Desejado pelo Flamengo, Rômulo é um dos maiores volantes-artilheiros do Vasco nos últimos 30 anos



Rômulo atuou pelos profissionais do Vasco entre 2010 e 2012 (Foto: Divulgação/Vasco)

Rômulo atuou pelos profissionais do Vasco entre 2010 e 2012 (Foto: Divulgação/Vasco)

Em cinco anos atuando pelo Spartak Moscou, da Rússia, Rômulo disputou somente 68 jogos e marcou 4 gols. Uma média de menos de 15 partidas por temporada. Seus números no futebol carioca, porém, são bem diferentes.

Revelado pelo Vasco e cobiçado atualmente pelo Flamengo, o jogador se destacou em São Januário não só pelo forte poder de marcação, que o levaram até a Seleção Brasileira, mas também pela qualidade com a bola nos pés e poderio ofensivo.

Mesmo atuando em uma posição de poucos gols, balançou as redes oito vezes com a camisa cruz-maltina em 106 partidas, muitas delas atuando como primeiro volante. Bom no jogo aéreo, se tornou o 6º cabeça de área com mais tentos pelo time de São Januário nas três últimas décadas.

Neste período, apenas França, que atuou pelo Vasco entre 1988 e 1995, Nilton e Fellipe Bastos, companheiros de Rômulo na Colina, Ygor, ex-Internacional e Fluminense, e Nélson, ex-Botafogo e campeão Brasileiro e da Libertadores pelo Vasco na década de 90, marcaram mais vezes. Veja a lista:

VOLANTES-ARTILHEIROS DO VASCO
*Levantamento feito a partir de 1986

1º – França – 23 gols
2º – Nilton – 17 gols
3º – Fellipe Bastos – 14 gols
4º – Ygor – 11 gols
5º – Nélson – 9 gols
6º – Rômulo – 8 gols
Luisinho – 8 gols
Paulo Miranda – 8 gols
Andrade – 8 gols



MaisRecentes

Seleção das Estatísticas do Paulistão tem duas alterações



Continue Lendo

Pará entra na Seleção das Estatísticas do Carioca



Continue Lendo

Estatísticas de Botafogo-SP 1×1 São Paulo



Continue Lendo