Um olhar no horizonte sem animação



“Toda vez que eu olho para o tempo / E insistentemente tento, tento ver / Em vão um novo alento / Eu vejo um denso espesso nevoeiro / que esconde e encobre por inteiro / Um oceano de incertezas.”

Acima, um trecho da música da Tribo de Jah, banda de reggae de São Luís (MA), local do jogo da última terça-feira. E, condiz perfeitamente com o momento do Vasco. A briga para permanecer no G4 parece, a cada rodada, ainda mais acirrada e cruel. Qualquer erro e tropeço podem ser fatais e tranquilidade é um estado de espírito que tem passado longe dos vascaínos. Na última terça-feira foi um dos tantos dias cruciais que o time vascaíno já teve nesta Série B e, infelizmente, a batalha fora de casa foi perdida, porém, a permanência no pelotão da frente acontece por conta da bondade dos números e da matemática.

Joel Santana disse, recentemente, que as posições na tabela do campeonato estão começando a serem desenhadas e o Vasco tinha de se definir o mais rapidamente possível. As palavras do treinador, porém, parecem ter perdido o destino com o vento e tomado um outro rumo que não aquele que o técnico imaginava inicialmente.

Mais uma vez, o jogo foi um verdadeiro sufoco e o time cedeu o empate nos minutos finais. Mais uma vez, a chance de colar no topo da tabela foi perdida nos acréscimos.

Além da camisa cruz-maltina e um eventual amuleto, os torcedores tem convivido com outra peça para assistir às partidas: a calculadora. Aja mente para ver pontos, vitórias e todos os critérios de desempate necessários para ter a noção em que posição o clube do coração vai terminar a rodada, se fica ou não no G4.

A próxima batalha é contra o líder Joinville, sexta-feira, em casa. Se dentro de campo a coisa não vem bem, que, ao menos, com o apoio fora dele, a vitória possa acontecer.

*Texto do repórter Alexandre Araújo



  • Jadson

    Amigos, este ano já foi, com este time lento e perdido, o vasco vai tomar um pau do joinville e mais o vasco não vai subir para 1º divisão, vai ficar ali em 5º ou 6º colocado, e digo mais, merece continuar aonde estar, enfim o vascão faz tempo que não dar alegria nenhuma para torcida, continue na segundona time relento, fraco e sem personalidade.

  • jair

    Vai perder dentro de são januário…. time covarde, se apequenar perante times que se quer figuram no cenário nacional. Chega de desculpas e honrem a camisa do vasco, bando de pernas-de-pau… Se colocasse os Júniores em campo, não passaríamos por isso.
    Esse vasco atual não representa a torcida que tem.
    Fora Bananamite e caterva!!!
    Sexta-feira às 10 da noite, eu, ficar em casa para prestigiar esses perebas, não conte comigo.

  • Leonardo

    Concordo com tudo oq vc diz: mas falta dizer q a mesma arbitragem q há anos beneficiam aqueles dois times de quantidade de SP e RJ, prejudica e muito o Vasco. No jogo de ontem se ele desse o penalty claro no inicio da partida encima do Vasco, seria um outro jogo…..e sem dizer quando corremos atras e viramos um resultado….ele deu 5minutos de acrescimo em qual o único objetivo foi ajudar o infrator que o tempo todo parava o jogo seja por reclamações, substituições, faltas e simulações de contusão…fala isso P.

  • pwagnerbr

    Tomar gol no final da partida, como aconteceu ontem, já faz parte da história do Vasco. Nem sei quantas vezes já vi esse filme….O Joel jamais poderia ter tirado um atacante para colocar um zagueiro, como fez ontem. Deveria ter colocado um atacante rápido e descansado e pedir para a defesa desafogar o jogo fazendo lançamentos para ele. Foi no toquinho errado no campo de defesa que o Vasco tomou o gol de empate. O pior de tudo é ver um time covarde, que não sabe atacar e muito menos chutar a gol, contra uma equipe sem a menor tradição e de muito menor envergadura que o Vasco. Sexta, mais um sufoco nos espera. Só espero que não sejamos atropelados, como fomos contra o Avaí. E se continuar a jogar na defesa, do jeito que tem sido, vamos permanecer mais um ano na série B. Sinceramente, acho que estamos é no lugar certo…se estivéssemos na série A, seríamos o saco de pancadas do campeonato…

