Que planejamento é esse?



*Texto escrito por Guilherme Abrahão

Será que realmente é possível avaliar o trabalho de um diretor executivo de futebol com apenas um mês e cinco dias de trabalho? O Fluminense acabou de se livrar de um rebaixamento – graças a um erro da Portuguesa – e já começa a temporada de 2014 desta forma?

Derrota para o Madureira, leves desentendimentos entre a diretoria e a principal patrocinadora, demissão de um profissional que veio para reorganizar o clube…

Tem algo muito errado nas Laranjeiras. Agora, quem são os culpados? É complicado falar quando não se vive o dia a dia e não se está nas reuniões de departamento de futebol. Mas ficou nítido que não existe planejamento algum. Ou trabalho certo ou joga o futuro nas mãos de João de Deus!



  • DARIO LIMA

    Na verdade não existe um só culpado. Esta desorganização é fruto da fragmentação do exercício do poder. Não existe uma única voz de comando, cabendo a várias pessoas atirarem para todos os lados ao mesmo tempo. Desta forma, não há um consenso – uma linha única de atuação – é cada bloco buscando um direcionamento que lhe interesse, deixando de lado aquele que é o maior interessado – O CLUBE. Enquanto várias cabeças mandarem ao mesmo tempo e de forma destoante, não haverá organização que subsista, planejamento que dê certo, atuações concretas e bem concatenadas.

  • alexandre

    Como todo executivo, o Sr. Ximenes pode ser demitido ou pedir demissão.
    Será que a imprensa e o torcedor não percebe que ele foi contratado para um OUTRA REALIDADE? Que seria para a disputa da série B e que fazia parte de um enxugamento dos custos do futebol tricolor?
    Porém, veio a escalação amadora do rival carioca e a estranha repetição por parte da Lusa do mesmo erro (desde a criação dos pontos corridos havia apenas um caso, e na ultima rodada se tem dois, sendo o segundo providencial para salvar o rival carioca?)
    Aí, ao fim do julgamento do STJD, CUMPRINDO O REGULAMENTO QUE TODOS OS CLUBES CUMPRIRAM DURANTE TODO O ANO, O FLU VOLTOU A SÉRIE A.
    Por óbvio, o planejamento muda.
    Claro que não é o ideal, claro que o Flu, COMO A MAIORIA DOS TIMES DE FUTEBOL, tem gestões confusas e amadoras…
    MAS PARECE QUE O FLU VIROU O PATINHO FEIO NACIONAL, E NELE, TUDO É MAIS GRAVE, ABSURDO E COISA E TAL…NOS OUTROS, EM ESPECIAL O RIVAL QUERIDO DA MÍDIA, TUDO É LEVE…
    ACORDA TRICOLOR, QUEREM LHE VER PELAS COSTAS…

  • Ricardo

    O amigo alexandre esqueceu de comentar que o fluminense não teve o regulamento levado a ferro e fogo quando foi campeão e teria pontos perdidos e por conseguinte o título se o stjd fizesse o que fez com portuguesa e os urubus.
    O patinho feio, ficou feio porque historicamente junto ao botafogo, sempre foram os times que mais se beneficiaram com a rapaziada do tribunal.
    A cariocada que tem aquele ranço de capital brasileira, continua achando que o palácio que serve de museu, ainda é o posto avançado tupiniquim.
    O Rio cidade maravilhosa dona de uma beleza incontestável, fez com que sua gente bonita e saudável, sempre se comportassem como aquele filho caçula de família grande.
    Sabe aquele raspa de tacho? Bonito engraçado, paparicado, e tudo desculpado.
    Apronta, da trabalho vive as custas do restante da família e mesmo assim, não está nem aí.
    Futebol sempre foi o reflexo de uma sociedade que fez do jogo o retrato de suas batalhas angustias e principalmente recalques e frustrações.
    Está na hora do filho caçula tomar jeito ir procurar um emprego e parar de dar trabalho.
    fluminense precisa abrir o olho, pois a esperteza, um dia vai acabar, o mecenas um dia vai cansar ou partir dessa peara uma melhor e aí…
    Os ratos, o campo de treinamento que tem mais areia que grama, os desmandos de uma diretoria que vive de um passado muito passado, tudo vai como diria dona carochinha, para o beleléu!
    A torcida, infelizmente sofre, mas não pode achar que sua paixão é isenta de erros.
    Assumam a patifaria e não compactuem dela.

