No mercado, Flamengo buscou informações de Giuliano e virou o foco para Babel - Resenha da Bola

No mercado, Flamengo buscou informações de Giuliano e virou o foco para Babel



Nome de Giuliano foi levantado no Flamengo, mas negócio sequer chegou a ter conversas iniciadas ao saber das informações

Nome constante na maior parte das convocações do técnico Tite, Giuliano acabou ficando fora da Copa do Mundo, mas seu nome ainda é cobiçado no mercado. Ciente da necessidade de buscar um jogador de peso para a vaga de Vinícius Júnior, o Flamengo levantou a possibilidade de investir no meia-atacante, que pertence ao Fenerbahçe, da Turquia. As informações sequer chegaram a Giuliano, apenas a pessoas próximas que poderiam abrir negociação pelo jogador de 28 anos. Ao saber que o negócio dificilmente aconteceria, o Fla voltou suas atenções para o holandês Ryan Babel.

Dirigentes do Flamengo foram até a Turquia para tentar contratar Babel. Mas antes, procuraram se informar da situação de Giuliano. Na lista dos pré-selecionados por Tite para o Mundial, o meia não estava em Istambul e sim na pré-temporada com o Fenerbahçe em Lausanne, na Suíça. Além disso, Giuliano foi capitão nos primeiros jogos amistosos de pré-temporada do novo treinador, Philip Cocu. Ele tem atuado como meia e é peça-chave para o novo comandante.

Para diretoria, o holandês já afirmou que não abre mão de Giuliano. Seu contrato ainda terá duração de mais três anos e os valores, que supostamente, o Fla teria de pagar são considerados muito fora da realidade do futebol brasileiro. Já em relação a Babel, a situação é considerada mais simples. O Flamengo quer pagar cerca de R$ 22 milhões para ter o atleta por três temporadas com um salário “dentro dos padrões”. Entre o Rubro-Negro e Babel, tudo praticamente acertado. Falta o aval do Besiktas, detentor dos direitos.

A negociação envolvendo Flamengo, Besiktas e Babel, já avançou diversos estágios, chegou a regredir e, por ora, está estacionada. Os emissários do Fla que estão em Istambul aguardam a autorização do Besiktas para finalizar a transação. Os valores debatidos chegaram a um ponto comum. Falta a os turcos toparem a forma de pagamento. O Fla quer parcelar em três vezes. O Besiktas quer o montante de uma vez, algo que o Conselho Diretor Rubro-Negro não aprovou. Segue o impasse e sem nada definido.

De qualquer maneira, Babel é considerado o nome ideal para impactar e substituir com qualidade Vinícius Júnior. Experiente, chegaria para somar na disputa da Copa Libertadores, o grande desejo da diretoria que encerra seu mandato neste ano. Terminar esse ciclo com o título continental, e consequentemente disputar um Mundial de Clubes, é o grande sonho de Bandeira de Mello e seus aliados. E com Giuliano ou Babel, acredita-se que pode se tornar realidade.

Uma coisa é certa. A ideia de presentear a diretoria vem lá da Turquia. Mais precisamente de Istambul…..Por enquanto, nenhum dos dois.



MaisRecentes

Planejamento ruim e falta de títulos enfraquece situação no Flamengo



Continue Lendo

Direção do Flamengo decide que Diego Alves não deve mais atuar em 2018



Continue Lendo

Goleiro João Ricardo, do América-MG, entra na mira de São Paulo e Fluminense



Continue Lendo