De olho em gringos, Cruzeiro já contratou 26 jogadores estrangeiros desde 2000



Sorín é ídolo no Cruzeiro (Foto: Reprodução)

Sorín é ídolo no Cruzeiro (Foto: Reprodução)

Roberto Perfumo, Sórin, Montillo, Aristizábal… O Cruzeiro possui um longo histórico de estrangeiros que defenderam a camisa celeste com sucesso. Nos últimos anos, o número de gringos no clube – e no futebol brasileiro em geral – vem aumentando consideravelmente, com atletas de menor destaque passando a defender a equipe.

Entre 2000 e 2015, o time mineiro contratou 26 jogadores de fora, contando com craques, como Rincón, e discretos, como o paraguaio Quintana. Para 2016, o argentino Matías Pisano e o colombiano Cuéllar negociam e podem aumentar ainda mais as estatísticas.

Na última temporada, os chilenos Mena e Seymour, o argentino Ariel Cabral, o uruguaio De Arrascaeta, o camaronês Joel e o colombiano Riascos engrossaram a lista. No próximo ano, ao que mostra a recente movimentação da diretoria atrás de reforços sul-americanos, a quantidade pode ser ainda maior.

JOGADORES ESTRANGEIROS DO CRUZEIRO DESDE 2000:

ARGENTINOS – Sorín, Montillo, Prediger, Ernesto Farías, Martinuccio e Ariel Cabral

COLOMBIANOS – Viveros, Rincón, Aristizábal, Reina, Diego Arias e Riscos

PARAGUAIOS – Quintana, Ortigoza e Samudio

CHILENOS – Maldonado, Tapia, Seymour e Mena

BOLIVIANOS – Marcelo Moreno

EQUATORIANOS – Espinoza, Fidel Martínez e Guerrón

URUGUAIOS – Victorino e De Arrascaeta

CAMARONESES – Joel



MaisRecentes

Números da Bola ganha novo espaço no LANCE!



Continue Lendo

Cristiano Ronaldo atinge seu primeiro recorde na Itália



Continue Lendo

Fluminense traz Fernando Diniz mas perde seus maiores passadores



Continue Lendo