    • Tricolor rei do rio

      Ricardo, talvez o alexandre não tenha citado devido ao fato, se for este que voce cita no seu texto, ser o do tarta.
      Caso seja, e já foi bastante explicado, mas pode ser que ainda se tenha uma dificuldade.
      Explico de novo:

      O tarta veio do atletico – PR com 2 cartoes amarelos. Recebeu o terceiro pelo fluminense e CUMPRIU contra o Gremio. Depois recebeu mais dois sendo o segundo no jogo contra o vasco e por isso jogou normalmente contra o Goias.
      Mas mulambos tem mesmo dificuldade de fazer conta. Para suspensao são tres cartoes amarelos tá. 5 não constam da regra e 2 já mudou faz um tempinho.
      No CBDJ tem um artigo que justamente diz que o Procurador caso entenda que a denuncia é infundada, pode arquiva-la. Caso a parte denunciante não concorde, pode recorrer ao Procurador – Geral. Não é a mesma pessoa tá…só pra esclarecer.
      Se o procurador geral tambem entender que a denuncia é infundada, como no caso do tarta, e arquivar, na instancia esportiva se encerra o assunto.
      Caso ainda reste duvida, procure seu time e peça para explicar o motivo de entrar na justiça contra um duque de caxias em campeonato carioca.
      Time que sempre se beneficiou de arbitragens, tramoias e papeletas amarelas a fora, inclusive escalando jogador irregular, por talvez serem mesmo analfabetos, nao tem nada a acrescer de bom na sociedade.

      Mas, caso ainda tenha duvida, peça um amigo que saiba ler para te ajudar a pesquisar direitinho.

      saudações tricolores

  • Hugo

    Vai cair de novo. No mínimo, no Brasileiro. Se bobear, cai também no carioca.
    A saída do Ximenes já é um sinal. Jogar com três volantes contra o Bonsucesso é outro.

  • geraldo lourenço

    Que planejamento ?
    Que não planeja a contratação de pelo menos um zagueiro, uma vez que não temos nenhum jogador, embora mediano para esta posição.
    Aqueles que jogam (“sic”) nesta posição, são HORROROSOS, notadamente o tal de leandro euzebio.
    Que porra de sujeito MERDA.

  • William F Haddad

    Na verdade este projeto de Presidente que nós temos se candidtou para a fundar o nosso Flusão pois desde que entrou na faz outra coisa a não ser criar confusão com o nosso patrocinador que ´so quer o bém do clube sendo disafiado por um bando de medicos Flamenguista querendo fazer oposição a ele por da lucros consideraveis a empresa e ainda tem que aturar este projeto de presidente antes tivesse ele apoiado o Deley hoje o nosso Flusão estaria em melhor situação

    SAUDAÇÕES TRICOLORES!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • mikeD

    Caro Ricardo
    o Fluminense nunca teve jogador escalado irregularmente. Consulte melhor . O jogador Tarta q vc se refere cumpriu a suspensão em 2010. Em todos os casos iguais ao da Lusa e do Flamengo os clubes perderam os pontos conforme manda o regulamento

  • Ademir Santino de Lima

    Não sei porque alguns imbecis insistem em afirmar que o fluminense não cumpriu o regulamento em 2010. Já foi esclarecido o ocorrido com o jogador Tarta.
    Mas, alguns ignorantes continuam batendo na mesma tecla. Esse Ricardo só pode ser Flamenguista.
    O Ximenes já não era unanimidade, portanto a demissão é mais que natural. Ultimamente a imprensa vem esculachando o Fluminense.
    Poderia dar o mesmo tratamento ao Flamengo que esta de pires na mão e hoje esta na zona de rebaixamento, pois a liminar da Portuguesa continua valendo.

