Obrigado, Aldyr: Saiba como foram as ideias do ilustrador até a criação da camisa amarela da Seleção Brasileira



Morreu na noite desta quinta-feira, em Pelotas (RS), aos 83 anos, o gaúcho Aldyr Garcia Schlee (saiba mais sobre o falecimento aqui). Aldyr foi o criador da camisa amarela da Seleção Brasileira, identidade visual presente nos cinco títulos mundiais do Brasil. Ele também era ilustrador de imprensa, artista gráfico, e escritor, tendo 15 livros publicados.

Aldyr Schlee lutava contra um câncer de pele desde 2012 (Foto: Gilberto Perin/Divulgação)

A camisa amarela do Brasil surgiu em 1953. Naquele ano, o jornal carioca “Correio da Manhã” abriu um concurso para que pessoas de todo o país enviassem sugestões de modelos para vestir a Seleção. A intenção era deixar de lado a camisa branca, uniforme do vice na Copa do Mundo de 1950. Existia uma única regra para os participantes do concurso: o novo uniforme deveria contemplar as quatro cores da nossa bandeira.

Entre 201 concorrentes, Aldyr Schlee, então com 19 anos, levou a melhor com sua proposta: camisa amarela com colarinho e punhos verdes; calções azuis com uma faixa vertical branca e meias brancas com detalhes em verde e amarelo. O resultado saiu em 17 de dezembro de 1953, sendo revelado na edição do jornal Correio da Manhã.

Como recompensa, o gaúcho de Jaguarão (RS) faturou o equivalente a R$ 20 mil e um estágio no Correio da Manhã, no Rio de Janeiro (RJ). A nova camisa teve sua estreia no início de 1954 e já esteve presente na Copa do Mundo daquele ano.

Aldyr Schlee, antes do concurso, fazia caricaturas de jogos de futebol para jornais de Pelotas. Ele só mandou sua proposta para o Rio de Janeiro porque tinha um primo que trabalhava numa companhia aérea. E, no começo de sua produção, ele tinha entendido que as quatro cores da bandeira deveriam estar na camisa. Inclusive, Aldyr chegou a fazer cerca de 100 esboços. Veja abaixo alguns dos desenhos criados.

(Imagem: Reprodução/internet)

Após ficar pensando sobre o tema, Aldyr concluiu que poderia “driblar” a questão das cores as espalhando por todo o uniforme. Então, ele preparou uma arte mais elaborada com seus uniformes preferidos, colocando jogadores da época como “modelos”.

Aldyr colocou jogadores reais em seu desenho. São eles: Luizinho (Corinthians), Pinheiro (Fluminense), Ademir (Vasco) e Baltazar (Corinthians) (Imagem: Reprodução/internet)

No entanto, Aldyr ainda não estava convencido de que tinha encontrado a combinação ideal. Foi aí que ele decidiu desenhar mais três modelos. Confira os esboços abaixo.

(Imagem: Reprodução/internet)

Com o passar de alguns dias, Aldyr não teve mais dúvidas: modelo a ser enviado ao Rio de Janeiro era o primeiro à esquerda. A arte final foi feita com tinta guache. Veja abaixo.

(Imagem: Reprodução/internet)

A nova camisa trouxe sorte para a Seleção. Sua estreia ocorreu em vitória sobre o Chile, por 1 a 0, no dia 14 de março de 1954, no Maracanã. E o resto é história. Muita história.



MaisRecentes

Camisa da Juventus da parceria Adidas + EA Sports ganha novo estoque no Brasil



Continue Lendo

Liverpool lança camisa ‘Blackout’; confira imagens e detalhes da novidade



Continue Lendo

Nova camisa 1 do San Lorenzo é revelada por jornalista no Instagram; veja imagens



Continue Lendo