Por vice, Flamengo terá que encerrar tabu contra o Atlético Paranaense



Flamengo venceu no 1º turno por 1 a 0 (Foto: Gabriel Lordello)

Flamengo venceu no 1º turno por 1 a 0 (Foto: Gabriel Lordello)

Faz diferença ser 2º ou 3º? No Campeonato Brasileiro, ao menos financeiramente, faz. A discrepância na premiação do vice para o terceiro colocado é de R$ 3,4 milhões – R$ 10,7 mi / R$ 7,3 mi. E é isso que tem motivado os jogadores do Flamengo para esta última rodada.

Para permanecer na 2ª posição sem depender do resultado do Santos, 3º colocado, porém, o rubro-negro terá que conseguir um feito inédito na história do Brasileirão: vencer o Atlético-PR na Arena da Baixada. A única vitória dos cariocas como visitante sobre o Furacão na competição foi no antigo estádio Belfort Duarte, hoje conhecido como Couto Pereira, em 1974. Triunfo por 2 a 1, gols de Zico e Paulinho. Sicupira diminuiu.

O retrospecto ruim contra o melhor mandante do Brasileirão – o Atlético já conquistou 47 pontos na Arena -, deixa o Fla como ‘zebra’ na partida. Ao menos é o que apontam os números das casas de apostas. Segundo o site OddsShark.com/br, os paranaenses entram como favoritos para o duelo, pagando R$ 2,21 para cada real apostado em caso de vitória. Já uma vitória do time da Gávea renderá R$ 3,15. O empate está cotado em R$ 2,01.

Em toda a história do duelo, a única vez que o Flamengo venceu o Atlético-PR na Arena da Baixada foi pela Copa Sul-Americana de 2011: 1 a 0, gol de Ronaldinho Gaúcho, de cabeça. Neste domingo, às 17 horas, terá mais uma oportunidade de encerrar este tabu.



MaisRecentes

Apesar do empate, Neymar entra na Seleção das Estatísticas da Copa do Mundo



Continue Lendo

Estatísticas de Brasil 1×1 Suíça



Continue Lendo

Brasil e Suíça já se enfrentaram oito vezes na história; vantagem é brasileira



Continue Lendo