Números de campeão: Flamengo liderou quase todas as estatísticas do Carioca



Flamengo ficou com a taça de campeão carioca 2017 (Foto: Celso Pupo/Fotoarena)

Flamengo ficou com a taça de campeão carioca 2017 (Foto: Celso Pupo/Fotoarena)

Os números isolados muitas vezes não transmitem exatamente o cenário de uma partida, não são uma verdade absoluta dentro dos 90 minutos, mas servem como base para análise e compreensão de algumas características dos jogos e dos times. Em grande volume, porém, as estatísticas aumentam sua representatividade dentro de uma avaliação. O título do Flamengo é um bom exemplo disso.

O Rubro-Negro, campeão carioca de 2017, liderou praticamente todos os fundamentos da competição, desde passes certos até gols marcados. Apesar de parecer óbvio que o detentor do título tenha também as melhores marcas, nem sempre isso ocorre, principalmente em uma disputa que é decidida em mata-mata.

De acordo com dados do Footstats, o Fla foi a equipe com o maior volume de passes, finalizações, gols, assistências para finalização, cruzamentos, desarmes e viradas de jogo certas. De quebra, teve também a defesa menos vazada da do Estadual entre os quatro grandes.

Rever, Rafael Vaz e Pará, nesta ordem, foram os três jogadores com mais toques corretos, mesmo com Zé Ricardo utilizando os reservas em boa parte do Carioca. Isso mostra como o time conseguiu controlar bem seus jogos através da posse de bola, com seus zagueiros e laterais participando bastante da transição.

O setor defensivo é destaque também nos roubos de bola, outro fundamento liderado pela equipe. Mesmo não tendo o maior desarmador da competição – Jean, do Vasco, foi o líder com 37 -, o Flamengo emplacou quatro jogadores entre os seis com as melhores marcas: Willian Arão com 25, em 2º, Pará com 23, em 3º, empatado com Rodrigo, do Vasco, Márcio Araújo em 5º com 22 e Renê em seguida, com 21.

No ataque, destaque para Paolo Guerrero. Artilheiro do campeonato com 10 gols, o peruano foi também o atleta com mais finalizações certas (21). E mesmo sendo o centroavante da equipe, o camisa 9 foi o 4º jogador com mais passes para seus companheiros arrematarem (22), perdendo apenas para os meias Nenê (45), do Vasco, Sornoza (30), do Fluminense, e Mancuello (24), do Flamengo. Função que passou a desempenhar de forma mais incisiva após a lesão de Diego.

Os únicos quesitos em que o clube da Gávea não aparece em primeiro são os de dribles, lançamentos, assistências para gols, rebatidas e bloqueios, todos liderados pelo Fluminense, vice-campeão.

ESTATÍSTICAS LIDERADAS PELO FLAMENGO NO CARIOCA 2017
– Dados do Footstats

Melhor ataque: 39 gols
Time com mais passes certos: 6379
Time com mais finalizações certas: 115
Time com menos gols sofridos entre os grandes: 12*
Time com mais assistências para finalização: 205
Time com mais cruzamentos certos: 118
Time com mais desarmes certos: 236
Time com mais viradas de jogo certas: 86
Time com mais escanteios recebidos: 136

*A Cabofriense foi a menos vazada do campeonato, com 11 gols sofridos, porém, em apenas 11 jogos feitos. O Flamengo disputou 17 e sofreu 12.



MaisRecentes

Números da Bola ganha novo espaço no LANCE!



Continue Lendo

Cristiano Ronaldo atinge seu primeiro recorde na Itália



Continue Lendo

Fluminense traz Fernando Diniz mas perde seus maiores passadores



Continue Lendo