  • Filipe almirante

    O elenco foi mal montado com jogadores acima dos 30 anos e com histórico de lesões e a maioria com a maior parte dos salários pago pelos seus clubes de origem e tb por jogadores jovens ,sem experiência e sem poder de decisão.
    Com todo o respeito,o Vasco não pode perder pontos pra oeste ,Sampaio ,bragantino e etc . Faltam 13 jogos e o Vasco está em quarto, com 1 ponto pra sair do G4 e os jogadores tem que entender a grandeza do Vasco e que seus nomes estão em jogo e que essa diretoria não termina o ano ,então joguem pelo Vasco ,pelos 20 milhões de torcedores e por seus nomes.
    E o joel não pode retrancar o time e tomar pressão na 2 divisão ,a torcida está transtornada por disputar a 2 divisão pela 2 vez em 5 anos e não merece passar mais vergonha de ficar lutando pra ficar no G4.
    E a partida de 6f é crucial e que os mensaleiros e oportunistas que vão ao clube pra tumultuar nos dias dos jogos fiquem em casa e deixem o Vasco em paz !
    Que o verdadeiro torcedor vascaíno apoie o time e abafe as vaias e críticas dos oportunistas que querem desestabilizar o clube para atingir seus objetivos em cargos ,ingressos ,vantagens pessoais na futura gestão.
    E que se recadastrem e votem com consciência e evitem novos dinamites,charutos e afastem do nosso clube os mensaleiros e oportunistas.
    Quais os projetos dos candidatos ?
    Como acreditar em um ex-presidente que em 7 anos só ganhou 1 estadual ,afastou patrocínios, montou times fracos e que é aliado da ferj-fla que garfou o Vasco no estadual ?

  • Jorge Diogo

    O grande problema do Vasco é o seu Presidente que, em nome de seu passado, deveria ter um pouco mais de dignidade e entregar seu cargo. Sua permanência, por meio de casuísmos jurídicos, só ajudam a fazer com que a torcida esquecer o Grande Roberto Dinamite, goleador de muitas glórias, e só lembrar do dirigente incompetente que conseguiu levar o Vasco duas vezes à segunda divisão (e não se sabe se conseguirá trazer de volta para a primeira…).
    Além disso, um time lento, que não tem disciplina tática, cujos treinadores parecem não ter autoridade sobre os jogadores (ou sobre os empresários …), colocando em campo aqueles que não rendem o esperado, como Kleber (que gladiador que nada!) e, até mesmo Douglas (pensa que é Messi) e deixando jogadores como Pedro Ken, Thalles, Edmilson e Dakson que jogam de forma simples e objetiva. No jogo de ontem, o time ensaiou algumas jogadas pela direita, com certo perigo, mas faltava um atacante na frente que pudesse chutar ou cabecear para o gol. Jogadas pela esquerda praticamente não houve. No jogo anterior, foi o contrário, com o Lorran, só jogadas pela esquerda, mas sempre faltando o atacante na área para finalizar.
    O time é muito lento e a reposição de bola, pelo goleiro, além de demorada é ruim. John Clay só dá toquinhos para o lado ou para a defesa e por aí vai. Acho que, desse jeito, o Vasco não sobre para a primeira divisão em 2015.

  • A insistência do foco no treinador e o esquecimento , da negligência administrativa , da era binamite , fazem a diferença . Existem momentos de apatia , quando deveríamos ter uma postura menos burocrática . Os dois gols que tomamos , causou perplexidade , pela falta do algo mais , no decorrer das jogadas . Não é calculadora que nos atormenta , e sim , a passividade em momentos cruciais da partida . Na hora de definir , a perna amolece , o corpo não sobe , a marcação fica distante , o cansaço fica evidente . Daqui a pouca começa o barata voa ! Acho que já vimos esse filme antes ! Ou não ! ?

