Por vaga na Libertadores, Botafogo precisará encerrar jejum contra o Cruzeiro



Cruzeiro e Botafogo ficaram no 0 a 0 no 1º turno (Foto: Washington Alves/Light Press)

Renan, Lucas, Antônio Carlos, Bolívar e Júlio César; Marcelo Mattos, Gabriel, Seedorf e Lodeiro; Vitinho e Rafael Marques. Foi com essa formação, em 2013, que o Botafogo venceu o Cruzeiro, em Volta Redonda, por 2 a 1 – o uruguaio fez os gols do Alvinegro, e Anselmo Ramon descontou.

Desde então, porém, o Glorioso não sabe o que é vencer os mineiros como mandante.

Precisando de uma vitória para não correr o risco de sair do G8, que dá uma vaga na Libertadores do ano que vem, a equipe do técnico Jair Ventura precisará encerrar o incômodo jejum. Já são três jogos com mando de campo contra a Raposa em que o clube não sai de campo vitorioso – duas derrotas e um empate.

No ano passado, pela Copa do Brasil, o Cruzeiro acabou responsável pela eliminação do Botafogo da competição. O 5 a 2 aplicado no jogo de ida, no Rio, praticamente definiu o avanço cruzeirense na disputa – o time ainda venceu na volta, por 1 a 0.

Nas casas de apostas, entretanto, é o Glorioso quem aparece como favorito. De acordo com o site OddsShark.com/br, os cruzeirenses surgem como zebra para a partida, com uma vitória pagando R$ 4,20 para cada R$ 1,00 investido pelo acertador. Esse valor cai para R$ 1,81/R$ 1,00 em caso de um triunfo botafoguense.

Veja todas as cotações do Brasileirão em OddsShark.com/br.



MaisRecentes

Números da Bola ganha novo espaço no LANCE!



Continue Lendo

Cristiano Ronaldo atinge seu primeiro recorde na Itália



Continue Lendo

Fluminense traz Fernando Diniz mas perde seus maiores passadores



Continue Lendo