Herói da classificação argentina, Messi atinge mais um recorde na carreira



Messi garantiu a Argentina na Copa do Mundo (Foto: AFP)

Messi garantiu a Argentina na Copa do Mundo (Foto: AFP)

Autor dos três gols na vitória da Argentina sobre o Equador, de virada, por 3 a 1, que classificou o país para a Copa do Mundo da Rússia em 2018, Messi se colocou mais uma vez no topo de uma estatísticas do futebol mundial. Maior artilheiro da história do Barcelona, da seleção argentina e do Campeonato Espanhol, o camisa 10 agora é também o maior goleador das Eliminatórias, com 21 tentos, junto com Luis Suárez, seu companheiro de Barça.

Lionel entrou na rodada como o terceiro maior artilheiro da competição, e deixou para trás o seu compatriota Hernán Crespo, ex-centroavante da seleção no fim dos anos 90 e início de 2000, que balançou as redes 19 vezes. Messi só não superou Luisito porque o atacante marcou duas vezes no triunfo uruguaio sobre a Bolívia, por 4 a 2, e também chegou aos 21 gols.

Pelo lado do Brasil, o maior artilheiro segue sendo Zico, com 11 gols em 11 jogos disputados entre 1977 e 1985. Ronaldo, Luis Fabiano, Romário, Tostão e Kaká, com dez cada, dividem a segunda colocação.



MaisRecentes

Estatísticas de Cerro Porteño 0x2 Palmeiras



Continue Lendo

Borja se torna o 4º maior artilheiro do Palmeiras na história da Libertadores



Continue Lendo

Contra a LDU, Vasco bateu seu recorde de finalizações em 2018



Continue Lendo