Vasco versão 2014: um pesadelo que parece nunca chegar ao fim



O primeiro rebaixamento do Vasco, em 2008, já foi um duro golpe para o torcedor. No entanto, naquela Série B, as coisas foram tranquilas e a dor, de certa forma, foi amenizada. A queda do ano passado foi bem mais difícil para o vascaíno. Porém, mais complicado ainda está a disputa da Segundona desta temporada.

Com um elenco bem superior a todos os outros adversários da competição, o Cruz-Maltino não consegue se impor e proporciona muito sofrimento ao seu torcedor. Até agora, já houve derrota para o lanterna Vila Nova, goleada por 5 a 0, dentro de São Januário para o Avaí e, ontem, na Arena das Dunas, mais um revés para uma equipe da zona de rebaixamento, o América-RN.

É bem verdade que, no último minuto do primeiro tempo, o lateral Marlon acertou a trave e desperdiçou a oportunidade de sair na frente. Mas, pelo que as equipes apresentaram, o resultado foi justo.

Para piorar a situação, o meia Douglas, principal jogador do time, levou o terceiro cartão amarelo e está fora do jogo de sábado, contra a líder Ponte Preta, em São Januário. A rodada, ao menos, ajudou, já que Avaí e Ceará perderam e o Vasco segue na terceira colocação. Porém, se antes a preocupação era com a distância para o líder, agora começa a ficar mais para a permanência no G4.

Sigo acreditando que a equipe conquistará o acesso à Série A. Entretanto, se isso acontecer, será muito mais pela camisa do que pelo futebol apresentado.

E assim segue a dura vida do torcedor vascaíno neste ano de 2014. Com humilhações e derrotas para equipes bem mais inferiores. O pesadelo parece mesmo não ter fim…



MaisRecentes

Uma chegada fabulosa para o Vasco



Continue Lendo

Treinos 100% fechados: não há comentários



Continue Lendo

Com entrosamento dará certo



Continue Lendo