Correria, obras e interdições



“Desvio”, “Interditado”, “Estamos em obras”. Essas três placas são vistas por todo lado em Cuiabá. A pouco mais de um mês para o início da Copa do Mundo, a cidade corre para deixar tudo pronto a tempo de receber os quatro jogos da primeira fase do Mundial. Mas o que se vê é muito atraso e a impressão é de que não vai dar tempo.

As obras são facilmente percebidas assim que o avião pousa em Cuiabá. Na rua em frente ao desembarque do aeroporto, Há uma enorme interdição para ampliar a entrada e saída de carros e táxis. Como ainda não está pronta, é necessário aguardar o chato trânsito que se forma. Na parte lateral do aeroporto, uma outra obra deixa claro que tudo ficou para última hora.

Mas isso é só o início. Quando, enfim, consegue sair do aeroporto, a ampliação da primeira avenida ainda não está pronta, tampouco o VLT – que falam por aqui que é quase impossível aprontar para a Copa. Até chegar ao centro, interdições, desvios, bloqueios e muita dor de cabeça. É claro que para se modernizar é preciso fazer reformas. Mas, sim, ficou tudo para última hora. Um evento-teste da Fifa já era para encontrar uma cidade praticamente pronta. E não é o caso.

Para completar, há muita sujeira espalhada pela cidade, graças às obras. Nos cantos das ruas, é fácil ver muito barro. Pelo visto, apesar de a Arena estar praticamente pronta por dentro, fora dela a situação vai ficar complicada…



MaisRecentes

Uma chegada fabulosa para o Vasco



Continue Lendo

Treinos 100% fechados: não há comentários



Continue Lendo

Com entrosamento dará certo



Continue Lendo