Orgulho de ser tricolor



Fluminense entrou de vez na briga pelo bicampeonato nacional

Amigo, o Fluminense chegou. Não é só a excelente campanha no segundo turno e a distância de apenas dois pontos para a liderança que fazem do Tricolor um dos mais fortes candidatos ao título do Brasileirão, senão o mais qualificado.

É a maneira como o time se comportou (e bem) diante de situações complicadíssimas: encontrou a luz mesmo depois da saída de Conca, principal jogador e craque na campanha do ano passado; no returno, em confrontos contra adversários diretos, só saiu derrotado no polêmico Fla-Flu;  conseguiu superar as ausências de Fred e Deco, quando elas ocorreram; e, acima de tudo, obteve grandes resultados apresentando o espírito determinado de tempos passados. Na marra.

Está dando orgulho de ver o Fluminense. De ser Fluminense. E no sábado, amigo, vai ser a hora da torcida lotar o Engenhão e encher de orgulho os jogadores.

Por isso, vamos aqui com uma pergunta. Na verdade duas: O que o Fluminense significa para você, caro torcedor? E que história ou situação você já passou, enfim, enfrentou pelo Flu que daria orgulho a qualquer um? Caprichem!

PS: Por favor, colocar nome e sobrenome  e cidade onde mora no comentário. Quem quiser mandar foto do episódio de amor ao Flu, só enviar para rodrigonunes@lancenet.com.br

 

 



  • Guto RJ

    O Flu chegou,apesar de alguns devaneios de nosso comandante mor,Abelão.Mas isto não importa agora,quero o Engenhão apinhado de gente no sábado.E incentivando,acima de tudo,pois festa bonita e torcida do Fluzão são sinônimos.

    • Rodrigo Lois

      Fala Guto!
      Tomara que o Engenhão fique lotado mesmo, o Fluminense vai precisar de todo o incentivo pra derrotar o América, que não é galinha morta não. Vem cá, você não tem alguma história curiosa de torcedor? Alguma aventura que fez por seu amor ao Fluzão? Algum perrengue que tenha passado para ver os jogadores? Abraço

      • Guto RJ

        História com o Flu tenho várias ,amigo.Já tomei corrida de organizada do Fla,fui a Barueri ano passado ,no jogo contra o Palmeiras e topamos com ônibus das torcidas do Gambá na estrada.Foi o maior perrengue,fechamos as janelas da Van e escondemos as bandeiras.Assisti a Fla Flu debaixo de tempestade,e o famoso Fla Flu do gol de barriga misturado a rubro negros que invadiram as cadeiras ,vindos da geral.Não sei como sobrevivi.Meu filho agora está cobrando jogo do Flu,e em pouco tempo vou contar estes causos a ele.Espero conseguir evitar que passe pelos mesmos.Abraços!!O FLU SOMOS TODOS NÓS!!!!!

        • Rodrigo Lois

          Guto, se você tiver alguma foto sua com camisa do fluminense, ou em algum momento importante, por favor envie para rodrigonunes@lancenet.com.br. Ia te pedir também para mandar seu sobrenome e idade, além da profissão.

    • Eduardo

      Aí, Galera
      Saí de Palmas, Tocantins e fui a BH para tratamento da minha esposa que tava doente, deprimida. Aí descobri que ia ter aquele Flu X Curintians no engenhão em setembro passado. Não pensei duas vezes: comprei passagens, os ingressos e lá fomos nós. Ficamos na galera da Flunitor, la em cima (Leste superior). Foi um jogo difícil, mas, com raça o Flu foi pra cima com tanta força que emocionou. A esposa, surpreendentemente, cantava, chorava, xingava juiz com palavrões que eu não sabia que ela sabia (rss). Até por que não sabe nada de futebol. Aí eu chorei também com o gol do Fred e no final saimos em passeata com a galera tricolor pelas ruas cantando o campeão voltou. Ela não precisou mais de tratamento. O fluzão é demais.

