De olho em gringos, Cruzeiro já contratou 26 jogadores estrangeiros desde 2000



Sorín é ídolo no Cruzeiro (Foto: Reprodução)

Sorín é ídolo no Cruzeiro (Foto: Reprodução)

Roberto Perfumo, Sórin, Montillo, Aristizábal… O Cruzeiro possui um longo histórico de estrangeiros que defenderam a camisa celeste com sucesso. Nos últimos anos, o número de gringos no clube – e no futebol brasileiro em geral – vem aumentando consideravelmente, com atletas de menor destaque passando a defender a equipe.

Entre 2000 e 2015, o time mineiro contratou 26 jogadores de fora, contando com craques, como Rincón, e discretos, como o paraguaio Quintana. Para 2016, o argentino Matías Pisano e o colombiano Cuéllar negociam e podem aumentar ainda mais as estatísticas.

Na última temporada, os chilenos Mena e Seymour, o argentino Ariel Cabral, o uruguaio De Arrascaeta, o camaronês Joel e o colombiano Riascos engrossaram a lista. No próximo ano, ao que mostra a recente movimentação da diretoria atrás de reforços sul-americanos, a quantidade pode ser ainda maior.

JOGADORES ESTRANGEIROS DO CRUZEIRO DESDE 2000:

ARGENTINOS – Sorín, Montillo, Prediger, Ernesto Farías, Martinuccio e Ariel Cabral

COLOMBIANOS – Viveros, Rincón, Aristizábal, Reina, Diego Arias e Riscos

PARAGUAIOS – Quintana, Ortigoza e Samudio

CHILENOS – Maldonado, Tapia, Seymour e Mena

BOLIVIANOS – Marcelo Moreno

EQUATORIANOS – Espinoza, Fidel Martínez e Guerrón

URUGUAIOS – Victorino e De Arrascaeta

CAMARONESES – Joel



MaisRecentes

Willian entra na Seleção das Estatísticas da Libertadores



Continue Lendo

Estatísticas de Botafogo 2×1 Sport



Continue Lendo

Estatísticas de Atlético-PR 2×1 Flamengo



Continue Lendo