Ganso e Neymar sob os quilos da pressão



Esperava-se muito da dupla Ganso e Neymar na Copa América. Viu-se pouco, apenas fagulhas de talento, dos jovens virtuoses em judiados gramados argentinos. Os guris já passaram do estágio de promessas, principalmente após a conquista da Libertadores, mas ainda assim estão com a tez verde e precisam de tempo para amadurecer. É preciso ter paciência e não jogá-los nas ardentes fogueiras expiatórias. E, mais ainda, urge reconhecer que a camisa da Seleção Brasileira pesa toneladas em quem a enverga, principalmente nos debutes. E, por favor, evitemos nessas horas lembrar Pelé, ser de outra galáxia, para dizer que na fronteira da adolescência com a maioridade é possível assombrar mundos. Chega a ser covardia recorrer a outras dimensões, e o Rei do Futebol é de outra esfera, para cobrar os de carne e osso.

Nos jogos era visível o assombro de Ganso. O meia clássico, de toques sutis e certeiros, efetuava passes mortos, em pés rivais. Claro, deu uma ou outra assistência, mas seu rendimento em geral ficou degraus abaixo do que vemos no Santos.

Neymar, por sua vez, estava com o drible envenado, como se a ferrugem, natural com a passagem do tempo, antecipasse em alguns anos sua ação limitante. Os dois gols contra o Equador não compensaram os vários perdidos nos outros jogos. A perna do garoto pesou sob o chumbo da responsabilidade.

A história do futebol brasileiro é um fardo para talentos nascentes. Acostumados que estamos a habilidosos e técnicos jogadores verstindo o manto nacional, de Garrincha e Pelé a Ronaldo e Rivaldo, não suportamos, torcedores e críticos, a ideia de um time mais obreiro, menos fantasioso. É em nome dessa tradição que quem depressa cintila é atirado aos leões com a missão de perpetuar nossa grife.



  • Paulo Pinheiro

    Pelé não foi o único a estrear bem na Seleção Brasileira.
    Tivemos outros exemplos: Zico (que fez gol de falta na estréia), Ronaldinho Gaúcho (que fez aquele gol maravilhoso contra a Venezuela), etc.

    Pelé é o mais citado por ser o caso mais didático.

    O problema, caro colunista, não está no que dizer do futebol deles nessa Copa América. O problema está no que dizer sobre O QUE DISSERAM que eles são. Não são gênios! São candidatos a craques.

    E diga-se de passagem, se eles sentem a camisa pesar por que criticaram tanto o Dunga em não ter levado eles para a Copa do Mundo? Quem responde essa?

  • Franklin

    Dou razão para o Jorginho(ax. do Dunga), ainda não estão prontos esses garotos para serem e carregar o peso de uma canarinho, estão começando o PH Ganso ainda precisa ser mais ZIdanes, chamar a bola e a marcação e Neymar por mais que pareça loucura tem talento, mas precisa ser mais incisivo,decisivo e não se limitar somente as laterais do campo. Me lembra muito um jogador que foi para o Real Madrid, sonhando em ser o melhor do mundo, quem é Robinho. Neymar deve ficar mais tempo sendo treinado pelo Muricy. E evoluir muito ainda. E parem impresa de fazer o jogador maior que o time ou o Clube que o jogador defenda. Eles chegam na seleção achando que é simples ser e Selecionado pra representar o Brasil no futebol.

  • Antonio Vilson Menezes das Neves

    Na minha humilde opinião,foi muito bom a desclassificação da dita seleção brasileira,foi um balde de agua fria na cara dos arrogantes e corruptos dirigentes do futebol brasileiro,não só deles,mas também de quem tenta nos empurrar obras superfaturadas de estádios,dizendo que a copa do mundo é bom para o país,da mídia tentando nos enganar,principalmente a rede globo,que é a que mais ganha e ganhará com este evento.

  • Paulo Eduardo

    Bom dia !!

