Eleição para presidente do Barcelona sábado: 109 367 sócios estão aptos a votar



O FC Barcelona realizará, no próximo sábado, a eleição para presidente do clube. Segundo anunciou a Comissão Eleitoral 109 367 sócios estão habilitados para participar do pleito que será realizado no estádio Camp Nou. Todos receberam uma carta assinada pelo presidente da Comissão Eleitoral, Ramon Adell, com orientações sobre como proceder no dia do pleito, acompanhada de um cartão com as indicações da fila e da mesa para onde cada sócio deverá se dirigir. A área de votação terá 3500 m² com 136 mesas. Cerca de 2000 pessoas estarão envolvidas na organização do evento. Mais de 400 jornalistas já estão credenciados para a cobertura da eleição.

A estrutura já está montada ao lado do Camp Nou (foto - site oficial do FCB)

A estrutura para a eleição do próximo sábado já está montada ao lado do Camp Nou (foto – site oficial do FCB)

Cada sócio tem direito de ir acompanhado de dois convidados que poderão desfrutar de 24 atividades que serão organizadas ao longo do dia voltadas para pessoas de todas as idades. Os sócios poderão inclusive circular pelo gramado do estádio, considerado o melhor da Europa. Haverá 3 áreas distintas para os sócios desfrutarem dos serviços de bares e restaurantes.

Os eleitores poderão escolher entre 4 candidatos. Todos estavam juntos na eleição de 2003 quando Joan Laporta saiu vencedor. Eles são Josep Maria Bartomeu (52 anos), Joan Laporta (53 anos), Agustí Benedito (51 anos) e Toni Freixa (47 anos).

Bartomeu, que assumiu a presidência com a renúncia de Sandro Rosell em janeiro de 2014, tenta a eleição para um mandato completo e é o líder nas pesquisas.

Laporta tenta o retorno ao cargo que exerceu entre 2003 e 2010 e conta com o apoio de Johan Cruyff.

Freixa e Benedito nunca ocuparam o cargo antes, mas ambos tem participação ativa no clube nos últimos anos.

De  acordo com o que estabelece o estatuto do FC Barcelona da meia noite de hoje até às 24h de amanhã (sexta-feira) estão proibidas todas as atividades públicas dos candidatos. Eles não poderão organizar, nem direta nem indiretamente, atividades ou manifestações de natureza eleitoral como colar cartazes, publicar ou divulgar propaganda através dos meios de comunicação, fazer declarações ou conceder entrevistas, configurando o que é conhecido como “jornada de reflexão”.

Toni Freixa, Joan Laporta, Josep Maria Bartoméu e Agustí Benedito são os candidatos (foto - site oficial do FCB)

Toni Freixa, Joan Laporta, Josep Maria Bartoméu e Agustí Benedito são os candidatos à presidência do FCB (foto – site oficial do FCB)

Todos os candidatos concordaram em assinar o manifesto “Compromís de País” (Compromisso com o País) consolidando a relação do barcelonismo com o catalanismo – sintetizado no slogan “Més que um Club” (Mais que um Clube) – mas reafirmaram que o FC Barcelona continuará a disputar a La Liga ainda que a campanha pela independência da Catalunha seja vitoriosa.

O FC Barcelona vem sendo administrado, desde o dia 9 de junho, por uma “Comissão Gestora”¹ composta por 10 sócios, que acaba de anunciar os números do clube relativos ao período 2014/15, auditados pela empresa inglesa de consultoria Deloitte, que revelam uma receita recorde de € 608 milhões com um lucro líquido de € 15 milhões. A elevação significativa da receita comparada com a da temporada 2013/14 – que foi de € 484 milhões – tem a ver com a extraordinária performance da equipe principal de futebol do Barcelona e a conquista da tríplice coroa no período: La Liga, a Copa do Rei e a Champions League.

Semana passada a “Comissão Gestora” decidiu contratar o jogador  turco Arda Turan do Atlético de Madrid por € 34 milhões, ainda que criticada por alguns dos candidatos à presidência. No entanto, a operação contempla a possibilidade de recompra por parte do Atlético de Madrid até o dia 20 de julho no caso do novo presidente não concordar com o negócio.

1- O presidente Josep Bartomeu renunciou a presidência para concorrer à eleição presidencial.



MaisRecentes

Ranieri, uma história sempre surpreendente no Leicester



Continue Lendo

Há 50 anos, o “Bola de Ouro” húngaro Albert vestia a camisa 9 do Flamengo



Continue Lendo

FIFA revoltada com ausência de Messi na festa do “The Best”



Continue Lendo