Moreno e Nainggolan, os carrascos da Champions League



A primeira rodada da fase de grupos da Champions League 2015/16 produziu surpresas em vários níveis. Gols espetaculares, placares elásticos e surpreendentes, decepções de algumas equipes e superação de outras.

Mas dois jogadores se destacaram por aquilo que o futebol tem de pior: a violência e irresponsabilidade com que decidiram enfrentar os adversários.

Na terça-feira foi a vez do mexicano do PSV, Héctor Moreno, 27 anos, cometer uma falta desclassificante, brutal, frontal sobre o lateral esquerdo inglês Luke Shaw, 20 anos, do Manchester United, provocando a fratura da tíbia e do perônio do inglês. O médico do Manchester United resolveu operá-lo horas depois, ainda hospital St Anna Ziekenhuide em Eindhoven, diante da gravidade da contusão. Nesta quinta-feira, surgiu a notícia em Manchester de que Shaw será submetido a uma segunda cirurgia nesta sexta-feira ainda em Eindhoven. A equipe médica do clube inglês decidiu que o jogador só voltará para a Inglaterra quando ele estiver com em condições estáveis. O jogador está acompanhado por seus pais.

Numa escolha infeliz e inoportuna a UEFA indicou Moreno como “o jogador do jogo” contra o Manchester United. Os dirigentes do clube inglês, naturalmente. estão furiosos diante da estranha decisão da entidade. Segundo o diário The Mirror, um dirigente do clube considerou “estranha e decepcionante” a indicação.

Rafinha sofreu a entrada de Naigolán na primeira bola que recebeu (foto - Miguel Ruiz - site oficial do BFC)

Rafinha sofreu a entrada de Naiggolan na primeira bola que recebeu (foto – Miguel Ruiz – site oficial do BFC)

Ontem, a deslealdade teve como protagonista o volante da Roma e da seleção belga, Radja Nainggolan, 27 anos, que aplicou uma tesoura criminosa por trás no meia brasileiro do Barcelona, Rafinha, 22 anos, que também será submetido a uma cirurgia. Segundo exame realizado na manhã desta quinta-feira, ele sofreu o rompimento do ligamento cruzado anterior de seu joelho direito. As imagens de TV mostram um cínico Naiggolan apontando para a bola logo após a falta que cometeu, como que alegando que não teve intenção de obstaculizar o adversário. Ora, carrinho por trás, qualquer criança sabe, é inadmissível e perigoso numa partida de futebol.

Dois jovens talentos do futebol inglês e brasileiro, que buscam se firmar em dois dos elencos mais milionários do planeta e em duas das seleções mais tradicionais do futebol internacional ficarão meses afastados dos gramados por conta da deslealdade e da inconsequência de adversários que não mediram as armas que tinham à disposição para marcá-los.

O futebol é um esporte de contato. Os atletas se preparam para embates físicos constantes e nada delicados a cada partida, se aproveitando das técnicas mais modernas da preparação física e da fisiologia que os deixa mais fortes, atléticos, resistentes e velozes a cada dia. Mas há regras bastante claras que definem os limites da ação física para que a integridade dos jogadores seja preservada.

Moreno e Nainggolan ofenderam a ética esportiva e ultrapassaram os limites razoáveis do uso da força numa partida de futebol. Os dois realizaram movimentos e ações de consequências catastróficas previsíveis nos jogadores que enfrentaram.

 Luke Shaw segue hospitalizado em Eindhoven (foto -John Thys - AFP)

O lateral Luke Shaw do Manchester United segue hospitalizado em Eindhoven (foto -John Thys – AFP)

Semana passada o Comitê Médico da FIFA esteve reunido em Zurique. Segundo o Professor Dr. Jiri Dvorak , chefe do Comitê, o encontro serviu para discutir como fortalecer o relacionamento entre os times de futebol, técnicos e as equipes médicas. Segundo ele, a proteção à saúde dos jogadores é a prioridade número um do Comitê.

Pois, então, talvez devesse nascer do Comitê Médico da entidade a ideia de relacionar a punição dos atletas violentos e inconsequentes com os efeitos de seus atos.

 Atualizado às 17:59h de 17/09/2015

Correção: O nome do atleta belga é Radja Nainggolan e não Naiggolan como publicado anteriormente.



  • Marcus

    Esses jogadores, q comprovadamente tiveram influência direta nessas lesões deveriam ser suspensos pelo msm período de recuperação dos jogadores. Além de exemplar, a medida evitaria que outros jogadores fossem alvos desses amebas.

MaisRecentes

Presidente do Bayern detona valores especulados numa eventual transferência de Neymar.



Continue Lendo

Os extravagantes valores de uma eventual transferência de Neymar do Barça para o PSG



Continue Lendo

United x City jogarão pela primeira vez o “derby” de Manchester fora do Reino Unido.



Continue Lendo