    Uma coisa é jogar o futebolzinho caseiro. Outra coisa, é jogar fora do Brasil e vestir a camisa da seleção. Como diz o profeta: uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Talvez, os maiores assassinos de jovens jogadores, é a impressa. Ela assassina, sem dó e sem piedade.
    A mais de ano, a impressa escreve, como se o futebol brasileiro fosse sòmente Ganso e Neymar.
    Ganso ainda têm muito que afogar e o Neymar muito que pentear, antes de se acharem.
    A bola pune, como diz Ramalho, o Murici.
    São bons jogadores, em um pais que temos falta de bons jogadores. Ai, querer elevara aos pincaros da bola, vai um certa dstancia, de alguns anos luz………….Vamos com calma.
    O futebol do Brasil, já nao é mais o mesmo. Não adianta desesperar. Hoje até o time do Chaves é parede para nós. Vamos esperar o futuro. Depois da era Dunga, vem a era da Branca de Neve, mas a musiquinha sempre é a mesma: ” eu vou……eu vou…….prá casa agora eu vou…”

  • SERGIO LUIZ DE SOUZA

    A CULPA É DA GLOBO (TV GLOBO), HÁ MUITO TEMPO, HÁVIDA DE AUDIÊNCIA PROCURA QUALQUER JOGADOR EM CLUBE GRANDE FOCA AS ATNÇÕES NELE PASSA A TRATA-LO COMO FORA DO NORMAL TUDO COM A INTENÇÃO DE OBTER MAIOR AUDIÊNCIA E JOGA TODOS ESSES GAROTOS AOS LEÕES… TUDO POR AUDIÊNCIA NÃO DA UM TEMPO PA ELES SE FIRMAREM ASSIM FOI COM KAKA E OUTOS MAIS QUE CHEGARAM A SELEÇÃO E SUMIRAM AI!

  • Edson Anastácio

    Bom dia a todos!
    Respondendo Paulo Pinheiro, não me consta que tenham sido eles a criticar o Dunga. Apenas tinham o direito de querer estar na copa! A convocação deles era um risco, e mesmo assim penso que valeria tê-los na reserva para adquirir know how em copas!
    Franklin, concordo que eles ainda não estão prontos, mas é o que você bem confirmou, nossa imprensa quer e precisa ter ídolos e vivem colaborando na queima de etapas na carreira de muito jogador bom. Agora me perdoe, dar razão ao Dunda e ao Jorgiho!! falar agora é fácil!!
    Vamos aguardá-los no SANTOS de braços abertos!! Saudações.

  • Márcio

    Estão mais que prontos! A Seleção foi mal? Sim! Não passou das quartas? Sim! Perdeu para o Paraguai nos penaltys? Sim!

    Mas se Neymar e Ganso não estivessem lá, a seleção teria ido MUITO mal, não teria passado da primeira fase e teria perdido para Venezuela e Equador!

    Podem não ser craques nem os melhores do mundo, mas são melhores do que Danilo e Willian, Marlos e Dagoberto, Ronaldinho Gaúcho e Deivid, Valdivia e Kleber, Diego Souza e Eder Luis…

    Afinal, esse ano, esses dois somando mais 9, é claro, já venceram Paulista e Libertadores, certo? Como duvidar deles ou deixar de convocá-los? Sou palmeirense e sei que se estivessem no Pacaembu há duas semanas atrás, dificilmente meu time teria vencido o Santos, menos ainda por 3 x 0!

    Sei que o assunto é o fato de estarem aptos ou não à defenderem a Seleção, mas se não for na prática, como irão aprender a desenvolver essa tarefa tão difícil?

    E o Jorginho é um cabeçudo! Ora pois, aclamávamos para que eles fossem convocados, se jogariam ou não, é outra história! O importante seria estarem lá com o grupo e se precisassem, em último caso provavelmente, entrar! Ou alguém já viu alguma seleção em uma Copa do Mundo com no máximo 7 jogos, algum time utilizar os 23 jogadores do elenco???? Óbvio que não usa! Ainda mais pra 7 jogos, pois time campeão vai com a mesma base até o final! Ou seja, igual ao Ronaldo Fenômeno que depois da Copa de 94 em que nem saiu do banco, Neymar e Ganso poderiam vir a brilhar na Copa América, mas talvez por não terem ido em 2010, não convocados por Dunga e Jorginho, não tenham conseguido ir bem no torneio em 2011.

    Resumindo, são os melhores jogadores brasileiros em atividade no momento e que, o fato de terem ido mal na Copa América é algo muito relativo. Eu acredito que sentiram o peso, mas que fizeram muito mais do que qualquer um faria. E acredito também que se tivessem ido em 2010 para a Copa, estariam prontos para qualquer tipo de pressão! Ainda mais se a derrota para a Holanda realmente tivesse acontecido, pois já teriam sentido o baque de uma enorme decepção!

