Gols, dribles e assistências: veja como foi o Brasileirão de Marinho, possível reforço do Flamengo



Marinho fez um ótimo Brasileirão (Foto: Francisco Galvão/Vitória)

Marinho fez um ótimo Brasileirão (Foto: Francisco Galvão/Vitória)

Artilheiro do Vitória no ano, goleador geral da Copa do Brasil, maior driblador do Brasileirão… A temporada 2016 foi cheia de marcas individuais positivas para Marinho. O atacante, que está próximo de fechar com o Flamengo, terminou o ano em alta, sendo considerado um dos grandes destaques do Campeonato Brasileiro.

Ao todo, o jogador anotou 21 gols no ano, sendo 6 pela Copa do Brasil, onde se sagrou artilheiro, e 12 no BR-16, apenas dois a menos que os goleadores Fred, do Atlético Mineiro, Diego Souza, do Sport, e William Pottker, da Ponte Preta.

Em outro fundamento, porém, Marinho foi o líder da competição: os dribles. Com 43 fintas corretas, segundo o Footstats, o atacante foi o maior driblador do campeonato, deixando para trás nomes como Robinho, Keno, Cueva, Gabriel Jesus e Neilton. Por conta disso, entrou na Seleção das Estatísticas do Brasileirão, montada aqui pelo blog.

No Vitória, durante o Brasileiro, Marinho foi ainda o maior finalizador da equipe, o que mais acertou cruzamentos e o segundo em assistências. Veja suas estatísticas completas na competição:

MARINHO NO BRASILEIRÃO 2016
– Dados do Footstats

27 jogos
12 gols
6 passes para gols
40 assistências para finalização
38 finalizações certas
68 finalizações erradas
352 passes certos
72 passes errados
43 dribles certos
14 dribles errados
36 cruzamentos certos
129 cruzamentos errados
12 lançamentos certos
22 lançamentos errados
139 faltas recebidas
53 faltas cometidas
1 pênalti sofrido
39 desarmes



  • Rubens Rocha

    Vem pro Mengão, Dí Marinho

MaisRecentes

Veja como ficou a Seleção das Estatísticas da Libertadores após as quartas de final



Continue Lendo

Adversários, Fla e Flu têm jogadores na Seleção das Estatísticas da Sul-Americana



Continue Lendo

Histórico! River Plate se torna o clube com mais gols na história da Libertadores



Continue Lendo