Contra o Emelec, Flamengo bateu seu recorde de desarmes em uma partida em 2018



Cuellar é um dos maiores ladrões de bola do Flamengo (Foto: Paulo Sérgio/Agência F8)

A vitória por 2 a 0 sobre o Emelec, no Maracanã, na quarta-feira, garantiu o Flamengo nas oitavas de final da Libertadores, em mais uma partida em que o time não foi vazado em 2018. Nos últimos oito jogos, o Fla sofreu gols apenas contra a Chapecoense, na última rodada do Brasileiro, quando levou a campo um time misto.

Uma das mudanças defensivas feitas por Barbieri, neste período, foi o recuo de Lucas Paquetá para atuar como segundo volante. Terceiro maior ladrão de bolas do Campeonato Carioca, mesmo atuando aberto pela ponta, e o 9º do Brasileirão, o jovem meia rubro-negro tem mantido o bom desempenho no fundamento na nova função.

Ao lado de Cuellar, Paquetá foi o maior desarmador do duelo contra os equatorianos, com sete recuperações de posse, de acordo com o Footstats. Com o bom rendimento da dupla, o Fla bateu seu recorde de desarmes no ano em uma partida: 34.

JOGOS DO FLAMENGO COM MAIS DESARMES EM 2018
– Dados do Footstats

1º – 16/06/2018 – Flamengo 2×0 Emelec – 34 desarmes
2º – 24/02/2018 – Nova Iguaçu 0x1 Flamengo – 30 desarmes
3º – 13/05/2018 – Chapecoense 3×2 Flamengo – 29 desarmes
4º – 10/05/2018 – Flamengo 0x0 Ponte Preta – 25 desarmes
02/05/2018 – Ponte Preta 0x1 Flamengo – 25 desarmes
14/03/2018 – Emelec 1×2 Flamengo – 25 desarmes



MaisRecentes

Por que Pablo era um risco alto demais para o Flamengo?



Continue Lendo

Dez jovens jogadores rebaixados que podem ser bons reforços para 2019



Continue Lendo

Seis dos dez maiores artilheiros do Brasil no ano podem mudar de clube em 2019



Continue Lendo