  • Renato Bastos

    Fala ae cara sou de Petropolis -RJ, o Fluminense pra mim significa a vida…dificil na sua caminhada, mt vezes complicada, com altos e baixos….mas sempre linda …. torcer pelo FLU e nao ter palavras….e esperar ate o ultimo minuto….e ter esperança sempre….! o fato que mais me marcou foi o gol do coração valente contra o São Paulo….me lembro que estava no maracana lotado….e tinha um cara na minha frente desesperado….o legal de vc ir no estadio e que se vc se acha fanatico vc sempre encontra um que é mais que vc…rss…esse torcedor virou pra mim e pro meu amigo no escanteio….e falou “eu vou ajoelhar e vcs dois vao gritar gol ……vcs vao gritar gol ta ouvindo…..” porra escanteio cobrado pelo traira…e gol do coração valente aos 47 do segundo tempo…..sem comentarios a emoçao……..

    • GUILHERME

      Deu até arrepio , só sendo FLUZÃO para viver essas emoções !!!!! RUMO AO TETRA !!!!

    • Rodrigo Lois

      Muito obrigado Renato! Se você tiver alguma foto desse momento, ia te pedir pra mandar pra rodrigonunes@lancenet.com.br. Qual a sua idade e profissão? Só para identificar.

  • mauro pinheiro- teresina piaui

    Sou carioca, mais hoje moro em teresina- piauí, mais acompanho tudo do Fluminense, fui a fortaleza no jogo contra o ceará, fui a salvador contra o bahia, estou acreditando muito neste campeonato, se o time mantiver essa garra que teve contra o Internacional, avante TRICOLOR DE CORAÇÃO, Tenho 62 anos, quero esse tetra, abraços a todos tricolores.

  • Litto

    Galera tricolor o Fluminense e simplesmente o Fluminense. não dá para explicar o sentimento por esse clube. Quando perde eu fico tão “puto” que as vezes falo: nunca mais vou a porra de jogo nenhum aí ele vem e ganha jogos inacreditáveis aí muda tudo. Uma coisa aconteceu, fui naquele jogo (Flu 2×0 Corintians) do Brasileirão 1984 em que o Fluminense foi campeão, estava de braço quebrado pegamos o ônibus na Pres. Vargas rumo a SP foi maior festa ate esse estado.
    Na volta com a vitória garantida os cúúrintianos cercaram nosso ônubus e quebraram os vidros dafrente, a polícia chegou e começaram a agredir agente “maior corvadia” liberaram e fomos embora no antes de sair dese estado começou a chover e maior ventania, tudo entranto para dentro do ônibus, foi brabo dormir e chegar aqui na nossa cidade maravilhosa com aquele frio. valeu torcida tricolor.

    • Rodrigo Lois

      Excelente história Litto. Você tem alguma foto de recordação de algum momento do Fluminense? Foto de jogo, ou só com a camisa do Flu mesmo? Se tiver, por favor envie para rodrigonunes@lancenet.com.br. Além disso, ia te perguntar nome, sobrenome, idade e profissão, além da cidade que você mora.

  • Carlos Henrique

    Só gostaria de pedir uma coisa ENGENHÃO lotado contra América e Grêmio.
    Na verdade duas… e apoio TOTAL, sem vaias na rua, na entrada, em todo o jogo, no final, indo pra casa e até no dia seguinte se possível.
    TETRA?? EU ACREDITO E VOCÊ???

  • Carlos Henrique

    Na verdade não fui coerente. Apoio total dentro e fora do estádio, durante todo o jogo e nada de vaiar. A torcida tem que cantar!!!

  • mauricio

    Mano, sou carioca e como de praxe estarei no engenhao (mesmo nao gostando daquilo), mas o amor ao pavilhao nao me deixa ver obstaculos. bom, tenho muitas histórias do flusao, mas como tenho que registar so uma entao vai essa. semi-final libertadores Flu x bocajrs, cheguei em casa exausto foi um dia atpico onde minhas obrigacoes dobraram e pronto para assistir em casa o jogao, resolvi ir para o maraca, beleza, foi quando meu tel tocou e era meu primo entao c/12anos me ligando e disse o seguinte, eae vamos pro jogo! meio atonito (nao sabia que ele era tricolor, na casa dele todos são daquele time da gavea) disse a ele ja estou indo! e a resposta foi po primo me leva ae, meu pai falou que se vc me levar eu posso ir! O pai do Y é doente como todo o que segue aquilo, derrepente ouço que o filho dele ta liberado pra ir ao maraca. e foi isso, após o jogaço Vitória nossa, final garantida e uma garantia no coração daquele menino, foi aquele até entao o dia mais feliz da vida dele. Ele cantou, pulou e do maraca ate o eng novo onde ele mora na janela do carro segurando o pavilhao gritando… eu sou tricolor de coração!!!
    é isso ae naçao tricolor, vamos lotar o engenhao, vamos declarar aos quatros ventos do brasil no sabado que somos apaixonados que somos tricolor de coração, e ainda que seja por um dia (quem sabe) vamos assumir a liderança e assustar quem ficou pra tras e deixar mais evidente do que nunca que o campeao voltou! saudações tricolores

