São Januário no ritmo das marchinhas



As caixas de som das sociais de São Januário se encarregaram de deixar a torcida do Fluminense no ritmo do carnaval também dentro do estádio. Desde que os portões foram abertos aos tricolores, às 17h, só deu marchinhas na casa vascaína. Tocou de tudo, desde a Cabeleira do Zezé até uma música de apologia ao uso de preservativos.

Até o momento, a movimentação de torcida é bem pequena em São Januário. A tendência é que o público não supere o de mil pagantes. Ano passado, na partida contra o Resende, pelo Carioca, o público no estádio foi 934 torcedores presentes.



MaisRecentes

Torcida única – Qual deve ser a posição do Fluminense?



Continue Lendo

Fred será protagonista em mais um Fla-Flu?



Continue Lendo

Vale apostar em Enderson Moreira?



Continue Lendo