Canhão de vaias



Uma curiosa ação de um dos patrocinadores do Engenhão chamou a atenção de quem chegou mais cedo ao estádio. Com uma espécie de “canhão”, uma pessoa atirou camisas para a arquibancadas Leste e Oeste do Engenhão. O detalhe mais interessante é que o brinde estava amarrado junto de um paraquedas, o que dificultou a vida da galera nos setores superiores e, diante disso, o que era para ser alegria virou motivo de irritação.

Os brindes foram quase todos para as arquibancadas inferiores, o que causou vaias ao atirador. Para piorar a situação do rapaz, ele conseguiu mandar uma camisa na tribuna de imprensa, que fica no meio da arquibancada Oeste Superior, motivo para ainda mais vaias e alegria de uma jornalista, que ficou com o presente.



  • Luan Xavier

    É cada uma né ¬¬

  • MERLIN

    Nenhuma caiu aonde estou.

    A única que alcançou este andar na ala Oeste foi a da jornalista.

    Vamos ao jogo.

    Saudações alvinegras de cinco pontas.

    Merlin
    A bordo do Botafogo desde 1534

    • fogo

      foda-sse pra vc

  • Pedro Carbone Da-lhe fogão

    E CADÊ O CANHÃO DE VAIS!?!? O CANHÃO ERA PARA LANÇAR CAMISAS,AS VAIAS QUEM MERECIA LEVAR É MESMO O CAIO Jr.,QUE NÃO CONSEGUE ARMAR BEM O BOTAFOGO,E COM CERTEZA ESSA VITÓRIA NÃO QUER DIZER QUE O TIME ESTA BOM.

    • Pedro, se você não quer o Caio Jr. veja esse comentário de um Botafoguense em outro blog, será que O Joel Santana é que era o bom? Veja:
      Caio Joel Pereba:
      29 julho, 2011 as 10:36
      HOMENAGEM ÀS ”VIÚVAS” DE JOEL SANTANA:
      (Essa não podia passar em branco)

      212
      Francisco:
      25 julho, 2011 as 16:31
      Joel Santana 1×0 Corínthians. Só ele para tirar a invencibilidade desse time paulista e deixar melhor o campeonato brasileiro.

      ______________________________________________________________________________________________

      Joel Santana 0×2 Técnico interino do Atlético -GO.
      Cadê o gênio Joel, o homem do nó tático? Perdeu o duelo pro ”famoso” Jairo Araújo?
      Joel disse que contra o Corinthians ia jogar como time pequeno, e ganhou em um ”lampejo” de um jogador.
      Deve ter jogado anteontem do mesmo jeito, só que o adversário percebeu isso…

      O Caio Junior ser fraco não quer dizer em Joel ser bom, não façam comparações por baixo. O mesmo se aplica ao resultado de amanhã, ninguém muda de um dia pro outro. Quem joga é o time, técnico bom é o que não atrapalha, escala bem, mexe bem, e não inventa bobagens.

      Seguem abaixo ”belas” lembranças de Joel, que muita gente parece que insiste em esquecer.

