Parabéns pra você Rondinelli – O “deus da raça” completa hoje 64 anos



Rondinelli, 'Deus da Raça': 'Para vestir a camisa do Flamengo tem que ter raça, determinação e deixar suor em campo/foto: site rádio Globo

Em 26 de Abril de 1955, nasceu na cidade de São José do Rio Preto (SP), Antônio José Rondinelli Tobias (Rondinelli), zagueiro-central, era chamado pela torcida do Flamengo como “deus da raça”, por sua vibração e aplicação nas partidas.

Rondinelli, começou no Flamengo nas categorias de base em 1968.

Rondinelli, ‘deus da raça’: ‘Para vestir a camisa do Flamengo tem que ter raça, determinação e deixar suor em campo/foto: site rádio Globo

Pelo Flamengo disputou 406 jogos e marcou 12 gols.

Em 1981, passou pelo Corinthians, onde disputou 12 jogos.

Rondinelli, também defendeu a camisa do Vasco da Gama, disputou 14 jogos e marcou apenas 1 gol.

Rondinelli com a camisa do Vasco/foto: blog do Garone/Lance

O “deus da raça”, ainda defendeu o Atlhetico-PR, o Paysandu, o Goiânia e o Goiás.

Pela Seleção Rondinelli fez 5 partidas.

As conquistas de Rondinelli

Defendendo o Flamengo, Rondinelli foi campeão brasileiro em 1980, foi campeão da Libertadores em 1981, conquistou o Mundial Inter Clubes em 1981, foi campeão carioca em 1974, 1978, 1979 e 1981.

Rondinelli conquistou a Taça Guanabara em 1973, 1978, 1979, 1980 e em 1981.

Rondinelli, camisa 3, marcou o gol que deu ao Flamengo o título do Carioca de 78 sobre o Vasco (Foto: Reprodução-Lance)

Com a camisa do Vasco da Gama, o zagueiro foi campeão carioca em 1982.

Rondinelli foi campeão paranaense pelo Atlhetico em 1983.

Curtindo muito bem os seus 64 anos, Rondinelli hoje vive em Cabo Frio, no Rio de Janeiro.

Acompanhem os nossos parceiros



MaisRecentes

Em busca da classificação no Paulista sub-17, volante do Red Bull Brasil frisa: ‘temos que fazer a nossa parte’



Continue Lendo

Atacante do Ituano Sub-17 projeta duelo com o Juventus por vaga no Paulistão



Continue Lendo