Descanse em paz, eterno Capita!!



Atualizado às 15:11h de 25/10/2016

 

O futebol mundial perdeu Carlos Alberto. O futebol brasileiro perdeu o eterno Capita do Tri. Eu perdi um ídolo, um herói e um amigo.

O Capita me fez feliz em inúmeras ocasiões:

Nas exibições no Santos FC e na Seleção Brasileira que eu tive o prazer como menino de testemunhar no Maracanã.

Nos tantos episódios que viveu e protagonizou ao longo da carreira de craque extraordinário registrados nas páginas do Jornal dos Sports e cuja leitura contribuiu no aprofundamento da minha paixão pelo futebol.

No título mundial, em 70, e a felicidade que me proporcionou com o ato sublime, inesquecível e definitivo de levantar e beijar a Taça Jules Rimet no estádio Azteca, após a avassaladora goleada por 4 a 1 sobre a Itália. Líder e capitão do melhor time de futebol de todos os tempos, a única seleção que, até hoje, conquistou a Copa do Mundo vencendo todas as partidas de eliminatórias e do próprio Mundial.

capita-copa

 

 

 

No  Flamengo por ter nos honrado em vestir o Manto Sagrado, pelo tri do Brasileiro em 1983 e por nos salvar em 2001 de um rebaixamento que parecia inexorável.

E, finalmente, serei eternamente grato, pelo carinho e gentileza com que sempre me tratou nas tantas vezes em que estivemos juntos mundo afora.

Descanse em paz, eterno Capita!!



MaisRecentes

Juve e Leicester faturaram mais do que o campeão Real Madrid na Champions 2016/17 devido ao “market pool”.



Continue Lendo

Raios X dos 100 gols de Messi pelo Barça em competições europeias



Continue Lendo

Barça exibe bandeira pelo diálogo na Catalunha mas impede a distribuição de cartazes no Camp Nou



Continue Lendo