‘Mascote’ do Horizonte custa R$ 5 no Domingão



Aurinete Nunes esbanja simpatia (Foto: Caio Carrieri)

Quem quiser levar uma lembrança do time do Horizonte  (CE)  ao visitar o Domingão pode procurar a sorridente Aurinete Nunes.

Aos 37 anos, ela vende o Galo do Tabuleiro, bicho de pelúcia que emite sons de um animal de verdade ao ser apertado.  Cada unidade custa R$ 5.

Segundo Arinete, a venda costuma girar em 50 bichinhos por partida.  Mas para o confronto desta quarta, contra o Palmeiras,  ela triplicou a quantidade de mercadoria.

– Foi tudo encomendado pelo prefeito. Se eu não conseguir vender tudo, já está garantido – brincou.

O prefeito Manuel Gomes de Faria Neto (PSDB) é bem atuante com a equipe. Além de bancar R$ 80 mil dos R$ 110 mil da folha salarial do elenco. O município também bancou R$ 19 milhões para a construção do estádio Domingão, inaugurado em 2008.  O Governo Federal pagou R$ 1 milhão.



MaisRecentes

Palmeiras ‘blinda’ o vestiário após incômodo



Continue Lendo

Leandro Almeida, Nathan e uma mudança de rumo



Continue Lendo

Lesões no Palmeiras: ‘Muito difícil que seja erro de preparação’



Continue Lendo