Apesar de elenco forte, Flamengo está com cara de copeiro - Resenha da Bola

Apesar de elenco forte, Flamengo está com cara de copeiro



Com Barbieri, Flamengo foi copeiro para eliminar o forte time do Grêmio

Os dois jogos do Flamengo na Copa do Brasil, diante de um Grêmio extremamente copeiro, mudaram o patamar desse Fla para 2018. A forma como atuou nos dois jogos contra o gaúcho deram orgulho aos torcedores. Explico: o Fla teve postura copeira, como há tempos não se via.

Independente de no ano passado ter chegado a duas finais, a forma rubro-negra de encarar o Grêmio na Copa do Brasil coloca o Flamengo como o grande favorito à conquista da competição e a garantir cerca de R$ 50 milhões aos seus cofres de premiação.

O Flamengo entendeu o espirito. No jogo no Sul pressionou o rival com força e já poderia ter matado a série por lá mesmo. No Maracanã lotado, saiu ganhando rápido e soube jogar com o regulamento. Apesar do Grêmio ter pressionado, em momento algum viu-se risco do Fla não se classificar. Foi copeiro e cirúrgico.

Esse espirito pode ajuder também na Libertadores. Se no jogo no Rio de Janeiro tentou jogar e não conseguiu, em Minas pode ter melhor sorte, apesar de saber que é extremamente difícil conseguir a vaga. Mas nada é impossível ainda mais se essa método de atuar, como foi na Copa do Brasil, incorporar os comandamos do jovem Maurício Barbieri. O treinador, inclusive, já é um capítulo à parte. Tem sido decisivo para a mudança de postura rubro-negra.

No Brasileiro, a história é diferente e o Flamengo precisa de regularidade para se tornar campeão. Na Copa do Brasil entra com amplo favoritismo mesmo tendo Corinthians em sua frente. Além do time mais recheado de opções, o Fla tem jogador mais do que o rival paulista. E nessa pegada, tem grandes chances de ficar com a taça mais uma vez.



MaisRecentes

Planejamento ruim e falta de títulos enfraquece situação no Flamengo



Continue Lendo

Direção do Flamengo decide que Diego Alves não deve mais atuar em 2018



Continue Lendo

Goleiro João Ricardo, do América-MG, entra na mira de São Paulo e Fluminense



Continue Lendo