A pedagogia do castigo a Dudu sem um divã



duduDudu empurra árbitro na final do Paulistão (FOTO: Ari Ferreira)

Dudu teve um chilique ao ser expulso contra o Santos. Surtou! E, sem tergiversar, como diria a presidente Dilma Roussef, agrediu o árbitro. Perdeu a cabeça.Na última terça, veio a punição do tribunal ao seu descontrole: 180 dias. Uma pena bastante pesada, sem dúvidas. Como pesado foi seu encontrão pelas costas no árbitro Guilherme Cereta na final do Paulistão. As imagens não dão margem para manobras verbais, comumente protagonistas em tribunais. Dudu deu um esbarrão proposital e depois, ainda transtornado, foi contido pelos companheiros para não dar mais sopapos no homem do apito. Difícil a defesa…

Agredir um árbitro não tem o mesmo impacto que fazê-lo contra um jogador. Desnecessário explicar o porquê. Por isso, Geuvânio tomou pena branda, de um jogo, e Dudu acabou apenado com tanto rigor. A punição ao palmeirense pode ter bom efeito e evitar novos casos na elite do futebol nacional. Podemos discutir se um gancho de 90 dias já não seria igualmente pesado, teria o efeito desejado e evitaria dano tão grande à carreira de um jovem atleta que não tem antecedentes ruins. Mas então é preciso rever o código disciplinar.

Dudu esteve na crista da onda em janeiro passado. Não é Romário ou Pelé, mas foi o personagem central do pacotão de reforços do Palmeiras. O que transformou sua boa contratação em espetacular foi o “trança pé” que o Verdão deu nos grandes rivais Corinthians e São Paulo para contratá-lo. O período sem jogos naturalmente infla o impacto das notícias, é uma característica da pré-temporada. É possível que Dudu tenha transformado esse coquetel em pressão, sem estar preparado para vivê-la. O vermelho de Cereta na final, que poderia dar o título e justificar de alguma forma o barulho por sua contratação, foi um golpe duro. Tribunal não é consultório de psicologia, não tem divã, e punições devem ter caráter pedagógico, mesmo para homens feitos!



  • Paulo

    Assim como existem péssimos médicos, policiais, porteiros e etc, podemos dizer o mesmo de jornalistas.
    Hoje em dia o que vale é o sensacionalismo e o favorecimento de produtos ou marcas que “rendem” mais, sem que exista qualquer tipo de preocupaçao em expor fatos com a competencia devida.

    O “jornalista” responsavel por esta se esqueceu de outros atletas que tiveram o mesmo comportamento do Dudu e foram suspenso por dois jogos + 3 cestas basicas.
    Ahh, mas o Petros estava correndo … Entao, que fique claro … Agressao é punida com 180 dias de gancho, mas se for agredir, que faça correndo em alguma direçao do campo.

    Simplesmente bizarro.

  • joao vitor Guaxupé MG

    Até acho que o Dudu errou mas diviam ter colocado com o ato hostil ele so encosta no cereta e se analisarmos bem a primeiro cartão que o cereta deu foi falta em cima dele e não do Dudu e também o encontrao que o petros deu no arbitro no ano passado foi bem pior então por mim esse caso do Dudu vale como ato hostil

  • rodrigo

    fale-me mais sobre o caso petros então?

  • Ivan Davilson Molaro

    Que bom seria se totó esse rigor fossem para todos aqueles que merecem ou até mesmo mereceram!

  • Hérico

    O problema é tratar com pessoalismo um caso jurídico. Na minha visão pessoal, também penso que o empurrão do Dudu é uma agressão, assim como o do Petros foi, ano passado. Contudo, quando falamos de processo judicial, temos que levar em conta o que está escrito em regulamento. E o regulamento é claro: agressão é tudo que se configura como “soco”, “cotovelada”, “chute” e “joelhada”. Empurrão, pela lei desportiva, não é agressão, sendo então caracterizado como “ato hostil”. Portanto, independente do que você pensa sobre agressão, a pena inicial foi injusta, pois o jogador recebeu uma punição maior do que aquela prevista pela justiça. Assim como foi injusta a pena inicial do Petros, ano passado. Agora esperamos que, assim como aconteceu com o jogador corintiano, a pena seja revista em instância superior e o jogador receba uma punição justa, ou seja, a que é prevista no regulamento para casos semelhantes ao dele. Se algum jornalista pensa que a definição dada pelo regulamento é ruim, que escreva defendendo uma mudança das regras. O que não pode acontecer é que se defenda uma punição injusta para um jogador, como foi feito nesse texto. A lei deve ser aplicada da mesma forma a todos, de acordo com o que está escrito. Defender o contrário é ir contra a própria justiça.

