Inglaterra e Espanha fazem final inédita no Mundial Sub-17



Inglaterra e Espanha jogarão uma final inédita no Mundial Sub-17 que está sendo disputado na Índia. As duas seleções já haviam protagonizado a final da Euro Sub-17, em maio, na Croácia. A seleção espanhola saiu com o título ao vencer a final por 4 a 1 na disputa de pênaltis. Brasil e Gana decidirão a terceira e quarta posição no torneio.

Este Mundial se tornou o segundo em número de gols, 170, na história ultrapassando o disputado na Coréia do Sul, em 2007, que registrou 167 gols. Ele ainda poderá superar o torneio disputado nos Emirados Árabes, em 2003, e que atingiu 170 tentos.

Oito países já conquistaram este título: Nigéria com 5, Brasil com 3, Gana 2, México, Arábia Saudita, França, Suíça e União Soviética com 1. As campeãs de Copas do Mundo Alemanha, Itália, Inglaterra, Espanha, Argentina e Uruguai nunca venceram a competição nesta categoria.

O destaque individual absoluto da Inglaterra dirigido pelo técnico Steve Cooper é o atacante Rhian Brewster do Liverpool autor dos 3 gols na vitória sobre o Brasil na semifinal da última quarta-feira. O craque Jadon Sancho que brilhou na fase de grupos já deixou a delegação e se reintegrou ao Borussia Dortmund clube que o contratou junto ao Manchester City.

Brewster foi um dos 8 jogadores que começaram a partida contra o Brasil e que tem origem negra, asiática ou de minorias étnicas. Este fenômeno já se faz sentir na Premier League onde a participação de jogadores não brancos cresceu de 16% de quando ela foi fundada para os 33% da atual temporada. Na verdade fenômenos semelhantes podem ser constatados nas seleções e nas competições de clubes da França e da Alemanha.

 

O artilheiro Brewster dedicou à família o “hat-trick” contra o Brasil (foto- thefa.com)

Na Espanha, os destaques da equipe do técnico Santiago Denia, segundo o jornalista Sergi Sanz do diário Marca, são o atacante e segundo goleador da competição Abel Ruiz do Barcelona , o lateral esquerdo do Barcelona Juan Miranda, o meia atacante do Real Madrid César Gelabert, o meia do Valencia e cérebro da seleção Ferrán Torres e o atacante do Barcelona Sergio Gómez.

Quatro grandes clubes do futebol europeu tem presença expressiva nas duas seleções. O Chelsea tem contrato com 5 jogadores da seleção inglesa. O Real Madrid tem contrato com 5 jogadores da seleção espanhola e o Barcelona tem 4 representantes. Já o Manchester City marca presença com 3 jogadores na seleção inglesa e 1 na espanhola.

Abel Ruiz, do Barcelona, é o 9 da La Roja (foto – divulgação)

Os elencos e os clubes onde jogam os jogadores:

Inglaterra

1- Curtis ANDERSON – Manchester City

2- Timothy EYOMA – Arsenal

3- Lewis GBSON – Everton

4- George MCEACHRAN – Chelsea

5- Marc GUEHI – Chelsea

6- Jonathan PANZO -Chelsea

7- Philip FOLDEN – Manchester City

8- Tashan OAKLEY-BOOTHE – Tottenham

9- Rhian BREWSTER – Liverpool

10- Angel GOMES – Manchester Uniteda

11- Jadon SANCHO – Borussia Dortmund

12- Nya KIRBY – Crystal Palace

13- Josef BURSIK – Stoke City

14- Callu, HUDSON-ODOI – Chelsea

15- Joel LATBEAUDIERE – Manchester City

16- Daniel LOADER – Reading

17- Emile SMITH ROWE – Arsenal

18- Stevem SESSEGON – Fulham

19- Morgan GIBBS-WHITE -Wolverhampton

20- Conor Gallagher – Chelsea

21- William CRELLIN – Fleetwood Town

 

ESPANHA

1- ALVARO F -Málaga

2- MATEU JAUME – Barcelona

3- Juan MIRANDA – Barcelona

4- Hugo GUILLAMON – Valencia

5- Victor CHUST – Real Madrid

6- Antonio BLANCO – Real Madrid

7- FERRAN Torres – Valencia

8- MOHA M – Real Madrid

9- ABEL RUIZ – Barcelona

10- SERGIO GOMEZ – Barcelona

11- NACHO Diaz – Villareal

12- PEDRO Ruiz – Real Madrid

13- MARC VIDAL – Villareal

14- ALVARO Garcia – Albacete

15- ERIC Garcia – Manchester City

16- D. PAMPIN – Celta

17- J.A. LARA – Sevilla

18- CESAR G. – Real Madrid

19- C. BEITIA – Villareal

20- VICTOR G. – Espanyol

21- ALFONSO V. – Sevilla

 

 

 

 

 

 

 

 

 



MaisRecentes

FIFA ameaça a Espanha de exclusão da Copa do Mundo da Rússia em 2018



Continue Lendo

Há 70 anos o Real Madrid inaugurava o estádio Santiago Bernabéu



Continue Lendo

Quais foram os 11 melhores jogadores das 5 principais ligas europeias no último semestre?



Continue Lendo