Uma vitória marcada por muitos sustos



O Vasco conseguiu o mais importante: vencer. Isso porque a situação na tabela não é favorável e a pressão da torcida é grande. O time tem de comemorar a vitória. E muito. Mas nem tudo foi perfeito em São Januário. Ou melhor, quase nada funcionou como deveria.

O Vasco até começou bem no jogo. No primeiro ataque, Fabrício mandou a bola para a área e o jovem Thalles acertou cabeçada no travessão. O Paraná, por sua vez, pouco assustava. Até que, aos 32 minutos, Chiquinho levantou na área e Arthur tocou de cabeça. Martin Silva fez grande defesa. No lance seguinte, Alisson foi quem apareceu para cabecear na área e a bola passou muito perto da trave.

Mas se o Vasco não tinha um bom futebol, teve sorte. Dois minutos depois de quase levar dois gols, Douglas cobrou falta na área, o goleiro Marcos bobeou e Douglas Silva chegou batendo, estufando a rede. O Paraná, porém, não se entregou e, até o fim do primeiro tempo, obrigou o goleiro uruguaio a fazer mais três grandes defesas.

No segundo tempo, o jogo não foi muito diferente. O Paraná continuou partindo para cima e levando muito perigo ao Vasco. Aos seis, Lucas Otávio recebeu livre na entrada da área e arriscou. A bola passou muito perto da meta vascaína.

Com muitas chances perdidas, o Paraná começou a dar sinais de cansaço. E o Vasco, que pouco produzia, resolveu ir para cima para tentar matar o jogo. E aos 24, em uma bobeada da zaga do Paraná, Kléber ficou com a bola, invadiu a área e foi derrubado: pênalti. Na cobrança, o próprio Gladiador foi para a bola, mas bateu mal e facilitou a defesa de Marcos. Já nos acréscimos, a sorte voltou a aparecer para o Vasco. Breno, livre, acertou o travessão.

Agora, a equipe não terá Diego Renan e Guiñazú, suspensos, para o jogo diante do ABC. Ao menos, Adilson terá uma semana para corrigir os erros e buscar os substitutos.



  • Wiliam

    Infelizmente, o conjunto do Vasco é muito ruim. Tivemos muita sorte em pontuar ontem; os 3 pontos foram sorte grande! Tudo foi no sofrimento; até com 1 a mais passamos aperto; o Martin Silva é muito bom!! E a bola na trave no final foi um milagre.
    A torcida, ignorante como sempre, vaia o treinador. Não! A vaia de ontem tem que ser para o jogador!! Como erram passes!!! O treinador não dá passe.
    E a ligação direta, com chutão para a frente? Parece que não assistiram a Copa do Mundo: ninguém faz isso mais!
    E a nossa zaga (o Rodrigo em final de carreira, chega a ser grotesco) não ganha UMA bola de cabeça! O acesso vai ser difícil e se acontecer, muito sofrido!

    Dá vergonha ser vascaíno neste processo de eleição! Nada é honesto: a lista dos sócios; as chapas (como é que pode, o Eurico ainda ser candidato?). Acorda, Vasco!!

  • Jadson

    SÓ SEI DE UMA COISA, ESTOU CONTANDO AS HORAS E OS MINUTOS PELA SAÍDA DESTE TAL ROBERTO BANANAMITE E DESTE TÉCNICO INCOMPETENTE ADILSON BATISTA.

  • Jadson

    deixa eurico voltar que o vasco não vai passar por isso

  • Vencer é sempre bom , porém convencer a torcida , com qualidade também . Aí está o problema
    Adilson ! A nossa defesa , falhou em todas as arremetidas aéreas , do nosso adversário . Erramos passes , cruzamentos e finalizações durante toda a partida !
    Já imaginou se não tivéssemos o Martin Silva ?
    Que ataque é esse que não faz gol ? A quantidade de oportunidades perdidas é impressionante ! HUMILDADE E TREINAMENTO NOS FUNDAMENTOS EM TEMPO INTEGRAL !
    SDV !

  • Aurelio Pereira

    Gostaria de saber por que o Adilson , não coloca o Montoya, ele nunca vai ter ritimo , pois so fica no banco, teve jogo que entrou fez dois gols. Qual é o verdadeiro , pois muitas das vezes como o jogo de sabado o Kleber , não estava bem , poderia ter colocado ele , montoya no liugar dele, mas não…É muito estranho isso, pois o cara é novo , precisa de espaço, logo vai embora e ai, ficamos com Adilson….brincadeira ….Muda diretoria , pois nos vascainos não aguentamos mais essas palhaçadas…

  • ODILON SILVA – RJ

    Mais o VASCAO, sua imensa torcida, perderam outro grande jogo, i acontecendo eleições com votos comprados, perdemos esse jogo, esse Club, essa torcida, não merece eleições compradas.

  • ODILON SILVA – RJ

    Agora entrosar mais o time, precisar mais presença na área adversária, o jogador Kleber ta rendendo muito pouco.

  • Hoje não existe mais moleza,mas o importante é ganhar- e o nosso querido Vasco ganhou.Também sabemos que nos dias atuais,não existe essa de jogo fácil e não é mais como à alguns anos em que um time como o Vasco,quando jogava com um dos chamados times pequenos,sabíamos que iríamos ganhar,só não sabíamos de quanto.

MaisRecentes

Uma chegada fabulosa para o Vasco



Continue Lendo

Treinos 100% fechados: não há comentários



Continue Lendo

Com entrosamento dará certo



Continue Lendo