Os maiores ladrões de bola da 1ª rodada do Brasileirão



Matheus Galdezani foi o maior ladrão de bolas da 1ª rodada (Foto: Divulgação/Coritiba)

Matheus Galdezani foi o maior ladrão de bolas da 1ª rodada (Foto: Divulgação/Coritiba)

Um dos fundamentos preferidos de quem gosta de acompanhar estatísticas é o desarme.

Característica forte de alguns jogadores, principalmente os defensivos, os roubos de bola são cada vez mais valorizados no futebol. Com a necessidade de marcação cada vez mais abrangente, utilizando atacantes e meias, o quesito começou a ganhar ainda mais importância nas análises de rendimento.

Nesta primeira rodada do Brasileirão, foram realizados 324 desarmes corretos, de acordo com números do Footstats. Destaque para o Coritiba, responsável por 33 deles. Individualmente, o líder também vem do Coxa. Matheus Galdezani conseguiu seis recuperações de posse na goleada de 4 a 1 do seu time sobre o Atlético Goianiense.

Confira a galeria com os maiores ladrões de bola da rodada:

 



  • Julio Cezar Carvalho

    Pô, eu sou tricolor carioca, mas, assistindo ao jogo do Flamengo contra o Atlético-MG, vi o Márcio Araujo fazendo tantos desarmes e interceptação de passes, no entanto, ele nem aparece nesta lista.
    Tem alguma coisa errada aí.

  • Ederson Silva

    Alguém tá mentindo ai, e ai….
    Cartolafc – 2 roubadas
    Lancenet – 4 roubadas

MaisRecentes

Estatísticas de São Paulo 2×0 Avaí



Continue Lendo

Veja como ficou a Seleção das Estatísticas da Série B 2017 após a 2ª rodada



Continue Lendo

Seleção das Estatísticas do Brasileirão tem três novidades



Continue Lendo