Cobiçado, Jorge é um dos maiores ladrões de bola do Brasileirão



Jorge vem fazendo um bom Brasileiro (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Jorge vem fazendo um bom Brasileiro (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Jorge estreou pelo Flamengo em 2015 se destacando pela qualidade ofensiva e facilidade em chegar na linha de fundo. Habilidoso, ganhou a posição de titular já em seu primeiro ano e em 2016 se firmou como dono da posição no time.

Aos 20 anos de idade, a jovem revelação rubro-negra já começa a ter seu nome ventilado em grandes clubes da Europa. O Manchester City, de Pep Guardiola, seria um deles.

Apesar de manter suas características ofensivas  – é o segundo maior driblador da equipe no Brasileiro, perdendo apenas para Alan Patrick -, o lateral tem tido bons números também na parte defensiva.

Com 82 desarmes, o jogador é 6º maior ladrão de bolas do campeonato, segundo dados do Footstats. Entre os jogadores de sua posição, é o líder.

No ano, já são 136 desarmes corretos em 53 partidas. No elenco do time da Gávea, apenas Willian Arão, com 151, supera o atleta.

MAIORES LADRÕES DE BOLA DO BRASILEIRÃO 2016
– Dados do Footstats

1º – Willian Arão – Flamengo – 108
2º – Fagner – Corinthians – 99
3º – William – Internacional – 93
4º – Wellington Silva – Fluminense – 87
5º – Otávio – Atlético-PR – 84
6º – Jorge – Flamengo – 82
Thiago Maia – Santos – 82
8º – Hudson – São Paulo – 80
9º – Márcio Araújo – Flamengo – 79
10º – Henrique – Cruzeiro – 78



MaisRecentes

Números da Bola ganha novo espaço no LANCE!



Continue Lendo

Cristiano Ronaldo atinge seu primeiro recorde na Itália



Continue Lendo

Fluminense traz Fernando Diniz mas perde seus maiores passadores



Continue Lendo