Atlético-MG precisa de placar inédito no Sul para ficar com a taça sem pênaltis; Grêmio é favorito nas casas de apostas



Douglas é um dos comandantes do meio-campo do Grêmio (Foto: Murilo Carvalho/Freelancer)

Douglas é um dos comandantes do meio-campo do Grêmio (Foto: Murilo Carvalho/Freelancer)

A derrota de 3 a 1 no primeiro jogo final da Copa do Brasil colocou o Atlético Mineiro em uma situação complicadíssima para a decisão desta quarta-feira, contra o Grêmio. Nunca na história o Galo conseguiu, atuando no Rio Grande do Sul, uma vitória por mais de três gols de diferença sobre o adversário desta noite.

As duas equipes já se enfrentaram 30 vezes em terras gaúchas, com 17 vitórias do Tricolor, 5 do Alvinegro e 8 empates. A maior diferença em favor dos mineiros, até hoje, aconteceu pelo Torneio dos Campeões de 1982: 2 a 0, gols de Bira Burro. Resultado que, se repetido, levará a partida para os pênaltis, já que o gol fora de casa não é mais critério de desempate no jogo final da competição.

A dificuldade é tanta, que nas casas de apostas um título do Galo renderá uma bolada aos acertadores. Segundo o site OddsShark.com/br, um triunfo mineiro por três gols de diferença poderá pagar até R$ 301,00 para cada R$ 1,00 apostado, caso o placar fique em 5 a 2. O 3 a 0, neste momento, paga cerca de R$ 33,50 para cada real.

Favorito ao título, uma vitória simples do Grêmio está cotada em R$ 2,25, enquanto que um triunfo do Atlético, independente de placar, pode render aproximadamente um lucro de 375%.



MaisRecentes

As estatísticas de Fellipe Bastos em sua estreia pelo Corinthians



Continue Lendo

Partida entre Barcelona e Eibar pode dar lucro de quase 1000% nas casas de apostas



Continue Lendo

Estatísticas de Corinthians 0x0 São Paulo



Continue Lendo