As duas faces de um Fred descontraído e precavido



Dedicação e preocupação marcaram o treinamento de Fred, ontem, nas Laranjeiras. Com um pequeno edema na coxa direita, local da lesão que o afastou dos gramados por quase cinco meses, o atacante do Fluminense não poupou esforços nas atividades, mas deixou nítida a preocupação com a lesão, afinal, é esperado para vestir a camisa 9 da Seleção Brasileira na Copa do Mundo.

Pela manhã, Fred participou do treinamento físico com elásticos sem se poupar. Fez dupla com Walter e mostrou que o edema não atrapalha movimentação em campo. Um bom sinal. Após a atividade, o atacante continuou em campo com o elenco tricolor para treinar finalizações e, nesta parte, mostrou que realmente está com medo de se machucar novamente. Enquanto todos os jogadores finalizavam as jogadas com as duas pernas, Fred usava somente a esquerda, inclusive quando a jogada era pela direita. Contudo, ainda tentou dar uns chutes leves com a perna lesionada, mas foram poucos e fracos, nada muito animador.

No segundo período de treinamentos, Fred novamente esteve presente junto com o elenco. Desta vez, o capitão aparentou estar mais descontraído e menos preocupado, porém continuou poupando a perna direita. Sempre que tinha oportunidade utilizava a perna esquerda. O medo de ficar fora do Mundial é grande e compreensível. A Copa é no Brasil e Fred, com seus 30 anos, não é mais um garoto. O histórico recente de lesões preocupa.

Já no treino tático da tarde de ontem, Fred mostrou boa movimentação e chegou a marcar gols. Um deles, inclusive, arrancou aplausos nas Laranjeiras. Fred fez um belo gol de letra com a, por vezes poupada, perna direita

Se depender dos treinamentos e da força de vontade, o camisa 9 tricolor estará a disposição de Renato Gaúcho em pouco tempo, mas existe a tal da Copa no Brasil em seus objetivos e a oportunidade jogar o torneio deve fazê-lo pisar no freio sempre que for possível.



  • João Luiz

    Olá,
    Fred pode não ser o craque que gostaríamos que ele fosse, acho que lhe falta algumas habilidades, entendo porém, sem sombra de dúvidas, que seja o melhor que temos para usar a camisa 9 da seleção brasileira no momento. Queira Deus que ele se recupere completamente o mais rápido possível, para ajudar o nosso fluminense e a seleção brasileira.
    OBS.: Será que a paralisação não ocorreu por conta da comissão técnica da CBF, em função dos jogos que ele fez no carioca? Digo isto porque ficou claro que ele não tinha a mínima condição física e técnica de jogo? Se foi isto, parabéns a comissão da CBF.
    Para finalizar, deixo uma dica: Qualquer olho clínico viu isto. Saudações tricolores.

MaisRecentes

Torcida única – Qual deve ser a posição do Fluminense?



Continue Lendo

Fred será protagonista em mais um Fla-Flu?



Continue Lendo

Vale apostar em Enderson Moreira?



Continue Lendo