Tour; contrarrelógio de 6a feira será Thomas x Aert... - Solta o freio

Blogs Lance!

Solta o freio

Tour; contrarrelógio de 6a feira será Thomas x Aert…



Será um contrarrelógio para os favoritos a disputa da camisa amarela. Sem dúvida definirá a disputa dos top 10 e toda a expectativa recai sobre o atual campeão e #1; G. Thomas.

Entre os que estão de disputando da camisa amarela até o top 10 e farão um bom contrarrelógio serão Kruijswijk e Buchmann. Não para disputar a etapa, mas devem ser os que perderão menos tempo entre os GCs(General Classification). Os outros pretendentes que perderem entre 30seg e 1m ficarão muito felizes com suas performances(Porte, Mas, Bernal e Yates). Outros felizes com menos de 2m(Quintana, Landa, Pinot, Fuglsang e Martin).

Acho que o V. Aert é o grande favorito. Ele ainda não conta com o “TT bar” personalizado como Roglic e Kruijswijk, que dizem(!?) melhorar 30seg em 1 hora, mas é o grande favorito. Tony Martin, seu companheiro de equipe e ex tetracampeão mundial da modalidade, passou a grande maioria dos 12 primeiros dias na ponta do pelotão, perseguindo a fuga para dar chances aos seus companheiros Groenewegen e Aert nos sprints. Ainda teve que trabalhar para defender a amarela do Teunissen, ganhador da 1a etapa. Por isso talvez conte com uma fadiga acumulada que desconte alguns segundos de sua performance.

Mesma coisa para K. Asgreen da Deceunick, que fez a mesma coisa para o Viviani e Alaphilippe. Todos os dias na ponta do pelotão por horas. Não sei se o Lampaert terá a mesma liberdade para ir a 100%, pois terá que trabalhar para E. Mas e Alaphilippe até o fim do Tour.

Encontram-se na mesma situação Kwiatkoski, Castroviejo, N. Oliveira, Durbridge e King Kung que são especialistas, mas trabalharão muito para seus capitães GC no dia seguinte.

Temos os especialistas que além de terem marcado no calendário esse dia como a grande chance de vitória tem liberdade para irem 100%. Estarão mais motivados com o abandono do atual campeão mundial da modalidade R. Dennis como A. Dowsett, C. Haga, Tratnik e alguns que podem completar os top 10 como Kragh Andersen, Kelderman, Politt, Mollema, Rosskopf e Konrad.

Sem dúvida será muito comentado o abandono do R. Dennis, que veio para esse Tour basicamente para disputar essa etapa. Seu “misterioso” abandono não ficou muito bem explicado. Não caiu e não está doente. Tem sim problemas dentro da equipe. Sabemos que não se adaptou a bicicleta da equipe(Merida), mas também reclama das rodas e até do skinsuit.

Pelo menos sua posição não mudou tanto assim. Acima de BMC ano passado e abaixo de Merida. Até parece visualmente melhor…

Isso certamente ainda dará pano para manga. Equipe Bahrain parece estar com muitos problemas para resolver. Tem também a substituição do Nibali para 2020 e quem ele levar com ele.

Chute do dia; Aert ganhando a etapa e Alaphilippe segurando a amarela por poucos segundos..

 



MaisRecentes

Vuelta foi a melhor volta de 3 semanas do ano!!



Continue Lendo

Vuelta; analisando as 2 semanas até aqui e o que esperar da última..



Continue Lendo

Vuelta; etapa 15 de domingo tem 4 montanhas categoria 1. Um monstro!!



Continue Lendo

Autor

Fernando Moyna

Começou a apreciar os esportes de resistência ainda remador infantil. Como juvenil foi campeão carioca. bicampeão brasileiro, vice-campeão sul-americano e mesmo nessa época, década de 80, sempre foi fascinado pelas poucas revistas que informavam sobre o Tour de France .Já pedalava e após o remo fez triátlons, maratonas, corridas de aventura, competições de ciclismo e mountain bike.

fbmoyna@gmail.com