  • Fernando Correia

    É por isso que o futebol é apaixonante e com certeza fico feliz em ver o meu time lutando, peleando como diz o gaúcho, 22 guerreiros tricolores fazendo honrar o manto sagrado tricolor.
    Cara gostaria muito de ver o maraca lotado de tricolores como na final da libertadores empurrando nosso time, torcida que é guerreira também, apaixonante que com certeza vai invadir o engenhão e ajudar na busca de mais uma vitória. Saudações…

  • Bom dia a todos guerreiros tricolores.

    Temos que apoiar cantar nense quando o time vai bem e cantar nense quando o time vai mal.

    apoiar é a meta e o titulo a certeza.
    pra cima deles Fluzão.

    Gostaria de comentar sobre um episodio passado comigo neste ano quando nosso time ia muito mal no brasileirão.
    tudo começou no dia 19 de julho dia de meu aniversario, pois bem, meu filho Renan de 09 anos, acordou por volta das 07:00h e veio me dar os parabéns, andando com muita dificuldade, trombando no guarda roupa, vindo a me abraçar ainda na cama, quando perguntei filho está tonto e o mesmo me respondeu que sim que não estava conseguindo se equilibrar, então o conduzi ao banheiro para fazer a higiene bocal, verificando que meu único filho não conseguia ficar de pé, este filho me acompanha desde a virada heroica com cuca como treinador aos jogos do fluzão sendo o primeiro deles contra a Portuguesa Paulista em que começamos o jogo perdendo e depois viramos o jogo, e eu naquele jogo só ouvia o grito da torcida pois estava com catarata nas duas vistas, vindo a operar depois e voltar a enxergar, voltando ao assunto meu filho se enternou no hospital Central da PMERJ, naquela data meu aniversario, com suspeita de meningite, o que foi descartado no dia seguinte pois exames apontaram para encefalite ( doença grave podendo matar ou deixar graves sequelas), meu filho se alimentava por sonda no CTI Pediátrico, não reconhecia ninguém e tinha varias convulsões, mobilizando vários médicos, sendo até informado por um dos médicos que tudo o que era pra ser feito estava sendo feito, para pedirmos a nosso Deus para a recuperação do nosso pequeno tricolor, depois de três semanas e meia a consciência do Renan foi aos poucos se recuperando, quando falei para ele que o FRED iria embora do FLU, que Flamenguistas trajados de tricolores o teriam seguido e o ameaçado, o mesmo caiu aos Prantos, depois de 31 dias meu filho teve alta hospitalar e conseguiu se recuperar na escola no curso de Inglês tirando nota máxima na maioria delas, e ganhou um passarinho no qual o chamou de FREDINHO e mais já me acompanhou aos jogos contra o Avai, flamengo, curitiba e atletico-MG.

    Essa é a VIDA DE UM TRICOLOR, lutar até o fim, quase padecer e depois renascer para ser um vitorioso, sem perdemos a cabeça, ter em nossos ídolos projetados os nossos sonhos de vida sermos campeões sempre, se aperfeiçoando a cada dia.

    Jogadores do FLu, vocês nos fazem ter orgulho de ser tricolor.
    Superaram dificuldades para primeiro serem vitoriosos na vida.
    EX. Diguinho, Deco, Fred, Eusebio, GUM, CAVALIERI, MARIANO e todo elenco.
    GUERREIROS TRICOLORES.

    Ass. Ivan Alves, pai do RENAN DA SILVA ALVES DE PAULA.

  • leonardo JUIZ DE FORA-MG

    SOU TRICOLOR, MINEIRO.. SOU DE 1990, PIOR EPOCA DA HISTORIA DO FLUMINENSE.

    MAS FOI LA, LA NA TERCEIRA Q COMECEI A ACOMPANHAR O FLUZAO, QUER MAIS PROVA DE AMOR QUE ISSO? E ATE HOJE DOU GRACAS A DEUS POR SER TRICOLOR.

    MINEIRO TRICOLOR!!!!

    SAUDACOES!!!

