Ex-companheiros de Coxa relembram jeito de Fernando Prass



O goleiro Fernando Prass, aos 35 anos, tem como uma de suas principais características o empenho e determinação apresentados até em treinamentos. Ex-companheiros do jogador, o goleiro Douglas, seu reserva nos tempos de Coritiba, e Aristizábal, que também jogou com ele no clube paranaense, relembram o estilo do atual camisa 25 do Verdão antes dele voltar à Curitba (PR), cidade marcante para Prass, para enfrentar o Atlético-PR, seu grande adversário nos tempos de Coxa.

E MAIS:

Competitivo e ‘viciado’ em treino, Prass revê rival ‘em casa’

Douglas, goleiro reserva de Prass no Coxa

Com o Fernando, aprendi a seriedade na hora do trabalho e a dedicação. Isso me fazia pensar “Pô, esse cara é ídolo do clube e trabalha tanto assim? Tenho que fazer igual a ele”. Isso foi importantíssimo para mim, porque vi que não dava para levar o futebol mais ou menos, a dedicação tinha de ser total.

Tenho lembrança de uma vez que ele estava contundido e eu ia jogar. Quando eu cheguei ao vestiário para o jogo, ele estava uma pilha, nervoso, com as mãos suadas e me desejando muita sorte, me avisando de todos os detalhes. Ele queria muito que eu jogasse bem, estava nervoso com isso. Fui bem no jogo, ele ficou muito feliz.

Aristizábal, ex-atacante do Coxa, hoje comentarista de TV na Colômbia

Era muito bom treinar com o Fernando, porque ele era um goleiro muito calmo e sério, não se assustava na frente do atacante, que tinha que ter muita tranquilidade para finalizar. Ele não ficava nervoso quase nunca. Era um bom companheiro dentro do grupo, gente fina com todo mundo sempre. Isso é o mais importante. Aproveito a oportunidade para mandar um abraço especial para ele. Torço para que ele saia campeão de novo.



  • Valdivia pronto prá sábado?
    O que interessa?
    O jogo é amanhã,esse é o jogo.

  • “”O volante Marcos Assunção acionou o Palmeiras na Justiça. O jogador alega que o clube alviverde não pagou dois meses de direito de imagem e pede R$ 670.728,64. O processo está na 17ª Vara Cível do Tribunal de Justiça de São Paulo.”””

    2 meses dá tudo isso só em direito de imagem:Quanto então ganhava esse pulha?

MaisRecentes

Palmeiras ‘blinda’ o vestiário após incômodo



Continue Lendo

Leandro Almeida, Nathan e uma mudança de rumo



Continue Lendo

Lesões no Palmeiras: ‘Muito difícil que seja erro de preparação’



Continue Lendo