Vasco descarta medalhões e pequenos valores separam Valentim do clube - Resenha da Bola

Vasco descarta medalhões e pequenos valores separam Valentim do clube



Depois de não aprovar o desempenho do Vasco com Valdir Bigode no comando, diante do Ceará, a diretoria vascaína correu contra o tempo para anunciar de forma rápida um novo treinador. E chegou ao consenso no nome de Alberto Valentim, recém-demitido do Pyramids, do Egito. Os contatos entre as partes foi rápido e uma pequena questão salarial apenas separa o treinador do clube cruz-maltino. Outros detalhes contratuais já ficam acertados e o Vasco pretende anunciar nas próximas horas o novo comandante.

A tendência é que Alberto Valentim desembarque no Rio de Janeiro entre quinta e sexta-feira, para ser anunciado oficialmente e já assumir a equipe o final de semana e comandar a equipe diante da Chapecoense, no Rio de Janeiro . Nesta quinta-feira, contra o Atlético=-MG, Valdir vai comandar a equipe, mas existe a expectativa de Alberto Valentim já acompanhar a partida junto com a cúpula de futebol.

O presidente Alexandre Campello esteve no Centro de Treinamento na manhã desta quarta-feira acompanhando as atividades e se reuniu com Alexandre Faria para definir os últimos detalhes da contratação de Valentim. Pelo fatores financeiros, ele foi considerara a melhor opção no mercado do que outros medalhões que vingam sendo especulados. Jair Ventura e Levir Culpi foram comentados, mas descartados por não terem total aprovação na cúpula de futebol, além de receberam altos vencimentos, muito acima do que Valentim receberá. Os últimos detalhes financeiro serão debatidos nas próximas horas. Entre o que o Vasco oferece e o que o treinador quer, a diferença é considerada pequena e um consenso já é visto com bons olhos entre as partes.

Dos grandes nomes no mercado, apenas Abel Braga tinha total aprovação de todos os presentes. Contudo, o Vasco sequer abriu negociações, já ciente que o treinador não vai assumir um trabalho pela metade nesta temporada, além de receber muito acima do teto que o clube pretende dispor para o seu novo treinador.

Se tudo ficar acertado, Valentim deve acertar até o fim da temporada, com prioridade de renovação até o final de 2019, de acordo com o desempenho apresentado nas ultimas 20 partidas da equipe em 2018. No clube, acredita-se que o treinador pode extrair muito mais do elenco e tirar o Vasco da situação complicada que se encontra no Campeonato Brasileiro, única competição em disputa até dezembro.



MaisRecentes

O novo fica velho e Maurício Barbieri perde forças no Flamengo



Continue Lendo

Apesar de elenco forte, Flamengo está com cara de copeiro



Continue Lendo

Dirigente do Internacional foi crucial para acerto com Paolo Guerrero



Continue Lendo