  • ODILON SILVA = RJ

    O time foi guerreiro, lutou, lutou,lutou, alias essa vem sendo a marca desse time, garra,muita luta, o time enfrentar todos os problemas, ainda tem essa politicada braba improdutiva, onde os abutres querem de qualquer forma o poder do clube, tudo isso atrapalhar o desenvolvimento de um bom futebol. outra vaz a moçada acreditou, e foi buscar a virada, tomamos o gol de empate aos 49 minutos, agora ganhar do Joinvile em São Janu, manter a pegada, lutar ate o fim, perseguir essa vaga. Esse time vascaino que de fato e direito é o verdadeiro campeão carioca de 2014, esse time que foi covardemente garfado por essa arbitragem dessa federação carioca de futebol, um dia nos vamos saber quem fez isso. Aquele bandeirinha estava mandado, foram dois erros fatais, dois erros gritantes, cometidos pelo mesmo bandeirinha num curto espaço de tempo, isso não foi apenas coincidência, um dia as conciências vão doer, um dia a verdade vai aparecer, esse time vascaino seria naturalmente o campeão carioca de 2014, representaram bem a vascainidade, merecem concideração dos vascainos, e a moçada continua lutando para conseguir a vaga.

  • ODILON SILVA = RJ

    Agora aparecerem cadidatos para presidente vascaino sem inspiração, fazendo o que outros clubes faze, imitando outros clubes, o VASCÃO é pioneiro, inovador, o VASCÃO não imita ninguem, a marca vascaina é a inovação. Agora apareceram candidatos querendo fazer centro de treinamentos na barra da tijuca, vargem grande, locais onde o flamerda, local onde o fludido também tem planos de se instalar. O VASCÃO tem manter sua tradição de ser o grande clube de futebol suburbano, o VASCÃO é a jóia suburbana, um dos tentáculos que fazem do VASCÃO ser o verdadeiro clube do povo, o clube com as raizes mais populares, é justamente pelo fato do VASCÃO ser o grande clube carioca de futebol suburbano, local do futebol vascaino é no suburbio carioca. O futebol vascaino virou essa grande potência no suburbio carioca, foi lá que esse clube se fez, não é justo agora levarem o clube para barra da tijuca, recreio, vargem grande, vargem pequena,só prque os outros vão também. Devemos manter o futebol vascaino no subúrbio carioca, devemos construir o centro de treinamento vascaino no subúrbio carioca, não pode deixar essas pessoas mexerem na história do clube, tem gente sem criatividade querendo que o VASCÃO imita outros clubes, principalmente imitar o flamengo, o VASCÃO é diferente do flamengo, o vASCÃO é um clube suburbano sim senhor, com muito orgulho.

  • ODILON SILVA = RJ

    POR ELEIÇOES LIMPAS EM SÃO JANUARIO,POR UM VASCÃO DIREITO, PELOS BONS E PRODUTIVOS EXEMPLOS EM SÃO JANUARIO. Não pode deixar grupos ligados com quem comprou votos assumiro clube, quem comprou votos não pode fazer parte de comissão, de junta nenhuma, isso não vai prestar, isso é errado, quem compra votos não é vitima, quem faz uma sujeira dessa com o clube, essa que é a maior vergonha da politica vascaina, não pode assumir nada. Compra de votos é fraude, estelionatário, não devemos de forma alguma colocar um presidente por essas vias em nosso clube, não devemos de forma alguma escrever essa vergonha em nossa história, não foi assim que os grandesvascainos construiram esse grande club.

  • Só se for o seu olhar no horizonte,porque o meu está vendo claramente que o Vasco esta subindo de produção e seu retorno à elite é certa e inevitável.O que preocupa não é o time;mas sim a situação ´política do clube que não ata e nem desata;porque enquanto não se decide ,o Roberto Dinamite continua sendo sem nunca ter sido de direito e de fato o presidente,porque sem credibilidade dentro do próprio clube,acaba por prejudicar a relação do Vasco com seus atuais patrocinadores e dificulta a parceria com outros ,o que acaba por trazer sérios prejuízos financeiros ao nosso querido CR VASCO DA GAMA,além de denegrir a imagem do clube.

MaisRecentes

Uma chegada fabulosa para o Vasco



Continue Lendo

Treinos 100% fechados: não há comentários



Continue Lendo

Com entrosamento dará certo



Continue Lendo