Futebol holandês reverenciará Cruyff neste final de semana



O futebol holandês, ainda abalado com a revelação de que o maior jogador de futebol de todos os tempos daquele país, Johan Cruyff, foi diagnosticado com câncer no pulmão, se manifestará neste final de semana.

Aos 14 minutos das 9 partidas da Eredivisie – campeonato holandês da primeira divisão – os jogadores, técnicos, dirigentes e o público em geral aplaudirão e reverenciarão o extraordinário ex-jogador do Ajax, do Barcelona, do LA Galaxy, do Feyenoord e da Seleção Holandesa, vencedor da Bola de Ouro por 3 vezes como melhor jogador europeu. Cruyff sempre vestiu a camisa 14 no Ajax e na Seleção Holandesa.

Johan Cruyff encantou o mundo com a camisa 14 laranja (foto - Cruyff.com)

Johan Cruyff encantou o mundo com a camisa 14 laranja (foto – Cruyff.com)

Segundo declarou ao diário “Telegraaf” o ex-capitão da Seleção Holandesa e atual técnico do Feyenoord, Giovanni van Bronckhorst, “Cruyff foi o maior jogador que nosso país produziu, responsável pelo futebol total da Laranja, em 1974, o time dos sonhos do Barcelona e que também significou muito para Feyenoord. O mundo inteiro admira Cruyff. Ele está em pé de igualdade com Pelé, Beckenbauer e Maradona, e isso é algo que devemos valorizar. Estamos unidos com ele na sua luta contra o câncer. Ele é importante demais para nosso futebol”.

van Bronckhorst, que também jogou no Barcelona, revela que “​​na Catalunha, ele é quase um santo, e quando eu joguei lá, conversamos uma vez por três horas sobre futebol. Foi tremendamente fascinante e instrutivo”. van Bronckhorst está convencido de que “cada jogador e treinador na Holanda deve algo a Cruyff. Somos todos produtos da sua visão do futebol.”

Ronald Koeman, ex-jogador de Cruyff no Barcelona e atual técnico do Southampton da Premier League, vai na mesma direção: “ele foi meu treinador favorito. Eu joguei seis, sete, oito anos com ele. Nós sempre celebramos o Natal juntos, com nossas famílias. Cruyff é um vencedor ele vai ganhar mais esta luta“.

A solidariedade ao ídolo holandês se espalha pelo mundo, mas é na Espanha e, particularmente na Catalunha, que ela se aproxima da existente em seu país natal. Messi, o presidente Josep Maria Bartomeu, a torcida do Barcelona e a mídia catalã já se pronunciaram e acompanham o drama de Cruyff com emoção e intensidade.

Cruyff jogou e foi técnico do Barcelona (foto - Cruyff.com)

Cruyff jogou e foi técnico do Barcelona (foto – Cruyff.com)

Cruyff tem um papel determinante na consolidação da concepção que foi sendo implantada, há décadas, no Barcelona de um futebol ofensivo, técnico, inspirado claramente na Laranja Mecânica holandesa de 1974 de Rinus Michel. Foi ele que conduziu o clube ao primeiro título de Champions League, na temporada 1991/92. Depois, vieram Frank Rikjaard, Louis Van Gaal e um de seus pupilos e seguidores mais brilhantes e inovadores: Pep Guardiola.

Segundo relato de seus amigos mais próximos, é o próprio Cruyff quem está demonstrando grande força mental e animando sua família na luta para vencer a batalha contra a doença: “Esta partida nós vamos ganhar” é a mensagem que ele está passando para todos. Danny, sua esposa, é a mais abalada e não se afasta dele, assim como suas filhas Chantal e Susila que também residem em Barcelona. Seu filho Jordi, que trabalha no Maccabi Tel Aviv de Israel, aproveitou a ida à cidade do Porto, na última terça-feira, para a partida pela Champions League, para antecipar seu retorno para Barcelona.

A Fundação Cruyff tem projetos para crianças deficientes (foto - Cruyff.com)

A Fundação Cruyff tem projetos para crianças deficientes (foto – Cruyff.com)

Johan Cruyff é o mentor ideológico da gestão de futebol que está sendo implementada no seu clube de origem: o Ajax. É dele também a ideia de transformar ex-jogadores do clube em dirigentes e executivos. Neste momento o técnico é o ex-zagueiro Frank de Boer que tem como assistentes o ex-atacante Dennis Berkamp e ex-zagueiro Jaap Stam. O diretor técnico é o ex-atacante Marc Overmars e o diretor de marketing é o ex-goleiro Edwin Van der Saar. Os 2 últimos já estão sendo preparados para assumirem a direção geral do Ajax ao final de 2016.

 

 

 



  • everton andrade da silva

    grande jogador mais não pode comparar com pelé e maradona por favor

MaisRecentes

Barça exibe bandeira pelo diálogo na Catalunha mas impede a distribuição de cartazes no Camp Nou



Continue Lendo

Barça exibirá bandeira gigante antes da partida contra o Olympiacos propondo diálogo na Catalunha



Continue Lendo

Manchester City começa arrasador e faz 2 a 1 no Napoli que brigou até o final



Continue Lendo