  • Jean

    Rodrigo, o Fluzão e minha vida, minha paixão e embora eu não tenha muita oprtunidade de acompanhar nossos guerreiros nos estadios ( meu trabalho e muito puxado), não deixo de escultar ou assistir as partidas do tricolor mais amado do Brasil…acho que a situação mais esquesita e curiosa que fiz foi quando naquele fatidico dia em que nosso querido tricolor desceu ao inferno da terceira divisão eu fui un dos pouquissimos torcedores a usar a camisa do Fluzão no mesmo dia e como tenho varias camisas, fiz questão de usar por uma semana inteira para demonstrar total amor pelo meu clube de coração, sei que foi pouco o que fiz, mas diante da situação era o minimo que eu podia fazer. um grande abraço e S.T.

  • Danielle Lott

    Bom dia, Rodrigo!
    Hoje e sempre o orgulho de ser tricolor tem que existir. Esse ano a torcida está devendo, mesmo na Libertadores não lotou o Vazião (quer dizer, Engenhão). Estive lá nos 4 jogos e aposto que os resultados da primeira fase teriam sido melhores se a torcida tivesse comprado a idéia e lotado o estádio do Botafogo. Reclamaram dos preços na época, mas agora não tem mais essa desculpa! Tricolor tem que ir ao estádio apoiar os 90 minutos! Aqueles que querem ir pra começar a vaiar aos 10 minutos do primeiro tempo, que fiquem em casa!

    Loucuras pelo Fluminense acho que todo tricolor deve ter feito algumas, a minha maior fiz no final de 2009. Na época morava em Recife, fazia faculdade e estagiava. O Flu estava na reta final da Sul-Americana e lutando contra o rebaixamento. Como uma carioca que ama sua cidade acima de qualquer outra, já tinha planos de vir para o Rio passar as férias, mas o calendário de provas da faculdade e do estágio só me permitiriam viajar depois que o Brasileirão tivesse acabado. Estava triste, mas já conformada em ter apenas 2 jogos do Flu para assistir no estádio (contra o Nautico, no primeiro turno, um empate em 1 a 1 no finalzinho com um penalty infantil cometido pelo Bolt e contra o Sport, na Ilha, já na reta final e entre os jogos contra o Cerro Portenho em casa e a LDU em Quito, vencemos por 3 a 0). Foi então que o meu pai, tricolor assim como a grande maioria da nossa família, pouco antes de começar o jogo do Flu x Cerro, virou para mim e disse: “Dani, você quer ir ver a final no Maraca?” – Eu olhei assustada para ele e ele continuou -“Seu aniversário está chegando e se você quiser, eu te dou esse presente.” Fato que ele queria ir comigo e fato que eu aceitei de imediato! Não conseguia pensar em um presente melhor para o meu 21º aniversário. Os únicos problemas eram: 1-O estágio e 2-Eu perderia umas 3 provas da faculdade. Mas não comentei nada com o meu pai, afinal os estudos sempre vem em primeiro lugar para ele (na frente mesmo até do Flu). Eu teria que dar um jeito, mas me preocuparia com isso depois do jogo.
    E que jogo…Lembro que quando o Cerro fez o gol, eu senti o choro vindo. Com aquele resultado, o Flu ia pros penalties e isso é 90% d chances do Flu estar fora. Minha irmã do meio notou e com a sutileza que as irmãs mais novas possuem, me sacudiu e disse: “É pra acreditar até o último segundo! Isso é Fluminense e você vai nos representar na final lá!” Dois minutos depois o Flu empatou com o Gum! *risos*
    Ao fim do jogo (virada pra cardiaco dar tchau) comecei a elaborar um plano para resolver meus problemas. Na manhã seguinte pedi uma reunião com o meu chefe e combinei dobrar o expediente na outra semana e na quinta e sexta. Em troca, consegui que ele me liberasse 2ª, 3ª e 4ª o que me permitia viajar para ver também o jogo do Flu x Vit no domingo. Na faculdade, conversei sinceramente com o meu coordenador (que sabia bem do meu amor pelo Flu). Ele riu e disse que eu devia ter inventado uma história qualquer, mas que como eu já era uma aluna modelo e já tinha apagado alguns “incendios” como representante de turma ele iria ignorar a nossa conversa e eu iria entrar com um pedido de segunda chamada especial. Para a minha sorte, naquele período tinha uma regra de que só era necessário apresentar o comprovante de viagem junto com o pedido (claro, o coordenador chamaria o aluno para saber o motivo da viagem, mas no papel só teria a passagem e o meu coordenador já tinha assinalado que daria o “ok”).
    Vim para o Rio e vi o Flu ganhar d 4 a 0 do Vitória. Nesse dia meu pai me ligou e disse: “Preferia trocar o placar de quarta que vem por esse de hoje!”, parecia saber que venceriamos na quarta, mas não levariamos. Eu estava lá e sofri com a minha melhor amiga, que estava fazendo aniversário.
    Do Maraca, ainda com o meu vestido do Flu, fui para o aeroporto, do aeroporto, pro trabalho e do trabalho para a faculdade fazer 2 provas para as quais tinha estudado no vôo. Fui muito zuada por ter feito essa loucura e um professor me descontou 1 ponto da prova por ter “escolhido o Fluminense”…Mas fiquei com todas as médias acima de 8,5 mesmo assim e se não tivesse ficado, não estaria arrependida. Pra sempre vou poder dizer que fui um “papelzinho verde” do Mosaíco “Eles têm a Altitude / Vocês têm a gente”.