  • JULIO Aragão

    ENTAO PSICÓLOGO, ME EXPLICA COMO O TAL CERETTA RECEBEU 200 MIL COMO “MELHOR ÁRBITRO DO CAMPEONATO”…. DEPOIS DE DISCUTIR COM VALDÍVIA E DUDU NO INTERVALO DO 1. JOGO, ONDE ELE FOI O 4. ÁRBITRO?

    E COMO FOI “SORTEADO” PARA APITAR A FINAL, ELE EM 7 MINUTOS DE JOGO JÁ HAVIA AMARELADO JUSTAMENTE ESSES 2 JOGADORES, O AMARELO DO DUDU, FOI UMA FALTA QUE ELE RECEBEU.

    A EXPULSÃO, FOI NA CARA DELE, ELE VIU O GEOVÂNIO SEGURANDO O DUDU E SE FEZ DE BOBO E QUANDO O GEOVÂNIO TROMBOU COM OUTRO JOGADOR, O CANALHA DEU VERMELHO PARA OS 2.

    ATÉ OS COMENTARISTAS, SEMPRE CONTRA O PALMEIRAS ESTRANHARAM O ATO.

    ENTÃO PSICÓLOGO, ME EXPLICA O QUE REPRESENTA 200 MIL PARA UM ÁRBITRO QUE ONTEM APITOU PAYSANDU X ABC NA COPA DO BRASIL RECEBENDO 1.700 REAIS DE TAXA DE ARBITRAGEM, POIS NEM É ÁRBITRO FIFA?

  • Vitor Cruz

    Sim, Valdomiro, também concordo que o Dudu deve sofrer uma punição de caráter pedagógico, mas, a meu ver, dever-se-ia analisar a causa para tanto destempero por parte do comportamento do boleiro. Em lance anterior, o árbitro vitima da agressão de Dudu, havia dado uma falta em desfavor do jogador do Palmeiras e, ainda, aplicou amarelo ao jogador, sendo que, no lance, foi claro que Dudu é quem havia sofrido a falta de seu adversário, podendo-se concluir, com isso, que houve um erro grave por parte do árbitro, como é de costume na arbitragem brasileira. E, então, no meu ponto de vista, isto também deveria ser analisado e levado em consideração no ato do julgamento por ser um conjunto de fatores que acarretaram a violenta emoção do jogador.

  • não concordo por alguns aspectos

    a regra como está aí, já era válida desde ano passado, mas mesmo assim a agressão do petros(tão acintosa qto) teve a pena pesada de 180 dias, abrandada para apenas 3 jogos. o q espero q aconteça de forma igual para o dudu

    regra se for pra ser pedagógica como diz, não é pra ter um meio termo, é punição automática, do tipo vermelho punido um jogo.

    se a regra não vale pra todos, q então não valha para ninguém. e aqui nem to defendendo um ou outro, mas acho q coerência é preciso e não vejo nenhuma nesse caso(se a punição for mantida)

  • É engraçado… No Petros e no Peruano, passaram a mão na cabeça…. agora por que o cara joga no Palmeiras a punição tem que ser exemplar… vão puxar o s@co de outros e deixem de fazer média… se o Petros e o Guerrero tivessem sido apenados com “bom efeito” não estaríamos discutindo isso aqui… bateu tomou 6 meses… aí concordo com você… E olha que nem palmeirense sou.. se os outros dois ainda estão jogando e ficaram “3 joguinhos” chorando de fora… cabe a mesma punição ao garoto aí… parem com essa perseguição infantil ao Palmeiras que chega a irritar até quem não torce para o mesmo…

  • Amilton Castilho

    Se fosse jogador do corínthians pegaria só 5 jogos.PALHAÇADA !!!