    Por isso, fãs de jogadores brutamontes, favor olharem com bons olhos esses dois caras, pois eles ainda farão nós termos gosto de assistirmos nossa seleção jogar!

    Abraços!

  • Edwin Perez

    Bom, desse ponto de vista prontos estão Grafite, Kleberson, Nilmar……….Ganso e Neymar são a realidade do futebol brasileiro hoje, com muita juventude e talento. Assim como falam que não estavam prontos para a Copa, o que mudará isso? Serem campeões brasileiros e mundiais?
    Ganso e Neymar, respectivamente 19 e 21 anos, quem nessa idade era TITULAR de uma grande seleção nacional? Romário? Ronaldo? Rivaldo? Ronaldinho Gaúcho? Zico? Messi? Zidane? Maradona? eu não sei, se puderem ajudar seria legal para enriquecer o debate. Estes atletas servem de parâmetro pois são neles que pensamos quando falamos dos dois. Pelé é ÚNICO!

  • Marcio

    Como pode o Ganso e o Neymar jogar em uma seleção que ao meu ver é formada por panelinhas
    o Lucio e Frango Cesar criticaram que ningiem joga so com o nome, num claro ato de que os jogadores ditos veteranos estavam boicotando os tres jogadores novatos que estão em maior exposição na midia, os dois acima e o Lucas. Estes veteranos depois do fiasco Dunga/Jorginho é que deveriam pedir para sair, sem contar que o momento antes da copa os dois jogadores do Santos estavam em um momento muito melhor, sem contar que o Ganso esta voltando agora de contusão. Então não podemos culpar nem jogar o peso do fiasco apenas nos dois Neymar/Ganso
    ja no caso da copa a culpa foi do Dunga/Jorginho este agora mostra o quão ressentido ele é fica falando um monte de m………..

  • Alex

    Se eles não estão prontos pra seleção, quem deveria ir no lugar deles? Kaká bichado? Ronaldidinho gaúcho fim de carreira (nunca jogou bem na seleção)? Adriano pinguinha, ex jogador em atividade? Os caras só precisam de tempo po.. nem sempre ronaldo, rivaldo e cia decidiram pela seleção.. perderam mtos jogos e jogaram mal muitas vezes, mas tinham potencial e foram mantidos, o mesmo caso de ganso, neymar e pato..

  • REVOLTADO

    Nós precisamos parar com esse negócio de comparar com esse negócio de comparar um jogador a outro; pessoal cada qual tem a sua própria individualidade, sua própria habilidade e isso é mostrado dentro de campo e não simplesmente em artigos e fotos ilustrativas.
    Esses dois jogadores já mostraram que são muito talentosos, mas ha uma necessidade no futebol brasileiro de ter um craque um ídolo e isso acaba de alguma forma atrapalhando.
    Eu gostaria que se possível alguém cite o nome de dois jogadores brasileiros em atividade no momento tão talentosos quanto Ganso e Neymar.

  • Paulo Pinho

    Não podemos esquecer que o Mano veio para promover mudanças, devemos focar em montar uma seleção para a copa de 2014, não para Copa América, então vamos amadurecer os garotos. Neymar, Ganso, Pato, Marcelo, Tiago Silva, Lucas… são o futuro da seleção, devem e podem ser treinados para arrebentar na copa do mundo.

  • Edmárcio

    O resto do time do Brasil não conseguem acompanhar uma simples tabela e o problema é do Ganso e Neymar… o Ganso é um maestro, chego a dizer que apenas 1 gol do Brasil marcado na copa américa não passou por seus pés… não tem como reclamar dele se o resto do time não marca gol… e Neymar é decisivo como sempre, mas a bola precisa chegar nele… ele está tendo que voltar toda hora para buscar jogo, assim não dá. Ver o Brasil voltar toda a hora a bola para a zaga devido a volantes medrosos é o cúmulo do ridículo, e ainda a culpa cai em Neymar e Ganso.

  • Rodrigo

    Fazer em clube sempre é mais fácil….jogar Campeonato Paulista e Copa do Brasil, é sempre mais fácil…O Neymar pelo menos jogou Libertadores, que atualmente, deixou de ser bicho papão…O Ganso só jogou a final e ainda sim, contra o fraco Penharol….esse garotos, são reféns daqueles que dizem que eles são craques, sem serem.