    Saudações tricolores de uma carioca de volta ao berço! ^~

  • BARROS-P DOS INDIOS-AL

    Sou apaixonado pelo FLU, confio em mais um título/2011-um abraço para toda torcida tricolor no mundo inteiro.

  • Edson Correia da Silva

    Nós chegamos na briga pelo titulo e agora os lideres estão com muito medo pela melhor campanha do 2ºturno, é só fazer nossa parte em campo que o BI esta muito proximo das laranjeiras;pra cima deles fluzão.

  • SEBASTIAO MARTINS TORRES

    Sou um eterno apaixonado pelo flu. Vamos nessa fuzao que seremos tetra.
    A minha história aconteceu nnum histórico fla x flu em que o flu fez 3xo em 11 minutos de jogo com Carlos Alverto arrebentando com o jogo.
    Tenho um amigo e comprade que é fla roxo e enjoado e o time do fla melhor que o nosso.
    então ele me d isse durante a semana que antecedia o jogo que se o fla vencesse iria mijar na minha camisa do flu e eu como não sou de correr chamei para uma aposta que perdesse mijava na camisa do outro. flu sensacional 11 minutos 3×0 ao final da partida ele me entregoua camisa e eu mi dirigi ao banheiro do clube onde assistiamos apartida, e na hora quase que eu não orinasse na camisa, mas tenho um amigo que não está conosco e está com Deus, na hora ele disse mija pq se fosse ao contrario ele não pedroaria. Eu falei para o meu comprade que um dia
    iria tornar esta história em publico, hoje veio a portunidade peço meu amigo que divulgue esta ousadia de tricolor apaixonado hoje eu faço parte desta equipe de guerreiros.
    SEBASTIAO MARTINS TORRES – AUXILIAR ADMINISTRATIVO

    • Rodrigo Lois

      Fala Sebastião! Muito boa a história. De que cidade você é? Tem alguma foto para enviar com camisa do Fluminense? Se tiver, é só mandar para rodrigonunes@lancenet.com.br

  • Carlos Henrique

    Rodrigo, não é curioso que na 37ª rodada o flamengo e o corinthians não joguem clássicos?
    A proposta, acho que da CBF, não era clássicos na reta final???

  • robson vieira

    amigos, sai de goiania para o rio no intuitto de ver a final de libertadores em que fomos derrotados. estive mais a esposa flamenguista na sala de trofeus do flu nem sei como consegui visto que era vespera do jogo e tava tudo travado. lembro que o filho do horcades quando soube que minha esposa era flamenguista, o mesmo retrucou que eu estava louco e que aquilo era força negativa e foi

  • Ricardo Peres Moreira

    Saudações Tricolores! Ricardo Peres de Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro. Depois de tantas vitórias sofridas como o gol de barriga de 1995, dia 5 de dezembro de 2010 vai ficar na minha memória para sempre, não consegui comprar meu ingresso por que a tabela dos cambistas não permitiu então os amigos da Faculdade e eu resolvemos fazer um churrasco. Do lado de fora da casa a piscina, churrasco, bandeiras, fogos, os amigos e a TV, do lado de dentro no rádio o Garotinho narrava a “final” Flu x Guarani. Ao entrar para tirar água do joelho ouvi o lance genial do gol do Flu antes da galera que assistia na TV devido a diferença que chega a transmissão, a alegria me fez pular na piscina com o celular no bolso, machuquei o joelho, queimei o dedo soltando morteiro pra comemorar e chorei de alegria no apito final…o celular voltou a si dois dias depois, o dedo e o joelho estão 100% e o Fluminense Super Campeão 2010!! Inesquecível!

