A estabilidade dos técnicos na Premier League já não é mais a mesma?



O futebol brasileiro é, por certo, um daqueles em que os treinadores menos usufruem de tempo e estabilidade para trabalhar no cenário do futebol contemporâneo. No atual Campeonato Brasileiro, apenas Tite no Corinthians, Levir Culpi no Atlético Mineiro e Gilson Kleina no Avaí são técnicos desde a primeira rodada.

Flamengo, Vasco e Fluminense, por exemplo, estão no terceiro técnico no atual campeonato, assim como o São Paulo, se incluirmos o período em que foi dirigido pelo eterno interino Milton Cruz. Para nos restringirmos aos grandes clubes.

Há, no entanto, algum tipo de idealização da estabilidade da função nos campeonatos mais importantes do futebol europeu. A situação delicada do técnico do Chelsea, José Mourinho, em função da péssima campanha na atual temporada (16º colocado na 12ª rodada) sugere uma reflexão sobre se o outrora tolerante comportamento dos dirigentes com os resultados imediatos de seus times persiste nos dias de hoje. Mourinho já não estaria demitido não fosse a milionária multa rescisória estipulada em seu contrato? Até quando a racionalidade prevalecerá no clube de propriedade do insaciável Roman Abramovich caso a equipe não reaja?

José Mourinho 52 anos, tem sua pior campanha na Premier League(foto - Chelseafc.com)

José Mourinho 52 anos, tem sua pior campanha na Premier League (foto – Chelseafc.com)

A Premier League inglesa, reconhecidamente a mais organizada e milionária da atualidade, tem, no momento, apenas 6 clubes que são dirigidos pelo mesmo técnico há pelo menos 3 temporadas: Bormemouth, Arsenal, Chelsea, Everton, Manchester City e Stoke City. Sendo que, evidentemente, o recordista e nada representativo da lista é o técnico francês Arsène Wenger, do Arsenal, há 19 temporadas no cargo.

Por outro lado há 9 clubes cujos técnicos estão há menos de 1 ano e meio na função: Aston Villa, Leicester, Liverpool, Newcastle, Norwich, Sunderland, Watford, West Bromwich e West Ham. Sendo que, em 3 (Liverpool, Sunderland e Aston Villa), os técnicos assumiram durante a atual temporada, substituindo profissionais demitidos pelo rendimento decepcionante de suas equipes.

Wenger trabalhou na França e no Japão antes da Premier League (foto - Arsenal.com)

Wenger trabalhou na França e no Japão antes da Premier League (foto – Arsenal.com)

A constatação acima talvez possa ser explicada pela mudança no tipo de gente que passou a investir nos clubes ingleses na última década. A internacionalização dos proprietários de muitos deles pode ter introduzido um nível de ansiedade por resultados técnicos mais imediatos na medida em que estes investidores aterrizaram nestas instituições movidos por objetivos empresariais, certamente almejando resultados de curto prazo, notadamente os financeiros.

Os atuais proprietários do Manchester United teriam a mesma paciência daqueles que comandavam o clube na década de 80 e que suportaram 7 temporadas de Sir Alex Ferguson como técnico até que o clube conquistasse o primeiro campeonato inglês sob sua direção e, aí sim, iniciasse a fase mais gloriosa e vencedora da sua história?

A Premier League está muito distante da orgia insana de entra e sai de técnicos do futebol brasileiro atual, mas já se mostra mais e mais vulnerável à tentação de trocar de treinadores como instrumento de busca desesperada por resultados de curto prazo.

Sir Alex Ferguson, campeoníssimo da Premier League ( foto - Manutd.com)

Sir Alex Ferguson, campeoníssimo da Premier League ( foto – Manutd.com)


Atuais técnicos dos clubes que disputam a Premier League:

Bourmemouth

Eddie Howe – 37 anos

Técnico desde Outubro de 2012

 

Arsenal

Arsène Wéger – 66 anos

Técnico desde Outubro de 1996

 

Aston Villa

Rémi Garde – 49 anos

Técnico há 1 semana

 

Chelsea

José Mourinho – 52 anos

Técnico de Junho de 2013

 

Crystal Palace

Alan Pardew – 54 anos

Técnico desde Janeiro de 2015

 

Everton

Roberto Martinez – 42 anos

Técnico desde Julho de 2013

 

Leicester

Claudio Ranieri – 64 anos

Técnico desde Julho de 2015

 

Liverpool

Jürgen Kloop – 48 anos

Desde Outubro de 2015

 

Manchester City

Manuel Pellegrini – 62 anos

Técnico desde Junho de 2013

 

Manchester United

Louis Van Gaal – 64 anos

Técnico desde Junho de 2014

 

Newcasttle

Steve McLaren – 54 anos

Técnico desde Junho de 2015

 

Norwich

Alex Neil – 34 anos

Técnico desde Janeiro de 2015

 

Southampton

Ronald Koeman – 52 anos

Técnico desde Junho de 2014

 

Stoke City

Mark Hughes – 52 anos

Técnico desde Maio de 2013

 

Sunderland

Sam Allardyce – 61 anos

Técnico desde Outubro de 2015

 

Swansee

Gary Monk – 36 anos

Técnico desde Fevereiro de 2014

 

Tottenham

Mauricio Pochettino – 43 anos

Técnico desde Maio de 2014

 

Watford

Enrique Sanchez Flores – 50 anos

Técnico desde Junho de 2015

 

West Bromwich

Tony Pulis – 57 anos

Técnico desde Janeiro de 2015

 

West Ham

Slaven Bilic – 47 anos

Técnico desde Junho de 2015

 

 



  • mauricio lima

    é coisa para se pensar… Pessoal que gosta de futebol e de jogos sobre futebol, acesse GAMEFUT . COM (JUNTA LINK) premiação em dinheiro R$ 600,00 no estilo do Brasfoot, elifoot, OSM e etc..

MaisRecentes

Borussia Dortmund lidera lista dos clubes com maior posse de bola nas 5 maiores ligas europeias



Continue Lendo

Marco Asensio será o novo galático do Real Madrid?



Continue Lendo

Rummenigge, presidente do Bayern: “não podemos e não compraremos um jogador por € 222 milhões”



Continue Lendo