Na mira do Corinthians, Marlone terminou o Brasileirão no top 5 de passes para gols



Marlone pode reforçar o Corinthians (Foto: Ale Vianna/Eleven/LANCE!Press)

Marlone pode reforçar o Corinthians (Foto: Ale Vianna/Eleven/LANCE!Press)

Tido como promessa desde as divisões de base do Vasco, Marlone fez, em 2015, com a camisa do Sport, um de seus melhores Campeonatos Brasileiros. Ao menos é o que mostram os números. Aos 23 anos de idade, o meia disputou o seu 4º Brasileirão, pelo terceiro clube diferente. E pode mudar novamente de time, já que o Corinthians é um dos interessados no seu futebol.

Nesta edição da competição, o apoiador disputou o seu maior número de partidas, conseguindo fazer bons jogos durante todo o 2º semestre. Titular do meio-campo do Leão, Marlone fechou o ano no top 5 dos maiores garçons do campeonato – segundo dados do Footstats -, com 8 assistências para gols. Apenas Jadson, do Corinthians, Paulo Henrique Ganso, do São Paulo, Giovanni Augusto, do Atlético-MG, e seu companheiro de clube Diego Souza, ficaram à sua frente.

O meia ainda igualou sua melhor marca de gols no Brasileirão, alcançada em 2013, quando balançou as redes três vezes pelo Cruz-Maltino. Desde que estreou na competição, em 2012, são seis tentos em 78 confrontos em que esteve em campo.

– MAIORES GARÇONS DO BRASILEIRO 2015*:
Segundo dados do Footstats

1º – Jadson – 12 assistências
2º – Ganso – 11 assistências
3º – Giovanni Augusto – 10 assistências
4º – Diego Souza – 9 assistências
5º – Marlone – 8 assistências



  • Diego F.

    Um bom jogador mas precisa marcar mais gols (ou mais assistências do que já faz) e vestir a camisa com raça e determinação se quiser se mostrar eficiente com a camisa do Corinthians.

  • peruibiza

    Deixando claro que são assistências que resultaram em gols. Eu acredito que o jogador para entrar no lugar do Jadson seria o Nenê do Vasco da Gama. O cara joga fácil em pelo menos três posições e tem experiência suficiente para ajudar o time na Libertadores. Temos 5 médio volantes de qualidade (Ralf, Cristhian, Bruno Henrique, Elias e Rodriguinho). Para meio armadores, saindo Jadson, ficam Renato Augusto, Alan Mineiro, Danilo e a nova contratação (Marlone, Nenê, Marquinhos Gabriel …). No ataque: Malcon, Wagner Love, Luciano, Lucca, Rildo e o próprio Nenê que pode jogar na frente pela esquerda. Sinceramente eu venderia o Romero e o Adilson. Para a reserva de Fagner traria o velocista Apodi da Chapecoense. Um meia atacante ao estilo Romarinho só que mais veloz seria o Willian Barbio também da Chapecoense. Se ninguém da zaga sair, não há necessidade de contratações neste setor. No mais é formar dois times extremamente competitivos, com táticas iguais e revezar durante o ano (para evitar lesões ou contusões mais séria) e ser candidato fortíssimo a tudo que for disputar.

    • Tricolor Supremo

      Aconselho o Messi…

      • peruibiza

        Messi seria bem vindo, porém não é bem o meu time que está precisando para recomeçar do zero… Dá-lhe Ganso, Wesley, Centurion… kkkkkkkk

  • ???CORINTHIANS???

    O pior é ler umas sereias sem noção falando q Lucas lixo é melhor q o Jadshow… Ou bébe ou é retardado…o cara não aparece nem no top five de assistências e tem 4 gols….e depois o anão retardado técnico da seleção vem dizer q empresários não mandam nele….me engana q eu gosto

  • Fortuna

    Só oito assistências?
    Que pobreza!

    • ???CORINTHIANS???

      Vdd bom é o gayrrero no Flamengay…kkkk

  • Hexa Sem Fax

    Chorando de RIR aqui esse FAX não vai chegar kikiki

    A homologação do título de campeão mundial interclubes de 1951 concedida ao Palmeiras não é oficial.

    A FIFA apenas analisou e validou a Copa Rio de 51, em resposta a uma requisição do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, torcedor do Palmeiras. Talvez um reconhecimento ao governo brasileiro por ter patrocinado a Copa do Mundo em 2014.

    Segundo a nota do Ministério do Esporte “depois do grande sucesso da Copa do Mundo Fifa no Brasil em 1950, a CBD[*] decidiu promover outro campeonato em parceria com a Fifa visando elevar a qualidade técnica do esporte. Isso foi alcançado na Copa Rio 1951”.

    [*] CBD — Confederação Brasileira de Desportos, que em 1981 virou Confederação Brasileira de Futebol – CBF…

    Mas tudo termina por aí. Não será emitido nenhum documento e talvez nem seja enviado nenhum comunicado oficial ao Palmeiras.

MaisRecentes

Sondado pelo Palmeiras, Juninho liderou duas estatísticas no último Brasileirão



Continue Lendo

Os maiores artilheiros do Brasil em 2017 entre os clubes da Série A



Continue Lendo

Estatísticas de Uberlândia 2×2 Cruzeiro



Continue Lendo