 10 e dessa vez não por culpa da organização.

  • As 2 etapas decisivas nos Alpes sofreram enormemente com a neutralização e cancelamento de montanhas devido as condições climáticas. Seriam montanhas chave na disputa da amarela. Embora eu ache que Bernal ainda sairia campeão e talvez alterasse mesmo só o pódio.
  • Pinot ter abandonado por um motivo “besta” nos tirou a única real chance que alguém tinha de desafiar a dupla Bernal/Thomas nos Alpes. Aliás, a TV francesa teve incrível e raro acesso aos bastidores da equipe(Grupama) no Tour. Vale MUITO assistir. A confirmação da boa forma logo na etapa 6, a frustração na etapa do vento, a recuperação nos Pyrineus e o drama no abandono;

https://sport.francetvinfo.fr/tour-de-france/avec-thibaut

Vamos ao resumo;

  • Destaque do Tour; Alaphilippe. Inquestionável!!
  • Melhor escalador; Bernal e Pinot. Sempre foram superiores quando a estrada apontou para cima.
  • Melhor Sprinter; Ewan! Ganhou 3 etapas e foi o mais rápido. Equipe Mitchelton ano passado o barrou quando já sabia que ele sairia da equipe e prorrogou sua estreia no Tour, mas agora veio para ficar.
  • Melhor equipe; Jumbo! Ok, sei que essa será polêmica, mas para mim, melhor equipe é a que mostrou melhor conjunto de ciclistas. Já é digamos diferente ir para o Tour com reais ambições nos sprints e no GC. Ganharam 4 etapas e com 3 ciclistas diferentes, contrarrelógio por equipes, vestiram a camisa amarela e fizeram pódio. Sempre estavam presentes na ponta do pelotão nas etapas planas e a última a perder gregários na montanha. Ineos não comandou nas montanhas e Deceunick até comandou no plano, mas sumiu nas montanhas..
  • Pior equipe; Queria dar o prêmio para a Movistar e sua tática de 3 capitães de novo, mas a Dimention Data está imbatível..
  • Melhor gregário; nenhuma performance extra terrena, mas Gaudu trabalhando para o Pinot, Bennett para o Kruisjijk e a dupla Tony Martin e Kasper Asgreen quase TODOS os dias puxando o pelotão foram que me chamaram mais a atenção.
  • Melhor etapa: Etapa 15, último dia nos Pyrineus, um dia depois do Tourmalet. Foi a etapa que mais assistimos quem tinha pernas para as montanhas. Pena que não tivemos um dia parecido nos Alpes.
  • Melhor performance: Thomas De Gendt ganhando a etapa 8 escapado. Quando todo pelotão se curva para uma performance, quem sou eu para discordar?? simplesmente incrível performance de força e durabilidade..
  • Surpresa; vou colocar Wout Van Aert. Todo mundo sabia que ele iria bem no contrarrelógio e nas etapas duras com calombos, mas ganhar sprint em cima do Viviani foi realmente surpreendente..

Outro forte indicador que tivemos um bom Tour é a coleção de vários momentos que ficarão para o folclore ciclístico para sempre. Vou relacionar alguns sem estarem em ordem de importância;

  • Careta do Viviani ao ver um cyclocross ganhar dele o sprint no arremesso..
  • Dennis abandonando a prova sem avisar nem a equipe..
  • Valverde sprintando na ultima etapa dos Alpes para ficar em 2o(!?) e roubando os bônus do Landa..
  • Uran atacando na descida neutralizada e reclamando com Nibali..

Resumindo; Tour ficou em boas mãos e foi muito bom de assistir na enorme maioria dos dias.

Quanto a 2020 a prova promete. A volta do Froome, Dumoulin possivelmente na Jumbo junto com Roglic e um percurso que começará com bastante movimentação dos favoritos(GC) logo nos primeiros dias em Nice. Basta olhar as 2 primeiras etapas(abaixo) e rezar para que não tenhamos etapas completamente planas depois disso. Tomara que tenham entendido que proporcionar percursos com chances para os ataques é MUITO mais importante do que aceitar mais dinheiro das cidades para receber a largada e chegada das etapas e depois tentar “juntar” as 2 pelo caminho que der.

Que venha La Vuelta!!…

 



MaisRecentes

Vuelta foi a melhor volta de 3 semanas do ano!!



Continue Lendo

Vuelta; analisando as 2 semanas até aqui e o que esperar da última..



Continue Lendo

Vuelta; etapa 15 de domingo tem 4 montanhas categoria 1. Um monstro!!



Continue Lendo