  • Felipe Rosa

    A maior e mais importante demostração do poder de ter o amor e a paixão que emana as 3 cores que pra mim traduzem luta, esperança e garra isso foi traduzido a mim fortemente nos 3 campeonatos 83,84 e 85 inclusive com 1 brasileiro 84, aquele time foi a forma mais incrivel de fazer qualquer um que goste de futebol apaudir e saudar Rodrigo 83 foi sublimal Assis já no final entrando pela direita depois de uma tabela e tocando na saida do Raul Plasmam um dos maiores goleiros da época foi um delirio uma parte do maracanã a do Flamengo cantando tá chegado a hora e naquele segundo apenas nós delirando com a jogada e o tiro fatal indescritivel.passamos a 84 contra o mesmo Flamengo que tinha um senhor time e seu goleiro era nada menos que o titular da Argentina Fijol , jogo bom aberto uma jogadinha de delei aldo pela direita devia ser uns 34 minutos mais a pintura da jogada para todos que lá estavam já anunciara bem antes o gol fantástico, plastico e rarrisima feitura com quem diz de almanaque Assim por mim visto jogada de passagem delei toca pra aldo que levanta cabeça ele bem na ponta e vem o cruzamento bola com efeito rodando linda brilhante quando lançada notava-se flashs das maquinas fotograficas focando
    o lance sobe na marca do penalti Assis soberano imponente desfrere uma cabeçada firme certeira daquelas que parece um chute Fijol parado olhando ela reluzente entre flash estufar as redes é indescritivel essa emoção e no mesmo ano embate antológico pelo brasileirão contra um vasco avassalador time que tinha a artilharia do campeonato Roberto e arthurzinho e foi 2 jogos de arrebentar ventriculos e um certo paraguaio aplicado aguerrido trabalhador humilde e voluntarioso que acreditava demais no que fazia empurra uma rebatida e faz uma nação tricolor vestir seus mantos e festejar fora de época o carnaval pois não eramos favoritos e aquele time se mostrava unido pela alma pelo vigor unidos pela gana de vencer narro indescritivel as laranjeiras ficou pequena pois lá fui comemorar passamos a 85 tinhamos uma equipe fora de série que com ajuda financeira de um famoso bicheiro chegaria naquele ano nas finais carioca e do campeonato Brasileiro era um time dificil de ser batido a final jogo equilibrado onde qualquer erro poderia ser o que determinaria o vencedor Bangu tinha vantagem do empate e foi um jogão decidido ao meu ver pelo talento e uma dose de ajuda do Write juiz que no final não deu um penalti claro para o bangu mas aquela falta na entrada da área pela esquerda era uma das poucas chances que vi para a bola entrar e disse ao um primo meu essa vai na gaveta e gilmar não vai chegar a vibração e o silêncio tomava a todos a energia se misturava e la foi ela rodando cintilante durante segundos onde nem se respirava lindo estufa rede gilmar caido e eu profeta perdi óculos fui abraçados pelos 4 perto de mim que ouviram minhas profecias e não conegui ver nada mais nitido pois meus óculos haviam quebrado e eramos tri- campeões cariocas superando rivais que tinham sempre a vantagem alem de em um dos turnos de 84 jogarmos sem técnico pois o flamengo tinha contratado nosso técnico e houve acerto na madrugada e assim mesmo esse time jogava por cartilha por música era um time que orgulhava a todos e sempre estrá em minha memória .acho que nada pode chegar perto : PAULO VITOR , ALDO ,DUILHO,EDINHO ,VICA , BRANCO, JANDIR ,LEOMIR , ROMERITO, ASSIS ,WASHIGTON, TATO , PAULINHO, RENNE E OUTROS que não tenho mais como lembrar só quero falar que era um grupo como é dificil de hoje se ter e jogaram juntos quase 7 anos, dias memoravel vitórias épicas e uma lembrança INEXQUECIVEL. Saudações Tricolores

