Artilheiro na base do Rio Ave, João Marcello Pistelli quer ainda mais na próxima temporada



Foto: Divulgação

Com 18 gols em 34 jogos, o jogador do Sub-19 do Rio Ave chamou atenção pelos excelentes números na época

Uma das grandes promessas das categorias de base do Rio Ave, o meia João Marcello Pistelli foi um dos destaques da equipe Sub-19 na temporada 2018/2019. A equipe da Vila do Conde encerrou a participação na AF Porto Juniores A no último sábado (8), com vitória por 3 a 1 sobre o Sousense.

O jovem brasileiro foi artilheiro da equipe na competição com 18 gols marcados em 34 jogos. No clube desde 2016, João acredita que esta foi uma das melhores temporadas de sua carreira até o momento.

Foto: Divulgação

“Essa temporada 2018/2019 creio que foi uma das minhas melhores até agora. Em cada jogo dei o melhor de mim, foi uma época que trouxe muita felicidade pra mim e para minha família, buscando evoluir a cada jogo, sempre buscado mais. Na minha visão foi uma época muito boa” disse.

João iniciou a carreira jogando futsal no Santos, por volta dos cinco anos de idade, onde ficou até o Sub-11. Nesta altura, entrou para o futebol de campo da equipe santista e ficou até o Sub-14. Na temporada 2015/2016 o médio chegou no Rio Ave e desde então vive na Vila do Conde, onde se diz feliz com a vida “parecida” com a cidade natal.

Está sendo muito bom. Portugal é um país muito gostoso e graças a Deus eu consegui encontrar uma cidade parecida com a minha, que é Santos, no litoral paulista. Desde o primeiro dia eu fui bem recepcionado aqui Rio Ave, é um lugar onde me senti bem acolhido – analisou João.

Com grandes números na última temporada, João Marcello quer voar ainda mais alto na próxima época e acredita que pode superar os números atingidos com a camisola do Rio Ave.

– Manter os números não é fácil, mas tenho sempre que querer aumentar esses números. Como tive condições de fazer 18 gols nessa época, sei que posso fazer mais. Por isso, nesta próxima época vou procurar sempre aumentar esses números para que um dia seja excelentes números.

Grandes atuações e grandes números, naturalmente geram interesse de outros clubes no mundo do futebol. Não foi diferente com o brasileiro, que vem sendo observado por clube franceses, italianos e espanhóis que monitoram a situação do artilheiro da equipe de Vila do Conde.

– Eu procuro não pensar nisso. Quem cuida disso é meu pai e meu empresário, Flavio Campos. Meu foco é dentro de campo e fora deixo com meu empresário e meu pai e, não tenho dúvidas que estou em boas mãos. A cada jogo procuro dar o meu melhor pra que eu continue evoluindo chamando atenção de grandes clubes do futebol Europeu. Fico feliz pelo interesse, mas procuro focar no jogo e esquecer o que está extracampo – finalizou o meia.