  • Nivaldo

    Como torcedor do Fluminense tenho a dizer que voltar novamente a série A pela Janela é doloroso e vergonhoso, nem tudo que é legal é moralmente correto; “As regras do direito têm caráter obrigatório, impostas pelos poderes competentes de uma sociedade….”, ” Já as regras da moral, quando descumpridas, ensejam sentimentos de natureza íntima em cada indivíduo, ou seja, arrependimento, vergonha, censura pessoal e mesmo social…” Me sinto envergonhado e triste pelo fato do tamanho do Orçamento do Fluminense ser igual ao da incompetência de seus “dirigentes”, uma parceria cantada em prosas e versos mas um tanto estranha, que renderam frutos sim (Copa do, Brasil e dois Brasileiros e alguns estaduais) mas, mais por um capricho do destino do que pela competência, como em 1984 um título porque realmente eramos os melhores, salários vultosos pagos pela patrocinadora, na maioria das vezes sem retorno nenhum, se bem gastos teríamos já o tão sonhado centro de treinamento, por exemplo como explicar o que fizeram com o Felipe, contratou, salário considerável e mesmo precisando de alguém que soubesse jogar futebol em 2013, mas, nem assim foi aproveitado o Felipe, e o ídolo Fred quem no Brasil se habilita a pagar o seu atual salário? ás vezes me pergunto qual o critério da Unimed? (não consigo entender o critério) se for capacidade técnica qual seria o salário do Zico, Reinaldo, Ronaldo, Ronaldinho, Romário, Falcão etc…. no auge de suas carreiras, acho que teríamos que transferir todo o patrimônio do clube para eles ao fim de uma temporada, o Fluminense precisa ser passado a limpo, não com cera para madeira , mas com princípios éticos e morais que devem nortear a vida de pessoas de bem.

    • me desculpa você não é tricolor pelo seu comentário.você fala em ética mas vamos segui–las antes de começar o campeonato brasileiro do ano passado todos os clubes tiveram reunião com a CBF e ela passou o regulamento para todos os clubes e deu um envelope com todas as normas do campeonato,e todos os clubes assinaram que concordaram todas as punições e as normas do campeonato brasileiro previsto no regulamento assinado por todos os clubes,a lusa sabia que se escalasse jogador com punição do STJD no caso a suspensão por dois jogos não importa se ele entrou faltando cinco minutos para terminar a partida e ele não cumpriu duas partidas só aqueles cinco minutos a lusa tem que ser punida no caso com quatro pontos porquê ela lusa assinou o documento que é o regulamento lá no inicio do campeonato o flamengo a mesma coisa o fluminense coincidiu de ficar em décimo sesto colocado portanto a ética é flamengo e lusa punidas 4 pontos .

    • claudio

      Parabéns por sua coerência; não sou torcedor do Flu, mas concordo contigo. Eu acho que se deve respeitar qualquer regulamento de uma competição, falhas podem ocorrer; mas se não houvessem esses julgamentos exatamente nas ” sextas-feiras”, seriam bons; pois os clubes receberíam os documentos oficiais da entidade, dizendo que o atleta tal não poderia jogar o jogo seguinte, e não um simples telefonema de um advogado; afinal de contas, sentenças são por escrito, não é?

  • geraldo lourenco

    Srs.

    Leio declarações de Renato Gaucho a respeito da dificuldade de contratar jogador, e fico abismado, pois sua justificativa é de que todos acreditam que o FLU tem muito dinheiro.
    Se o pensamento é este, a culpa é exclusivamente do FLU.
    Foi o clube que inflacionou os salários.
    Agora qualquer idiota sabe que, se oferecermos de graça para qualquer clube, somente com os custos dos salários ( dificil é achar quem queira essas MERDAS): leandro euzébio, diguinho, wellington silva, igor julião, nos sobrará dinheiro suficiente para pagar o salário de um bom zagueiro.
    Essas MERDAS se recebessem por produtividade, receberiam menos que o salário nínimo e o vale refeição teria que ser no máximo de R$ 7,50.
    Se dispensarem esses BOSTAS, mesmo que não contratem ninguém, garanto que vocês estarão alegrando a maioria dos verdadeiros TRICOLORES.

  • João Neto

    O dep de futebol do Flu virou hobby, um brinquedinho de Celso Barros. Se não dá pra sobreviver sem o dinheiro da UNIMED, que pelo menos se organize o clube pra, um dia, ter condições de reassumir o futebol. Até lá ( e acho que vai demorar) não tem jeito, tem que aturar essa bagunça, esse amadorismo que se enraíza no futebol tricolor. Não dá pra acreditar em ninguém nessa política podre do clube. Lamentável.

MaisRecentes

Torcida única – Qual deve ser a posição do Fluminense?



Continue Lendo

Fred será protagonista em mais um Fla-Flu?



Continue Lendo

Vale apostar em Enderson Moreira?



Continue Lendo