Uma nova alma no Fluminense?



*Por Guilherme Abrahão

Dizer que a equipe do Fluminense já está com a cara de Cristovão Borges é ser muito leviano na análise de sua primeira partida. A fragilidade do time do Horizonte também precisa ser levada em consideração. A derrota lá no Ceará foi totalmente enganosa. Afinal, o Tricolor teve total domínio do jogo como foi ontem.

Vale ressaltar, pelo menos, a ofensividade do time do novo treinador. Cristovão resolveu escalar a equipe com dois volantes apenas, sendo nem Diguinho nem Jean com característica principal de marcação, e dois meias ofensivos. A dupla de armadores, inclusive, formada por Conca e Wágner foi a dona das ações no meio de campo. Méritos para o novo comandante.

No comando de ataque, a aposta em Rafael Sobis também acabou sendo um tiro certo. Experiente, o atacante foi empurrado pela torcida e se tornou a principal arma ofensiva. Não pode-se esquecer também da boa atuação dos laterais Bruno e Carlinhos. Atuantes na hora de chamar o jogo e levar o time ao ataque.

Enfim, a cúpula de futebol deve estar feliz. O time sem alma comandado por Renato Gaúcho parece ter ficado com a saída do treinador. Agora é esperar e ver se todas as arestas, dentro e fora de campo, serão aparadas. Esse é o desafio de Cristovão. O início foi bem animador!



  • Dario Lima

    Para comandar um time de futebol não é preciso, apenas, ser um motivador, tem que entender de estratégias, tem que estudar o adversário, tem que treinar situações de ataque; enfrentamento e de alternativas para quando a situação estiver difícil. Para isto, precisa de muito trabalho. Para ser um motivador somente, é melhor que vá comandar a torcida e não um time de primeira grandeza que nem o Fluminense. Acho que o passo dado foi na direção certa. Boa sorte ao Cristovão.

  • acabou a era do rachão, pois o Renato ia pra se diverti e não treinar.
    uma matéria q vi hj me intrigou: Copa do Brasil Sub-17: Após eliminação do Cruzeiro, Rubro-Negro enfrenta o Fluminense nas quartas.
    pô se fosse o Flu era assim, Flu herda a vaga do cruzeiro. cadê a mídia que não cai matando em cima do atlético? foi derrotado pelo cruzeiro e será eliminado novamente pelo Flu? o que acontece no Brasil é o seguinte, todos contra o Flu, mesmo ele estando certo. e outra coisa o país preocupado com a copa e esta se esquecendo do fundamental, educação e saúde. em minha cidade tem escola que esta sem livros ate hj.

  • O Flu precisa se organizar o mais rapido possível e contratar jogadores pontuais para o grupo.

    Sandro zagueiro revelado em xerem está no Ceará joga muito mas não sabemos opq até hoje não foi aproveitado.
    poderia trazer mais um zagueiro também ,este seria o Anderson Salles do Ituano

    e para compor grupo e ajudaria muito o Leandro Guerreiro ,o Lateral direito Samuel do Ceará muito bom jogador.
    só que hoje sabemos quem manda no futebol são os empresários e então as vezes ficamos a espera deles,o Flu pode ter uma grande promessa da base,mas quem decide na maioria das vezes é o proprio investidor do clube,se ele ver que esta promessa pode comprometer o seu cliente que pode ser da mesma posição,na hora vai mandar barrar o atleta oriundo da base,ou emprestá-lo a outro clube.

    isso é futebol Brasileiro uma bagunça

  • Tarcisio de Negreiros

    Gostei do título do artigo: Uma nova era no Fluminense?. Entretanto arrisco a dizer voltamos a era de 2012, quando o Fluzão era respeitado pelo ataque e pelo jogo ofensivo consequência basicamente do jogo pelas laterais e pelo contra-ataque rápido nos pés do Nem e de outros. Neste contexto só times enfrentavam o Fluzao armados para se defender. Por isso tivemos a melhor defesa. A MELHOR DEFESA É O ATAQUE. Tivemos a mesma defesa em 2013 e fomos rebaixados porque (na minha opinião) jogamos sempre para se defender e fomos lento nos ataques e contra-ataques. Ouso dizer que voltamos a era de 2012, mais necessitamos de pequenos ajustes: Lateral direita – alguém tem que explicar para o Bruno que ele tem um bom potencial, mas deve ser mais “funcional e defender também”, basta se inspirar no Carlinhos. Ele tem que jogar mais SÉRIO e pensar no time, no conjunto. O time tem que jogar em função do Conca e do Fred. O treinador que entender isso e conseguir armar o time assim, será bem sucedido. Prá frente Fluzão.