  • TRI MUNDIAIL DOOM

    NEYMAR COMO EU SEMPRE DISSE É FAROFA, NÃO VAI SER O GÊNIO QUE ACHAM, MAS TEM JOGADO E JOGOU MUITO ANTES DA COPA.
    GANSO VAI SER GENIO, O FUTEBOL DELE É INTELIGENTE, ELE FEZ UM COPA AMÉRICA MÉDIA EM COMPARAÇÃO A NEYMAR Q SÓ SABIA DANÇAR BALLET NO CAMPO, SÓ Q ELE COLOCAVA BOLA NOS PÉS DE NEYMAR E NEM CHUTE SAIA QUANTO MAIS GOL, NÃO TEM REFERÊNCIA PRO MEIO CAMPO, ALEXANDRE PATO NÃO É CENTROAVANTE E OS Q TEM SÃO BEM RUINZINHOS COMO FRED…
    MAS AQUELA SELEÇÃO DE DUNGA ERA HORRÍVEL, JORGINHO NÃO PODE FALAR NADA… PREFIRO PERDER COM NEYMAR, GANSO E RONALDINHO QUE GANHAR COM FELIPE MELO, JÚLIO BATISTA E ROBINHO.

  • Diogenes martins

    Jogar no Santos, para a torcida é fácil agrande maioria da imprensa em especial o sr. Milton Neves, quem eu acho um imbecil, elevaram os meninos às alturas. E eles se acharam e se acham.Sao projetos de craques o que não o credenciam a serem tão omissos e egoistas. Futebol é grupo, conjunto, coletivo. PARABENS DUNGA, profisional sério, ético e coerente, por não levar esses brincalhões. Embora o talento desses jovens seja evidente, teem muito a aprender, como o elementar nas nossas vidas e no futebol, o coletivo deve ser priorizado, que tal sermos mais NÓS, deixando o eu para os babacas falarem.

  • André

    E a historia se repete… enchem a bola… vendem jornal… fecham-se contratações… os agentes ganham comissões estratosféricas… os grandes candidatos a craques (citando o colega acima) passam de promessas a frustações… vão e voltam da Europa, talvez passam pelo Oriente Médio… e o no final todos são felizes… uns iludidos, outros com grana no bolso…

    Ganso e Neymar são apenas coadjuvantes nessa trama… se conseguirem jogar bem, ótimo para nós torcedores… senão, outros descerão do morro, com lata d’água na cabeça ou não, para tentar encantar-nos… e assim começar um novo ciclo

  • Alexandre

    Continuo achando que o Dunga deveria ter convocado Ganso e Neymar para a Copa-2010, mas como reservas, para ganhar experiência (como o Ronaldo em 94 e o Kaká em 2002). Até porque ele convocou uns 3 ou 4 jogadores sem nenhuma condição de defender a Seleção, incapazes até de ser reservas.
    E na Copa América os dois também não deveriam ser os principais nomes da Seleção do Mano, pois são ainda muito novos para isso (19 e 21 anos). As estrelas da seleção deveriam ainda ser caras como Ronaldinho Gaúcho, Adriano e Kaká, o problema é que a irresponsabilidade dos dois primeiros e as contusões do terceiro impediram esta “transição suave”.
    Tomara que o Kaká se recupere para poder continuar como referência na Seleção.

    Ao Paulo Pinheiro, a questão não é estrear com gol, pois o Neymar também estreou com gol, a questão é ser O destaque da Seleção com tão pouca idade (menos de 20 anos) coisa que só o Pelé conseguiu, em 58, e mais ninguém. O Ronaldo, por exemplo, tinha 22 na Copa de 98, era a grande estrela, mas fraquejou na Final.

  • Marcio Silva

    Verdade seja dita, o Dunga tinha razão.
    Ele disse que esses meninos tinham que amadurecerem mais, para vestir a camisa da seleção. E vocês todos da imprensa, sem excessão, criticaram ele de todas as formas, até chamaram ele de “burro”, simplesmente porque ele defendeu um esquema tático e um grupo que ganhou tudo que disputou antes da copa, mas agora vocês, que criticaram o Dunga por não ter levado Ganso, Meymar, Pato, para a copa 2010, dizem que os garotos não estão preparados para vestirem a camisa da seleção, que é preciso dar tempo para eles amadurecerem como profissionais e craques, que eles ainda não são, que eles são promessa de jogadores com talentos, por coincidencia, as mesmas palavras de Dunga. E agora, quem é que tinha razão a um ano atrás? Responda para nós, torcedores, essa pergunta Valdomiro Neto.

