Volante do Bahia se torna o 2º maior ladrão de bolas do Brasileirão 2017



Renê Júnior é um dos destaques do Bahia na temporada (Foto: Divulgação)

Com apenas uma derrota nos últimos dez jogos disputados – para o Flamengo, na 29ª rodada -, o Bahia afastou de vez o fantasma do rebaixamento e agora almeja uma das vagas na Libertadores do ano que vem. Além da grande fase vivida pelo artilheiro Edigar Junio, autor de 9 gols nos últimos 8 jogos, o Tricolor Baiano conta também com a eficiência do seu meio-campo para manter o bom momento.

Juninho, Renê Júnior, Zé Rafael, Allione, Vinícius, Matheus Sales, Edson, Régis… Não são poucas as opções do técnico Carpegiani para o setor. E eles têm dado conta do recado. Alguns, inclusive, com números impressionantes.

Com cinco desarmes certos contra o Atlético Mineiro, no fim de semana, Renê Júnior superou Fagner, do Corinthians, e se tornou o segundo maior ladrão de bolas do Campeonato Brasileiro, com 85 roubadas. Apenas Jean, do Vasco, com 110, desarmou mais vezes na competição. Zé Rafael, outro destaque dos baianos, aparece próximo, com 79 recuperações de posse, ocupando a 5ª colocação.

O Bahia é o único clube com dois representantes entre os cinco primeiros neste fundamento, de acordo com dados do Footstats. Confira a galeria com o top 10:



MaisRecentes

Suíça põe três jogadores na Seleção das Estatísticas da Copa do Mundo



Continue Lendo

Brasil iguala recorde de gols da Alemanha



Continue Lendo

Neymar iguala Romário, Zico e Garrincha em número de gols marcados em Copas



Continue Lendo