  • Cristóvão, faça o time ficar compactado, o Horizonte que me desculpe, mas não pode ser o fiel da balança, ganharam como prêmio, jogar no Maracanã e conhecer um pouco o Rio, nã o tinha a mínima condição de se classificar. Valeu pelo passeio no Rio e em campo. Vão ter história para contar.Mas por favor olhos nos meninos de Xerém.
    ST/Carlos Castilho

  • claudio

    Eu vou dizer uma coisa, para mim essa vitória de ontem foi enganadora, pq o time do horizonte não jogou, e achei muito estranho aquela passividade; isso pode estar cheirando a armação, podem ter levado dinheiro, pq se o Flu fosse eliminado, poderia se instalar uma situação agravante; e além do mais esse tal de horizonte não iria muito além, tudo é possível com essa diretoria maluca.

  • Esse 2º jogo não era ném para ter acontecido, perdemos para o HORIZONTE por não ter liquidado o jogo antes, mesmo jogando desinteressado perdemos vários gols, FRED,BIRO-BIRO perderam pelo menos 2 gols feitos. Então essa tal preocupação com o jogo de volta era puramente para motivar a torcida a ir ao estádio, e que foi conseguido.
    Cristóvão, mais uma vez te peço, atenção com os meninos de xerém, lá está o nosso futuro, não podemos viver a vida toda com a preocupação do contrato com a UNIMED, um dia ele vai acabar e se não nos mexermos antes a coisa vai ficar insustentável.
    ST/Castilho Dom Fredom

  • eu soms fluminense

  • É uma nova ERA mesmo, pagar direito de imagem para Leandro Euzébio, ele é que deveria pagar para jogar no FLU…

  • É tem tudo para ser uma nova ERA , se a Diretoria contratar 2 bons beques e deixar Elivelton e Welington Carvalho como seus reservas imediato. Mas não e´com um do Volta Redonda, outro do Avaí em que o próprio Presidente deles ficou surpreso com o interesse do Flu, pois não tem ninguém lá que se destacou para ser contratado. Falaram em Manoel(Furacão), Dória e vem com esses reforços. Ou outra alternativa é pegar 2 beques Sulamericanos, Um argentino e um uruguaio que aliem técnica e raça. O BR está começando e a gente com essa cozinha estamos fritos.
    ST/Castilho

  • Sim, melhorou muito,..não teve os tradicionais chutões, teve posse de bola, toque de bola, investidas dos laterais, apesar de ainda ver o Bruno fazendo dribles para o meio(irrita), time quando melhor, tem que aproveitar a fragilidade do adversário e fazer gols e isso foi feito. Com a entrada do Wagner(jogou bem) o futebol do Conca reapareceu,…não ficou no meio só, assistindo os chutões para o Fred.
    Porém ainda vi alguns “problemas” que podem sim serem resolvidos,; a defesa continua dando show de horrores e a segunda bola em certos momentos foi para o adversário.
    No mais,… muito,… mais,… muito boa sorte ao Cristóvão e paz a direção/patrocinador, time/torcida.
    Fred, você é o cara….

  • geraldo lourenço

    Qualquer um é infinitamente melhor do que o fanfarrão enganador peladeiro Renato.
    Como um time pode sobreviver sem treinamento tático e fisico ?
    Um time profissional de futebol não pode viver de raçhão

MaisRecentes

Torcida única – Qual deve ser a posição do Fluminense?



Continue Lendo

Fred será protagonista em mais um Fla-Flu?



Continue Lendo

Vale apostar em Enderson Moreira?



Continue Lendo