      2010
      Joel Santana 0 x 1 São Raimundo
      Joel Santana 4 x 3 São Raimundo (Classificação na primeira fase da Copa do Brasil à duras penas, graças ao primeiro jogo que foi anulado)
      Joel Santana 2 x 3 Santa Cruz (Eliminação da Copa do Brasil, 2ª fase)
      Joel Santana 0 x 1 Flamengo (Mais de 1 mês só treinando com a parada pra Copa e o Flamengo na crise Bruno. Treinaram, não jogaram nada, e perderam com gol de Paulo Sérgio. Lembram dele?)
      Joel Santana 2 x 2 Vasco (Joel entrou com esquema revolucionário, 4 zagueiros (contando Alessandro), 3 volantes, 1 meia e 2 atacantes, precisando ganhar o jogo no Engenhão, levou 2 x 0 no primeiro tempo e empatou depois que o Vasco cansou de perder gols e fez um pênalti infantil no fim do jogo)
      Joel Santana 1 x 1 Flamengo (Silas, técnico do Flamengo, foi demitido depois do jogo, que o Flamengo dominou)
      Joel Santana 0 x 0 Avaí (com direito à cera de ”Joel”)
      Joel Santana 2 x 2 Ceará (resultado injusto… pro Ceará)
      Joel Santana 1 x 2 Time C do Inter (Treinaram 10 dias pro jogo)
      Joel Santana 0 x 3 Grêmio (precisando ganhar o jogo, com direito à meio campo escalado com Lucas Zen, Fahel e Somália, e com Renato Cajá e Lucio Flávio no banco, além de 3 zagueiros. 20 minutos de jogo, 2×0 Grêmio)
      OBS: Faltando 5 rodadas, o Botafogo tinha 5 pontos na frente do Grêmio, e acabou 4 atrás. Grêmio na Libertadores, e Botafogo ”comemorou” o 6º lugar, com direito à renovação de contrato de Joel pelo grande objetivo alcançado.
      6º lugar = 14º – Vaga na Copa Sul-Americana.

      2011
      Joel Santana 0 x 1 River Plate de Sergipe
      Joel Santana 1 x 0 River Plate de Sergipe (Ufa!!! Com direito à vitória nos pênaltis!)
      Joel Santana 1 x 1 Bangu (com direito à passeio e ”nó tático” do Bangu, e defesas milagrosas de Jefferson)
      Joel Santana 1 x 0 Nova Iguaçu (com direito à passeio e ”nó tático” do Nova Iguaçu, e defesas milagrosas de Jefferson)

      Outros
      Joel Santana 0 x 3 Vitória (Eliminação da Copa do Brasil 1997 no primeiro jogo – Caio Martins, pelo Botafogo)
      Joel Santana 0 x 3 Baraúnas (Copa do Brasil 2005, no Vasco – Eliminação da Copa do Brasil)
      Joel Santana 0 x 3 América do México (Libertadores 2008, no Flamengo – Eliminação, podendo perder por 2 gols de diferença)

      2011
      ALLYSSON 1 x 0 Corínthians (Se o cara não faz aquele gol de talento e o goleiro não ajuda, ninguém falava em Joel Santana)

      Pra quem acha que Joel quando ganha, ganha sozinho, estão aí apenas alguns exemplos de performances do time ”Joel Santana”.
      Muitos nesse blog deveriam mudar de time e torcer pra esse outro, já que foram tão felizes com ele.

      ”PAPAI” JOEL, O MAIOR ENGANADOR DO FUTEBOL BRASILEIRO.

  • Amigos Alvinegros, será que, nós, os torcedores mais conscientes do Botafogo, não poderíamos tentar uma campanha que sensibilizasse e levasse o nosso departamento de marketing a acabar com aquele escudão horrível nas costas dos jogadores na camisa oficial? Aquela coisa preta nas costas, apenas para tornar visíveis os seus números, mais parece uma carga a mais para os jogadores! A camisa, vista pelas costas fica horrível! Para torná-la mais bonita e atraente, bastaria que se adotasse os números, das costas da camisa alvinegra, na cor dourada! Tais números ficariam mais visíveis e passariam, para todos, a idéia de que os nossos jogadores estariam a fazer tremular o fogo vivo, em suas costas! Como aceitar que o estatuto proíba a mudança na cor dos números das camisas, e não impeça a carnavalização do próprio manto alvinegro que, agora, mais nos parece uma colcha de retalhos de anúncios diversos, né mesmo? Podem amarelar a vontade a camisa, pasmem, e não podem mudar o número para o dourado, evitando o escudão preto, que acham os senhores?

MaisRecentes

A verdadeira história sobre o atacante Ortega



Continue Lendo

Botafoguenses devem se orgulhar do título da Série B



Continue Lendo

OPINIÃO: Torcedores do Botafogo pagaram e têm todo direito de vaiar o time



Continue Lendo