  • Antoniel de Lima

    Sua visão está correta. Também vou dar minha opinião.
    O que penso é que o jogador de futebol também é um funcionário, um colaborador, um profissional de uma organização. Logo tem direitos e deveres. Acredito plenamente que Ele, jogador de futebol tem que estar em campo para jogador futebol, dar espetáculo enfim mostrar suas qualidades como em outra profissão qualquer. Já pensou se em outros segmentos todos brigassem, empurrassem seus superiores, um colega de trabalho etc, como seria?. Quero dizer que local de trabalho é local de trabalho assim como escola é local para estudar e assim por diante. Dudu errou e deve ser punido mesmo. Como Palmeirense fanático fiquei muito triste quando vi aquela cena de agressão. Mesmo porque pensei que o Palmeiras tivesse contratado um craque capaz de dar alegrias ao torcedor. Hoje vejo que não passa de um jogador normal, medroso e destemperado. É uma pena!

  • EDSON

    NETO, é o seguinte: o Palmeiras vai recorrer, vão diminuir a pena pra 4 ou 5 jogos ( Igual o caso Petros ) e tudo vai voltar a normal. se a pena fosse 60 dias sem jogar, ótimo! ai sim, dentro da realidade seria justo o atleta cumprir. afinal foi um ”empurrão” não tirou sangue do Juiz, mas 180 dias não existe, nunca vai existir, e nem sei pq isso existe. deveriam rever os conceitos das penas.

  • Danilo Numer

    Acredito que a punição foi justa e deveria ser cumprida na íntegra. Ou foi feito justiça no caso Petros? Aquela afirmação de casos distintos não me convence. Ou seja, se caso o Dudu tivesse agredido o árbitro com bola rolando então tudo bem??

  • Eu acho que foi justa, o jogo estava parado e se seus companheiros não o segurasse ele ia pra cima do juiz!
    Não adianta esse mimimi não foi igual o lance do Petros onde o jogo estava rolando.

  • A MANCHA VERDE NA SUA ALMA

    ………AQUI FALA UM TORCEDOR ORGANIZADO(MANCHA VERDE)!!!!!!…..QUASE SEXAGENÁRIO……ELETRICITÁRIO APOSENTADO(TÉCNICO),FÍSICO NUCLEAR,VERSADO EM VÁRIOS ASPECTOS DE EDUCAÇÃO E CULTURA E RÁBULA EM DIREITO.,…UM VERDADEIRO MARGINAL,BANDIDO….COMO DIZEM…ENFIM… O TJD REALMENTE É UMA PIADA DE MAU GOSTO.,MAU NO SENTIDO DE MÁ….COM SEGUNDAS ,TERCEIRAS E QUARTAS INTENÇÕES…NÃO TEM UNIFORMIDADE DE AÇÃO E JULGAMENTO….E TAMPOUCO DE ANÁLISE DE TODO O FATO….SUGERIRIA À VOCES…QUE SE FANTASIASEM DE DRAG QUEENS E FOSSEM REBOLAR NUM DESFILE DE ESCOLA DE SAMBA PARA APARECER….E TOMAR,JUSTAPOSTA VERGONHA E SEREM DE FATO HONESTOS…TENHO DITO.

  • Sempre… sempre veremos o Palmeiras se ferrar com a FPF e CBF! O por que disto? É notório que desde a fundação desta agremiação denominada Sociedade Esportiva Palmeiras nunca, mas nunca concordou em fazer conchaves políticos ou assediar com “agrados”, os dirigentes superiores do futebol brasileiro. É sabido por todos os torcedores de outros times que o Palmeiras sempre se colocou em uma posição de lisura e transparência dentro das boas práticas desportivas. É cultural essa mania de perseguir e torturar a todos que não se enquadrem nos sistemas promíscuos da gestão futebolística brasileira. Estes acontecimentos me aborrecem muito por que até dentro dos ambientes das práticas desportivas existem os flertes de “camaradagens” que insistem em seduzir um clube que tradicionalmente nunca necessitou de ligações políticas com dirigentes, políticos partidários e organizações televisivas, inclusive a RGT. Mesmo aborrecido, me sinto privilegiado de ser torcedor do Palmeiras que bravamente segue a diante sem se deixar enfraquecer por certas “aventuras” arbitrárias impostas por alguns juízes de futebol.