  • Fábio -Santos Sempre Santos

    É engraçado!!! Respondam p/ mim…
    O Messi é Gênio? Porque depois de inúmeras partidas pela seleção Argentina, ele continua não jogando bem na mesma?
    O Dunga estava tão certo em não leva-los, que o resultado na copa nós sabemos muito bem qual foi (um fiasco).
    E vocês estão querendo jogar toda a responsabilidade p/ cima deles. Esqueceram dos jogadores experientes e tarimbados que não jogaram nada … pois ninguém jogou nada nesta copa américa.
    É simples resolver isso… não convoquem mais os 02… nos SANTISTA agradecemos…
    Vocês vão ver o quão craques eles são, quando nós ganharmos do Barça em dezembro.

  • SOARES

    E o Dunga tinha ou não tinha razão?

  • Pedro

    Ganso e Neymar:

    2 Paulistas, 1 copa do brasil, 1 Libertadores

    só falo isso

  • TOLIMINADO TOLIMA

    NADA A VER COM ESSA PRESSAO,o problema é que foi feita uma convocação com jogadores que tinham em mente que os dois garotos iriam salvar a péle de todos inclusive a do Mano Menezes, só que o Mano acordou tarde para os sistemas taticos,
    tudo bem que contra o Paraguai todos resolceram jogar, encurralaram os gringos em sua defesa, mas só faltou a bola entrar, correram, deram chutes, lançaram,
    se aplicaram de todo jeito, mas a bola era defendida muito bem pelo seu goleiro,
    e os dois nao cobraram penaltis, pois o Mano errou em substitui-los, viram que o time brasileiro caiu com a saida deles, e no mais, o tecnico paraguaio falou que os brasileiros mereciam ganhar.
    Outra coisa, é um time em formação e nao uma seleção entrosada como o da argentina que tinha o melhor do Mundo.

  • joao victor velloso

    Caríssimo Valdomiro Neto,

    gostei muito do que você escreveu. E tenho a acrescentar que os jovens Neymar, Pato e especialmente Ganso, são jogadores excepcionais, no esplendor do… começo de suas carreiras!
    Pelé? Teve Nilton Santos, Didi e Gilmar como âncoras para suas diabruras no começo de seu tempo. E era, de fato, um ser de outra galáxia, como o também era (e muito menos do que merece ser lembrado) o gênio das pernas tortas, o mágico Garrincha. Garrincha era doido de pedra: dava-lhe o mesmo se jogasse contra a Rússia ou contra o time das peladas em Pau Grande, estado do Rio. Ele ganhava todas. Ninguém lhe tomava a bola, feito o Messi que vemos hoje. Só que mais endiabrado. Incomparável.
    Depois vieram Gérson (pouquíssimo lembrado, com aqueles passes milimétricos…), Rivelino, Zico, Falcão, Cerezzo, Romário, Rivaldo, Ronaldo.. Todos grandes. Alguns venceram em copas. Outros não.
    Dunga foi infeliz o bastante para se tornar o grande responsável por não ter dado um pouco mais de malícia e experiência a Ganso e Neymar. Pato andava machucado na época da Copa da África. Um bocado de bagagem, especialmente de comportamento em fazer parte de uma Seleção Brasileira.
    Quem critica os meninos de hoje devia se lembrar de que Dunga convocou os “geniais” Grafite e Kleberson (cadê eles?) para os lugares que aqueles deveriam e mereciam ocupar. Dunga foi uma experiência amarga que jamais deveria ser citada por quem gosta de bom futebol. Ao menos como técnico, que ele nunca foi.
    O referencial dos garotos Neymar, Pato e Ganso é Robinho. É muito pouco, não?
    Falhamos miseravelmente na Argentina, nesta Copa América. E se não aprendermos nada com isso é que se tornará o verdadeiro problema.
    Ganso, Pato e Neymar serão gênios de primeira grandeza no futebol. Esperem e verão.
    Abraços,
    João

  • Paulo Leme

    Endeusaram Ganso e Neymar como Gerson e Pelé
    Neymar, este chegou a ser capa de Veja
    com direito a coroa e cetro,
    pronto e acabado, digno sucessor de Pelé,
    menos turma,
    Neymar não chega a Messi, nem Ronaldo
    e nem Ganso a Rivaldo
    são candidatos apenas a Neymar e Ganso,
    o q já é uma gde coisa
    então pra desgosto de Galvão e Cia
    não atenderam às expectativas, e frustraram a audiência
    mas baixem a bola, que se dê um tempo a eles
    se tudo for bem obrigado, se consagrarão como Ganso e Neymar mesmo
    o q já vai ser uma grande coisa

  • E.SOUZA

    SIMPLES: Ganso e Neymar não renderam o esperado, juntamente com Julio Cesar e todos os demais convocados, inclusive o tecnico Mano Menezes que tambem não disse a que veio, estamos aguardando toda a seleção voltar a jogar bola.