  • bom dia a todos tricolores!
    amigos, já estou esperando a final com o botafogo para gritar bi campeão.os urubus estão dizendo
    que deixaram eles chegar, eles estão esquecendo que nós estamos na frente deles.estarei no Engenhão eu e minha família para empurrar o fluzão rumo a vitória.

    saudações tricolres

  • Isso sim é time de guerreiros, com tantas adversidades e polemicas durante o ano e o Nosso Fluzão mostra mais uma vez o poder de surgir das cinzas… nesse ano o Fluzão completa 12 anos da conquista da serie C e hoje estar onde estamos mostra que os “Grandes são os outros, o Fluminense é enorme.” igual dizia Nelson Rodrigues.
    Por isso tenho orgulho de ser tricolor… Fluzãooo time de guerreiros e de superação e ainda por cima o terror dos matematicos.

  • Fluzão

    JÁ COMEÇOU O ABEL A QUERER ENTREGAR O TÍTULO…

    COLOCAR FRED, HE-MAN E SÓBIS JUNTOS… JÁ SABEMOS QUE NÃO VAI DAR CERTO. UMA LENTIDÃO SÓ VAI SER ESSE ATAQUE.
    JÁ NÃO É A PRIMEIRA VEZ QUE ELE FAZ ISSO. JÁ INVENTOU DE COLOCAR 3 VOLANTES CONTRA O ATLÉTICO-MG E DEU NO QUE DEU…

    ELE VAI ENTREGAR O JOGO PARA O AMÉRICA-MG. NÃO É PESSIMISMO NÃO… É REALISMO MESMO!

  • Liliane Lacerda de Souza

    Olá Torcida Tricolor!!!
    Sou tricolor fanática, meu pai já me levava pro maraca ainda pequena (Graças à Deus!!!),tenho 49 anos,moro em Campo Grande-RJ, sofri muito com o rebaixamento pra 2ª e 3ª, mas nunca deixei de amar o fluzão! nessa época me casei tive filho e fiquei sem poder ir aos jogos do fluzão, sempre pedindo a Deus para trazer o Fluminenese pra primeirona digo: Lugar onde nunca deveria ter saído.Moral da história meu filho era acediado pelo meu sogro mulambo rsrsrs, e na escola era pelos colegas vascoco, em fim, tive que ser uma leoa pra protejer a minha cria. Hoje é tricolor doente igual a mãe. Já tive até que mentir para o meu marido, porque eu queria muito ir a Volta Redonda pra assistir FLU 3X santos 2,
    que jogãoooo, mas quando chequei em casa contei-lhe a verdade, não consegui esconder tanta felicidade… Estarei sábado no engenhão torcendo muiiiito. Fluzão Campeão Brasileiro 2011! Eu acredito!!!!

    • Rodrigo Lois

      Oi Liliane, tudo bom? Teria como você me mandar uma foto sua com camisa do Fluminense, ou em algum jogo? É só enviar para rodrigonunes@lancenet.com.br.

  • Antonio Carlos Marcondes-Volta Redonda-RJ

    Vamos fluzão, falta 5 jogos!

  • william maia de lima

    Na final do Brasileiro do ano passado (sou militar da Marinha) estava servindo em Barra Bonita-SP, liguei para um amigo e pedi que comprasse dois ingressos para o jogo, porem o mesmo so conseguiu um, falei pro meu filho vamos assim mesmo. saimos de Barra bonita no sabado a noite chegamo ao Rio pela manha, descansamos e por volta das 14hs rumamos com destino ao Engenhao, como nunca tinha ido ao mesmo de carro, fomos seguindo um comboio de 3 carros pela Av. Brasil, so que o primeiro tambem nao conhecia legal o caminho, entao parou num posto para pedir informacoes, foi quando fiquei sabendo que o mesmo tinha um ingresso sobrando e prontamente me vendeu. Assistimos ao jogo eu meu filho em setores separados e ao final iriamos para a Sapucai para a bebemoracao, mas devido aquele toro, nao possivel, pois na segunda eu ja trabalharia novamente em Barra Bonita, hoje trabalho em Santos e estarei no Engenhao para a Final. Flusao so alegria.

  • adeus, super EZIO vai deixar saudades…

MaisRecentes

Torcida única – Qual deve ser a posição do Fluminense?



Continue Lendo

Fred será protagonista em mais um Fla-Flu?



Continue Lendo

Vale apostar em Enderson Moreira?



Continue Lendo