Principais artilheiros dos pontos corridos voltam a marcar no Brasileirão



Fred é o maior artilheiro da história dos pontos corridos (Foto: Fabio Barros/Agencia F8)

Foram seis meses longe dos gramados e exatamente nove desde o seu último gol. Neste sábado, porém, Fred se reencontrou com as redes. Após romper os ligamentos do joelho direito, em março deste ano, o centroavante fez sua terceira partida neste Brasileirão e deixou sua marca na vitória do Cruzeiro sobre o Paraná por 3 a 1. Maior artilheiro da história dos pontos corridos, o camisa 9 chegou aos 140 gols na competição.

Quem também balançou as redes na partida foi Rafael Sóbis. O atacante anotou o seu 70º tento em sua 11ª edição de Brasileiro, se tronando o 15º maior goleador desde 2003, quando o campeonato assumiu o formato atual. O cruzeirense não marcava desde junho.

No duelo entre Chapecoense e América Mineiro, mais um dos principais goleadores dos pontos corridos voltou a estufar as redes: Wellington Paulista. Afastado do elenco principal da Chape desde agosto, o camisa 9 entrou no segundo tempo da partida e fez o gol único do jogo, o seu 81º no Brasileirão.

Veja como está o ranking dos maiores artilheiros da era dos pontos corridos:

1º – Fred – 140 gols
2º – Paulo Baier – 106 gols
3º – Alecsandro – 100 gols
4º – Borges – 99 gols
5º – Diego Souza – 98 gols
6º – Luis Fabiano – 85 gols
7º – Roger – 83 gols
8º – Washington – 82 gols
9º – Wellington Paulista – 81 gols
10º – Souza – 77 gols
11º – André Lima – 75 gols
Rafael Moura – 75 gols
13º – Obina – 74 gols
14º – Deivid – 73 gols
15º – André – 70 gols
Dagoberto – 70 gols
Rafael Sóbis – 70 gols
18º – Ricardo Oliveira – 66 gols
19º – Cícero – 65 gols
20º – Diego Tardelli – 64 gols



MaisRecentes

Números da Bola ganha novo espaço no LANCE!



Continue Lendo

Cristiano Ronaldo atinge seu primeiro recorde na Itália



Continue Lendo

Fluminense traz Fernando Diniz mas perde seus maiores passadores



Continue Lendo