Futebol brasileiro pode ter o retorno de dois de seus maiores artilheiros dos pontos corridos



Luis Fabiano é o 6º maior goleador (Foto: Ale Cabral/LANCE!Press)

Luis Fabiano é o 6º maior goleador (Foto: Ale Cabral/LANCE!Press)

Nos últimos anos, o futebol brasileiro tem passado por uma escassez de goleadores. Desde as aposentadorias de Romário, Ronaldo e Adriano, a Seleção Brasileira tem tido dificuldades para encontrar o seu matador.

Essa falta de novos centroavantes é um espelho dos clubes. No Brasileirão, por exemplo, o experiente Fred – camisa 9 na última Copa do Mundo – é quem lidera novamente a artilharia da competição, com apenas 13 gols marcados. O que mostra a falta de renovação, apesar do surgimento de Gabriel Jesus, goleador do campeonato até passar a ser convocado para a Seleção pelo técnico Tite.

E, na falta de jovens artilheiros, dois nomes bem conhecidos dos torcedores prometem movimentar a janela de transferência neste fim de ano. Após temporadas na China, Luis Fabiano e Diego Tardelli podem retornar ao futebol brasileiro em 2017.

Ex-companheiros de São Paulo, os atacantes deve ficar livres neste fim de ano. Enquanto que Fabuloso já anunciou o seu desligamento do Tianjin Quanjian, Tardelli segue trabalhando em separado no Shandong Luneng em razão do excesso de estrangeiros. O Atlético Mineiro já se mostrou interessado em sua volta.

Caso os dois retornem ao país, o futebol brasileiro poderá ter 11 dos seus 20 principais artilheiros da era dos pontos corridos em atividade na Série A. Atualmente, além de Fred, Alecsandro, do Palmeiras, Diego Souza, do Sport, Roger, da Ponte Preta, André Lima, do Atlético-PR, Wellington Paulista, também da Macaca, Rafael Moura, do Figueirense, Sóbis, do Cruzeiro, e Cícero, do Fluminense, disputam a 1º divisão.

Borges, pelo América Mineiro, e Dagoberto, no Vitória, também iniciaram a competição mas atualmente estão sem clubes.

MAIORES ARTILHEIROS DOS PONTOS CORRIDOS

1º – Fred – 126 gols
2º – Paulo Baier – 106 gols
3º – Borges – 99 gols
4º – Alecsandro – 98 gols
5º – Washington – 82 gols
6º – Luis Fabiano – 80 gols
7º – Souza – 77 gols
8º – Diego Souza – 74 gols
Obina – 74 gols
Deivid – 74 gols
11º – Dagoberto – 70 gols
12º – Roger – 69 gols
13º – André Lima – 67 gols
14º – Wellington Paulista – 66 gols
15º – Rafael Moura – 65 gols
Diego Tardelli – 65 gols
17º – Rafael Sóbis – 63 gols
18º – Cícero – 62 gols
19º – Marcinho – 61 gols
20º – Rogério Ceni – 58 gols



MaisRecentes

Vice-líder, Guarani põe quatro jogadores na Seleção das Estatísticas da Série B



Continue Lendo

Time com mais vitórias na história da Copa do Brasil, Flamengo tenta voltar a triunfar na competição após sequência ruim



Continue Lendo

Destaque da Chape, Reinaldo entra na Seleção das Estatísticas da Libertadores



Continue Lendo