Pedido de Martin Silva é bom para o Vasco



Fala, pessoal!

A ideia de Martin Silva de deixar a seleção do Uruguai, mesmo que não seja de maneira definitiva, é aceitável quando analisamos a situação. O Vasco precisa dele nesta reta final para conseguir o quanto antes selar o retorno à elite do futebol brasileiro, e no Uruguai ele é sempre convocado, mas quase não aproveitado, ficando apenas como opção no banco de reservas.

Tudo bem que o Vasco tenha outras opções com potencial para a posição, como Jordi, cria das categorias de base, mas a experiência em momentos decisivos conta e muito para o resultado final. E isso faz também com que o técnico Jorginho tenha menos uma mexida para fazer já neste sábado, quando o Vasco enfrenta o Náutico com problemas.

Inclusive, considero que essas mudanças podem até melhorar o ritmo do Vasco e a qualidade principalmente no meio, até por conta das opções que possui na reta final pelo retorno à elite. Vejam só: Diguinho é um dos que desfalcam o Vasco no jogo diante do Náutico por ter recebido o terceiro amarelo. Ele por si só não é a primeira opção para a posição – estava como titular somente devido ao fato de Marcelo Mattos estar lesionado e com previsão de retorno aos gramados para 2017.

Além disso, Diguinho não vem jogando bem há algum tempo. Julio dos Santos e William não estão com sequência, e recuar Douglas para ser o primeiro homem foi uma sacada de mestre de Jorginho. Junior Dutra ainda não está recuperado, e Jorge Henrique deve ser mantido na posição de ataque. Esta troca ganha em experiência, mas perde em técnica. Yago Pikachu, outro suspenso, dará vaga a Madson que deve manter o nível dele.

Até a próxima!



MaisRecentes

Treinos 100% fechados: não há comentários



Continue Lendo

Com entrosamento dará certo



Continue Lendo

A indignação vai mais pela terceira Série B



Continue Lendo