Mensageiros das boas notícias



Surgiu um problema em São Januário e logo pipocam os nomes de Roberto Dinamite e Rodrigo Caetano como alvos de reclamações. Afinal, a dupla ocupa os cargos mais importantes na Colina: um é presidente e o outro comanda o futebol. Porém, em tempos de vacas gordas no clube, é hora de exaltá-los, não pelo trabalho feito – diga-se de passagem, bem feito – mas pelo lado humano, principalmente em relação ao técnico Ricardo Gomes.

Roberto e Rodrigo raramente deixam de visitar Ricardo no hospital e podem ser considerados os mensageiros das boas notícias para todos os torcedores. Se os boletins médicos divulgados todas as manhãs raramente trazem alguma novidade – a evolução é lenta, é verdade -, sempre que os dois deixam o hospital alguma notícia boa aparece.

E a desta segunda-feira foi uma das mais emocionantes desde que o comandante foi internado: Dinamite revelou que Ricardo quase chorou ao saber que o Vasco espera por sua recuperação para reassumir o cargo no clube.

Rodrigo Caetano já havia revelado que Ricardo manifestara vontade de assistir os jogos do Vasco, mais uma grande notícia para os vascaínos que torcem diariamente pela recuperação. Os dois dirigentes  são, acima de tudo, seres humanos e estão provando isso. Eles não têm obrigação de visitá-lo todos os dias, mas fazem questão de buscar um espaço na agenda para dar um pulo no Méier e conversar com os familiares do treinador no Hospital Pasteur.

Por vezes contestados, Roberto Dinamite e Rodrigo Caetano merecem, agora, uma salva de palmas pelo exemplo. E que ninguém apareça na Colina oferecendo seu trabalho para assumir o comando do Vasco, afinal, os mensageiros das boas notícias dirão um sono não!



MaisRecentes

Uma chegada fabulosa para o Vasco



Continue Lendo

Treinos 100% fechados: não há comentários



Continue Lendo

Com entrosamento dará certo



Continue Lendo