Espanha faz história com 5 clubes garantidos para a fase de grupos da Champions League



O futebol espanhol está em festa. Pela primeira vez na história cinco clubes do país estão classificados para a fase de grupos da cobiçadíssima UEFA Champions League. Barcelona, Real Madrid, Atlético de Madrid, Sevilla e, agora, Valencia  participarão do sorteio de amanhã que definirá os grupos da fase seguinte da competição de clubes mais importante do planeta. O evento acontecerá no Fórum Grimaldi em Mônaco.

A mídia espanhola se esbalda. O normalmente equilibrado diário “El País” escreve em editorial que “o dinheiro está na Premier inglesa. A Bundesliga alemã se destaca pelo ambiente dos estádios. O calcio italiano tenta se reencontrar. Mas o jogo está na La Liga”.

Bandeira da UEFA

Pela primeira vez na história cinco clubes de um mesmo país participam da fase de grupos da Champions League. O diário esportivo “Marca” traz em manchete: “O G5 europeu”, adotando uma linguagem de quem se sente representar a elite do futebol daquele continente. E vai além. Através de seu site promove, ao longo desta quarta-feira, um debate com seus leitores com o tema: “Por que as equipes espanholas mandam na Europa?”

O cotidiano “Mundo Deportivo” de Barcelona celebra o feito das equipes do país de maneira menos enfática, com o espírito sempre mais independente do povo catalão, mas não deixa de classificar como “histórico” que cinco clubes de uma mesma liga – e, observem a sutileza, não de um mesmo país – tenham garantido presença na fase de grupos da Champions 2015/16.

Enfim, o país que entrou como um dos favoritos na Copa de 2014 no Brasil e saiu humilhado ainda na primeira fase da competição depois de ser goleado impiedosamente pela Holanda mostrou-se lúcido para avaliar os motivos daquele desastre e soube encontrar os rumos da sua recuperação.

Que exemplo inspirador!

 



MaisRecentes

Quais foram os 11 melhores jogadores das 5 principais ligas europeias no último semestre?



Continue Lendo

Guardiola vence o derby e celebra campanha com vitórias em Stamford Bridge e Old Trafford



Continue Lendo

Lillo, mentor de Guardiola e sucessor de Rueda, deixa o Atlético Nacional de Medellín



Continue Lendo