Calleri foi o 6º estrangeiro a marcar um gol pelo São Paulo na Libertadores



Calleri marcou em sua estreia pelo São Paulo (Foto: Ari Ferreira/LANCE!Press)

Calleri marcou em sua estreia pelo São Paulo (Foto: Ari Ferreira/LANCE!Press)

O São Paulo apostou no mercado sul-americano para ir em busca do seu 4º título da Libertadores e, pela estreia na competição, acertou na escolha. O gol de Calleri, no segundo tempo, impediu a derrota para o Cesar Vallejo, do Peru, e deu ao time a vantagem do empate em 0 a 0 jogando em casa para ir à fase de grupos da competição.

E esta não foi a primeira vez que um estrangeiro ajudou o clube na mais importante disputa do continente. Com o tento argentino, já são seis os gringos que balançaram as redes vestindo a camisa tricolor na história do campeonato. Curiosamente, três deles estão no atual elenco: Lugano, Centurión e, claro, Calleri.

Um dos maiores ídolos da história do São Paulo, Pedro Rocha foi quem mais vezes estufou a meta adversária. Após brilhar pelo Peñarol, o uruguaio foi contratado em setembro de 1970, disputando as edições de 72 e 74 pelo clube. Ao todo, ‘El Verdugo’ anotou 10 gols pelo São Paulo na Copa.

Entre os brasileiros, o goleiro Rogério Ceni, recém-aposentado, e o centroavante Luís Fabiano, negociado com o futebol chinês na última janela, lideram o ranking com 14 gols cada.

ARTILHEIROS ESTRANGEIROS DO SÃO PAULO NA LIBERTADORES

1º – Pedro Rocha – Uruguai – 10 gols (três em 72 e sete em 74)
2º – Darío Pereira – Uruguai – 2 gols (1978)
Centurión – Argentina – 2 gols (2015)
4º – Lugano – Uruguai – 1 gol (2005)
Héctor Silva – Uruguai – 1 gol (1974)
Calleri – Argentina – 1 gol (2016)



MaisRecentes

Seleção das Estatísticas do Carioca tem duas mudanças



Continue Lendo

Estatísticas de Volta Redonda 1×1 Flamengo



Continue Lendo

Estatísticas de São Bernardo 0x1 São Paulo



Continue Lendo