Giro; cada vez mais com cara de Yates x Dumoulin.. - Solta o freio

Giro; cada vez mais com cara de Yates x Dumoulin..



11a foi excelente!! Uma mini-clássica no meio do Giro..

Apostei numa fuga, mas ela foi em pequeno número. Só com 5 no início e assim que foram alcançados, faltando 5km, Stybar(Q-Step) e Wellens(Lotto-F) saltaram do pelotão. Esses 2, que eu e todo mundo selecionou como uns dos favoritos para a etapa, pareciam que iriam disputar a chegada, mas o camisa rosa não ficou na defensiva e atacou na parte empinada da última ladeira com muita confiança. Quando o camisa do líder ataca é realmente especial. Além de mandar a mensagem de que não ficará só na defensiva manda a clara mensagem de que está sobrando. Ao mesmo tempo Dumoulin foi o único que realmente conseguiu acompanha-lo. A cada dia Dumoulin parece mais e mais em forma enquanto o Yates no pico da forma. Afinal, quando a poeira abaixou, Dumoulin perdeu só 2seg sem o contar os bônus da vitória da etapa.

Achava que o pelotão iria tentar ficar de day off e transformar a etapa em uma etapa de ligação para os GCs. e satisfeitos em ver a fuga vencer. Mas que nada! Isso é o Giro e cada dia trás uma surpresa.

Froome(Sky) continua tremendamente abaixo e toma tempo todo dia que a estrada aponta para cima. Já acumula 3m20s de atraso. Aru(UAE), Woods(EF-E) e Superman Lopez(Ast), que eram pré favoritos ao top 10 antes da largada, cada vez piores e também já acumulam +3min. Woods parece que está com alergias(pólen) e Superman já caiu 2 vezes, mas Aru realmente não se encontra a mais de 1 ano.

Pozzovivo(Bah) e Pinot(Grup) só acumulam perto de 1min de atraso e ainda podem brigar pelo pódio ou SE melhorarem na última super montanhosa 3a semana até por lugares melhores no pódio. O problema desses 2 é o contrarrelógio, que acumularão pelo menos mais 2m30s para o Dumoulin e mais 1min para o Yates.

Próximas 2 etapas são para os sprinters, mas pelo menos o Giro põe um limãozinho no final para dar alguma chance para uma fuga no último calombo. Mesmo que pequena.

A etapa de amanhã terá 214km ao longo do litoral. Equipes Q-Step e Bora são as mais interessadas em manter o controle no final para seus sprinters e irão marcar qualquer ataque dentro do circuito de F1 em Imola. É o mesmo final de 2015, só que desta vez só 1 volta.

Equipes GCs finalmente terão um descanso. A etapa de sábado com a mais difícil montanha da Europa, Zoncolan, será decisiva e poupar nessas 2 etapas será necessário. Só se ao longo do litoral entrar algum vento cruzado que possa causar a quebra do pelotão. Aí eu, que já adoro o Giro, me apaixono de vez…

Resumo; liguem a TV quando faltar 15km e verão o que realmente será emocionante.

 



MaisRecentes

Vuelta foi a melhor volta de 3 semanas do ano!!



Continue Lendo

Vuelta; analisando as 2 semanas até aqui e o que esperar da última..



Continue Lendo

Vuelta; etapa 15 de domingo tem 4 montanhas categoria 1. Um monstro!!



Continue Lendo