‘Lei do ex’ tem sido comum nos jogos entre Palmeiras e Flamengo



Diogo marcou apenas um gol pelo Palmeiras, exatamente contra o ex-clube (Foto: Divulgação/Palmeiras)

Diogo marcou apenas um gol no Brasileirão 2014, exatamente contra o ex-clube (Foto: Divulgação/Palmeiras)

A ‘Lei do ex’ não consta em nenhum livro de regras do futebol, ou de qualquer outro esporte, mas todo torcedor sabe que ela existe. Ainda que falhe algumas vezes, quando menos se espera ela se faz valer. Normalmente, de forma dura.  E flamenguistas e palmeirenses sabem bem disso.

Nos confrontos recentes entre os dois clubes, a lei tem sido comum. Nos últimos seis jogos entre Palmeiras e Flamengo, que se enfrentarão logo mais, às 21:45h, no Allianz Parque, em cinco ela se fez presente. Para ambos os lados.

No Brasileirão 2012, Vagner Love, que despontou no Verdão, marcou o gol rubro-negro no empate em 1 a 1. As equipes voltaram a se encontrar em 2014 e novamente um jogador que havia vestido a camisa do outro clube deixou sua marca. Mais um ex-palmeirense: Márcio Araújo, que atuou no time paulista entre 2010 e 2013, balançou as redes na vitória do Fla por 4 a 2.

No mesmo ano, na partida do 2º turno, o ‘troco’ do Palmeiras. O atacante Diogo, que havia tido uma passagem apagada pela Gávea em 2010, fez um dos gols no empate em 2 a 2 e manteve a boa sequência da Lei do ex no clássico.

Em 2015, foi a vez de Alecsandro trocar de camisa e estufar as redes. Após ter marcado três vezes contra o Palmeiras atuando pelo Flamengo, o centroavante foi defender o clube do Parque Antártica e não perdoou a antiga equipe. Trinfo paulista por 4 a 2 com um tento do atacante. Na partida de volta do Brasileiro – 2 a 1 Palmeiras -, o único jogo da sequência em que a regra não foi colocada em prática.

No último duelo entre os times, já em 2016, novamente a lei se fez presente. Desta vez, porém, quem marcou não comemorou a vitória. Alan Patrick, que defendeu o Alviverde no ano passado, fez o gol único do Rubro-Negro na derrota por 2 a 1.

Para o jogo desta quarta-feira, apenas dois nomes que já estiveram no lado oposto deverão iniciar o duelo: Zé Roberto, pelo Palmeiras, e Márcio Araújo, pelo Flamengo. Será que vem mais ‘lei do ex’ por aí?



MaisRecentes

Neymar assume a liderança de duas estatísticas nas Eliminatórias



Continue Lendo

Derrota da Argentina para a Bolívia rende excelente lucro para acertadores nas casas de apostas



Continue Lendo

Estatísticas de Brasil 3×0 Paraguai



Continue Lendo