  • Marcelo

    A imprensa e o povo brasileiros são medíocres mesmo. Há 2 semanas os 2 era craques, o futuro da seleção. Jogaram a responsa pra cima deles, sem considerar que estão começando na seleção, numa seleção, diga-se de passagem, meia-boca e já pressionada pela derrota na Copa, com um técnico diferente, retranqueiro e também pressionado. Agora, os 2 são horríveis, não prestam, são imaturos blá blá blá. Na Copa eles seriam reservas, não teriam peso nenhum nas costas, seriam novidades para os adversários (como foram a maioria dos nossos grandes jogadores antes de se tornarem famosos – Pelé, Zico, Ronaldo etc.) Todos estes surgiram como surpresas e bem novos e sem a responsabilidade de serem “os caras” na seleção. O Pelé em 58 tinha 17 anos e tava longe de ser o super astro do time, tendo inclusive começado na reserva a Copa. Enfim, enquanto os jornalistas e o povo for medíocre não iremos longe.

  • Eu discurso do primeiro comentarista, o Paulo Pinheiro. Pelé ser o exemplo mais citado por ser o mais didático. Pelé é o caso mais citado por ser o único que funcionou. Foi o unico estreante mirim que emplacou. Uma copa do mundo com 17 anos, seis gols (alguns antológicos) e um título, até hoje ninguém repetiu tal façanha e dificilmente fara. Concordo com o colunista que a camisa pesa e pesa muito.
    Mas isso não quer dizer que os meninos não possam vingar e tambem nao quer dizer que eles são craques e vão vingar. Eles ainda tem muito a provar, podem vir a ser craques ou então aqueles que vao para a quase esquecida galeria do ‘quase’.
    mas um questionamento foi bem feito. agora nenhum jornalista admite que o Dunga estava certo em não levar os meninos.

  • Thiago SP

    Marcelo, parabéns pelo comentário, concordo plenamente com você, a antes da copa todos criticaram o Dunga por não ter levado os dois, a 1 mês atrás eles eram astros agora vem esses colunistas meia boca dizer que os 2 são mediocres, que não renderam muito e tudo mais, devemos lembrar que a seleção é formada pela equipe, o robinho q tem muito mais experincia foi aparecer no último jogo, o Lúcio e Thiago silva que agente não vê errar erraram, o Daniel alves também com mais experiencia que os 2 juntos errou também, sabe o mano esta começando agora na seleção acho que não devemos crucificar ele, pois essa seleção é quase sud-23 temos que dar tempo para ele trabalhar, atualmente os técnicos nacionais reclamam de entrosamento depois da 6º ou 7º rodada, imagina eles que cada um mora em um lugar diferente, calor, frio, ect.
    Todos falaram de como PH Ganso e Neymar jogaram no primeiro jogo da seleção contra os Estados Unidos, agora os 2 não prestam, devemos lembrar que o rei do futebol em 58 como ja foi dito com 17 anos era banco e agente tinha uma puta seleção, portanto não havia nenhuma pressão sobre ele, e por destino o atacante brasileira que me falha o nome agorase machucou e o pelé teve que jogar e fez o que fez e ali começava a bela história do rei, não vamos jogar a culpa nos garotos que com certeza vão arrebentar no futebol mundial, e esses jornalistas mediucres que não tem o que falar, é melhor ficarem quietos para não falar besteiras.

  • Jadson Missões

    Esses Dois tem muito a contribuir ainda para Seleção Brasileira!
    Vamos ouvir Falar muito Deles! sabe porquê?
    Pq eles são jogadores diferenciados!
    ELes precisam de mais jogos com a camisa da seleção para mostrar seu
    Verdadeiro Futebol. Acabaram de conquistar uma libertadores que é uma competição
    muito dificil de se conquistar.

MaisRecentes

Quanto valem Messis e da Vincis?



Continue Lendo

No bipolar Brasileirão, o futebol é obra inconclusa



Continue Lendo

Guttman, uma bela e vitoriosa trajetória



Continue Lendo