    Saudações Palestrinas!

  • Moderação???

    rsrs…

  • CAROS AMIGOS VOCÊS SÃO UM PIADISTAS, NÃO SÃO?
    QUANTOS CASOS PIORES QUE ESSE DO JOGADOR DUDU TIVEMOS EM NOSSO FUTEBOL? O DO PETROS E DO GUERREIRO MAIS NOVO REFORÇO DO PALMEIRAS POR EXEMPLO FORAM BEM MAIS GRAVES POIS A BOLA ESTAVA ROLANDO E O JOGADOR NÃO TINHA MOTIVO ALGUM PARA SE DESCONTROLAR COMO FOI O CASO DO DUDU NA PARTIDA CONTRA O SANTOS, E DOS ERROS DO ARBITRO NINGUÉM FALA OU PUNI? É BRINCADEIRA E AINDA M TRIBUNAL QUE JULGA SEMPRE COM MAIS RIGOR UM CLUBE DO QUE OUTRO É PALHAÇADA ISSO.
    TIRASSEM O PALMEIRAS DO CAMPEONATO PAULISTA QUE OS GANHOS DA FEDERAÇÃO SERIAM MENOS DA METADE DO QUE FOI,POIS A TORCIDA DO PALMEIRAS LOTOU SEU ESTÁDIO E FEZ LINDAS FESTAS NOS JOGOS DO VERDÃO VAMOS SER MAIS INTELIGENTES ESSES ÁRBITROS DE HOJE NÃO TEM CONDIÇÃO DE APITAR NADA. SÃO UMA VERGONHA E ESTRAGAM A MAIORIA DOS JOGOS EM QUE APITAM ESSE SENHOR GUILHERME CERETA DEIXOU DE DAR UM PENALT EM JOGADA DE ESCANTEIO EM CIMA DO VITOR HUGO COMETIDO PELO ZAGUEIRO DO SANTOS NO COMEÇO DO JOGO,E NO LANCE APARECE ELE OLHANDO PRA FALTA E DEPOIS ENXERGOU AGRESSÃO DO DUDU EM LANCE DE DISPUTA DE ESPAÇO EM QUE ELE ESTAVA DE COSTAS TA DE BRINCADEIRA NÉ????

  • SAULO

    O jogador mau-caráter sempre acaba “pegando” o dele.

  • e o juiz nao vai ser punido anres do lance ele recebeu falta do jogad0r do santos

    o juiz nao vai ser punido pois ouve falta em dudu antes da expulsao

  • VInicius Verdão

    Nem imagino o time que o tal jornalista torce…

    Sou a favor de uma punição ao Dudu sim, mas por que só para ele tem que ser pedagógica? Antes de ser a favor desta punição, entretanto, sou a favor da IGUALDADE de justiça. No caso Petros, tão hostil quanto o do Dudu, a pena foi abrandada para 3 jogos. Por que agora querem diferenciar os dois casos, simplesmente porque a bola estava rolando? O desrespeito aconteceu em ambas.
    É por essa e outras que vemos os escândalos descobertos hoje pelo FBI em relação à CBF. O STJD ( e qualquer outro TJD) nada mais é do que um órgão da CBF, julgando em favor dos interesses dela.
    Quer outro exemplo da desigualdade de justiça? Até hoje, só um jogador foi punido por assumir ter forçado o 3º amarelo, o Valdívia. Muitos o fizeram antes, e muitos o fizeram depois, inclusive o Elias uma semana após o Valdívia, quando ainda jogava no Flamengo. O que aconteceu com ele? NAda.

    E ainda temos que ler um torcedor se passando por jornalista escrevendo isto… VERGONHA!

MaisRecentes

Um Dérbi sob o signo da invencibilidade



Continue Lendo

Ceni e Mancini, vítimas de cartolas inconvictos



Continue Lendo

Cristiano Ronaldo, uma máquina de obstinação



Continue Lendo